Anfetamina (bala, ecstasy, balinha, MDma): efeitos e sensações
Menu & Busca
Anfetamina (bala, ecstasy, balinha, MDma): efeitos e sensações

Anfetamina (bala, ecstasy, balinha, MDma): efeitos e sensações

Home > Lifestyle > Saúde > Anfetamina (bala, ecstasy, balinha, MDma): efeitos e sensações

Que a anfetamina ou, como é conhecida, bala dá aquele brilho nos olhos e uma acelerada nas ideias, você já deve saber, mas seus efeitos podem ser devastadores.

Conhecida como ecstasy, bala, balinha colorida, MDma ou mesmo só MD, os efeitos da anfetamina são o estímulo do sistema nervoso central, aumentando o estado de alerta, reduzindo a fadiga, aumentando a concentração e diminuindo o apetite. Devido a este último efeito, as anfetaminas foram utilizadas durante anos como fórmulas para o emagrecimento rápido. No Brasil, o uso dessa droga sintética é proibido, seja em sua versão como ecstasy ou em remédios e fórmulas para emagrecer.

Dito isso, conheça as sensações causadas pela bala, além das reais consequências dessa substância em nosso organismo.

Anfetamina (ecstasy, bala, balinha colorida, MDma)

Anfetamina (ecstasy, bala, balinha colorida, md): efeitos e sensações
Anfetamina (ecstasy, bala, balinha colorida, md): efeitos e sensações

Forma de ingestão: oral

Duração: de 1 até 8 horas

Risco de dependência psicológica: alto

Risco de dependência física: nenhum

Efeitos da Bala (Droga)

A curto prazo, em quantidades médias, a bala causa efeitos como excitação, euforia e diminuição de apetite. Já em maiores quantidades, pode causar inquietação, irritabilidade, insônia, desarranjos estomacais e convulsões. Em longo prazo, pode causar problemas dermatológicos, subnutrição, alucinações e psicose.

Além das “boas” sensações, de energia e agitação, a balinha pode provocar sensações ruins no corpo do usuário, sem relações com a abstinência. Após a ingestão, ocorre o aumento da temperatura do organismo, tensão muscular (impedindo movimentos), enrijecimento dos membros inferiores e da coluna e oscilação da pressão arterial, efeitos recorrentes em usuários de bala, ecstasy ou balinha.

Anfetamina (ecstasy, bala, balinha, MDma) efeitos e sensações
Anfetamina (ecstasy, bala, balinha, MDma) efeitos e sensações.

Efeitos da Bala no Corpo

A bala é uma droga que promove alterações em alguns neurotransmissores do cérebro, entre eles os chamados dopamina e serotonina, o que causa os efeitos de alerta e a sensação de bem-estar. A droga também deixa o usuário mais comunicativo e com melhor desempenho intelectual.

Esta droga, no entanto, aumenta a pressão arterial e, se usada em excesso, pode provocar infartos do miocárdio, AVC e morte por sufocamento e desidratação.

Se utilizada em doses homeopáticas, as anfetaminas podem tratar doenças como déficit de atenção, dislexia, narcolepsia, entre outras enfermidades.

Efeitos da Bala no Cérebro

A droga, conhecida popularmente como bala, MDma ou ecstasy, possui efeitos graves para o cérebro. A substância, a curto prazo, causa euforia, insônia, depressão, problemas de memória e concentração. Isso ocorre porque a anfetamina afeta diretamente o sistema nervoso de seu usuário e atrapalha o funcionamento de neurotransmissores.

As sequelas a longo prazo, contudo, são mais séries, pois elas indicam um nível de deterioração do cérebro irreversível, causado pelo uso excessivo da bala (droga). Entre os problemas adquiridos está a falha total na transmissão de sinais elétricos no sistema nervoso central.

Qual a Brisa do MDma?

O MD age diretamente no cérebro, aumentando a quantidade de noradrenalina, dopamina e serotonina nas sinapses. São esses hormônios os responsáveis pela brisa do Mdma, uma droga conhecida por causar euforia, alegria momentânea, bem-estar, distorção da realidade e, em alguns casos, alucinações.

Essa é uma característica de todas as anfetaminas, que provocam essa sensação de agitação e euforia, como a bala droga, balinha, ecstasy e MD.

Quanto Tempo Dura o Efeito do MDma?

O MDma, uma das variações da anfetamina encontrado em forma de pó ou cristais, é uma droga que estimula a produção de hormônios como a serotonina, provocando sensações como felicidade e bem-estar. Os efeitos podem durar até 8 horas após o consumo, no entanto, a droga só será expelida por completo do organismo após 48 horas.

Um dos sinais físicos de que o efeito do MDma está passando são as pupilas contraindo, retornando a seu tamanho normal. Por causar euforia, as anfetaminas deixam as pupilas dilatadas, causando problemas visuais ao usuário.

