Ensino Médio: Prefeitura de Sp autoriza volta as aulas em novembro
Menu & Busca
Ensino Médio: Prefeitura de SP autoriza volta às aulas em novembro

Ensino Médio: Prefeitura de SP autoriza volta às aulas em novembro

Home > Universidades > Ensino Médio: Prefeitura de SP autoriza volta às aulas em novembro

Prefeitura da cidade de São Paulo anuncia volta às aulas presenciais para alunos do ensino médio a partir de novembro. Saiba mais

volta às aulas
Prefeitura de São Paulo anuncia volta às aulas para ensino médio.

Prefeitura de São Paulo anuncia volta às aulas para ensino médio

Por conta da pandemia e da quarentena instaurada na cidade de São Paulo para conter a disseminação do novo coronavírus, as aulas presenciais nas escolas públicas e privadas foram suspensas e, desde março, os estudantes da cidade estão tendo aulas virtuais através do ensino remoto.

Em pronunciamento feito hoje (22), o prefeito da capital paulista, Bruno Covas, anunciou que a retomada das aulas poderá ser feita a partir de novembro, apenas para alunos do Ensino Médio. No dia 19 de novembro, a prefeitura de São Paulo voltará a se pronunciar sobre o retorno dos alunos do Ensino Fundamental.

Queria anunciar também que no dia 19 de novembro, com base na segunda fase do censo sorológico e com a evolução da pandemia na cidade de São Paulo, nós teremos uma nova coletiva para anunciar o que acontece e o que fica autorizado na cidade de São Paulo em relação à área da educação a partir do dia 1º de dezembro.

Disse Bruno Covas de acordo com o G1.

O censo sorológico é uma pesquisa feita para saber quantos professores, alunos e servidores municipais tiveram contato com o vírus Covid-19 e desenvolveram anticorpos específicos contra a doença, fato que não as torna imune ao coronavírus.

A prefeitura estima realizar os testes em cerca de 675 mil alunos e 120 professores e funcionários. No entanto, a realização dos testes não é obrigatória.

A primeira fase da pesquisa aconteceu no dia 1º de outubro e o teste revelou que apenas 13,2% do público-alvo já teve contato com o vírus da Covid-19. Os testes foram realizados em cerca de 65.400 pessoas. Segundo Bruno Covas, somente os docentes que já tiveram a doença retornarão para as escolas.

Nós vamos chamar para voltar para dentro da sala de aula apenas os professores que já estão imunizados de acordo com o censo que está sendo realizado pela Prefeitura de São Paulo.

Comunicou o prefeito de São Paulo.

Para os universitários, o retorno às aulas presenciais foi autorizado na cidade desde o dia 7 de outubro. Vale lembrar que a volta às aulas presenciais não é obrigatória, seja para faculdade ou Ensino Médio. O retorno presencial para alunos que praticam atividades extracurriculares no ensinos infantil, fundamental e médio também foi autorizado em 7 de outubro.

Tags mais acessadas