Quanto Tempo a Anfetamina Fica no Organismo?

A anfetamina e suas variações ficam no organismo do usuário até 90 dias após seu consumo, contudo, os efeitos da bala já não são mais sentidos. Além disso, o MDma é uma variação da droga que consta facilmente em exames toxicológicos.

Em testes de sangue, a anfetamina surge até 12 horas após o consumo, enquanto a metanfetamina permanece por 37 horas no sangue e o MDma por 48 horas. Testes do tipo urina apresentam resultado positivo para anfetamina até 3 dias após o consumo, para metanfetamina até 6 dias e para MDma em até 4 dias.

Testes de cabelo podem detectar a droga no organismo em seu período máximo, sendo a anfetamina (bala), metanfetamina e o MDma detectados até 90 dias após seu consumo.

Como Cortar o Efeito da Droga Balinha

Não há como cortar o efeito da droga balinha ou do MDma instantaneamente, pois é uma substância que age diretamente no cérebro e fica no organismo por dias. Os efeitos, no entanto, podem ser amenizados para que o usuário passe pela brisa da droga balinha e do Mdma mais tranquilamente.

O primeiro passo é encontrar um local tranquilo, com poucas pessoas, uma iluminação leve e pouco ruído. Esse ambiente é ideal, pois a balinha torna os sons, luzes e cores mais fortes, deixando o usuário eufórico. Em seguida, tente relaxar, quanto menor os níveis de cortisol (hormônio do estresse) mais rápido os efeitos da substância irão passar.

Além disso, ter alguém de confiança com você é muito importante, pois essa pessoa poderá te ajudar com o que for necessário, como lhe trazer água, ajudar a encontrar um local calmo e seguro e manter sua integridade física.

Por último, procure um hospital caso os efeitos continuem fortes após 4 horas depois do uso, pois apenas um médico saberá baixar as taxas hormonais e lhe ajudar com os efeitos físicos e psicológicos da anfetamina.

Sintomas e Efeitos da Abstinência da Bala

Os sintomas e efeitos mais frequentes da abstinência de bala ou balinha e outras anfetaminas são a ansiedade, fadiga, paranoia, variações de humor e depressão. A longo prazo, a droga pode causar quadros psicóticos, que durante o período de abstinência podem se intensificar.

Pessoas que estão se desintoxicando desse tipo de droga devem, além do tratamento com fármacos, ter acompanhamento psicológico, realizar meditações, entre outras atividades tranquilas.

Componentes da Bala (Droga)

A bala ou ecstasy é uma droga sintética feita em laboratória a partir do composto 3,4-metilenodioximetanfetamina, popularmente conhecido como MDma. Esta droga é uma das diversas variações da anfetamina, que pode ser utilizada de diversas maneiras e em diversas drogas e remédios.

Um dos efeitos da bala, o alucinógeno, é uma consequência do 3,4-metilenodioximetanfetamina, que pode causar alucinações, psicose, entre outros efeitos psicológicos. Além disso, esse componente provoca efeitos como dores de cabeça, dores musculares, náuseas, hepatite tóxica, problemas renais, arritmia cardíaca, alucinações e crises de pânico.

Curiosidades sobre a Anfetamina (Bala, Ecstasy, MDma, MD)

A bala, ou como conhecemos ecstasy, foi criada em 1914 pela empresa farmacêutica e de tecnologia Merck. O intuito era formular um novo moderador de apetite que auxiliaria soldados durante a Primeira Guerra Mundial.

A anfetamina, contudo, só passou a ser utilizada em larga escala durante a Segunda Guerra Mundial, para manter soldados acordados, mais ativos e, como foi pensado pela empresa, com o apetite moderado.

Quando retornaram da guerra, muitos soldados estavam viciados na anfetamina e passaram a comercializar ilegalmente a droga. O comércio se expandiu e a formulação da bala se espalhou, sendo produzida por outras farmacêuticas e outras pessoas.

Atualmente, a bala é utilizada como uma droga de efeitos como euforia, excitabilidade e aumento do líbido, estando presente em festas noturnas e raves, ambientes frequentados pela camada jovem da sociedade.

Sensações causadas pelo ecstasy.
Efeitos da balinha: bem-estar e euforia estão entre as sensações causadas pelo ecstasy. | Foto: Reprodução.

Além da anfetamina, você pode ler sobre os efeitos de drogas como o do cigarro, do álcool, da cocaína, da maconha, do lança perfume, heroína e do LSD.

Leia também o que acontece no corpo quando misturamos drogas.

E há ainda as drogas que são legalizadas – embora letais.

E veja ainda os famosos antes e depois das drogas.

0 Comentários

Tags mais acessadas