Copa do Mundo 2022: Saiba o que está definido para esse evento
Menu & Busca
Copa do Mundo 2022: Saiba o que está definido para esse evento

Copa do Mundo 2022: Saiba o que está definido para esse evento

Home > Notícias > Esporte > Copa do Mundo 2022: Saiba o que está definido para esse evento

A pouco mais de um ano para a abertura da Copa do Mundo no Catar 2022, os jogos das Eliminatórias estão rolando, e no início de setembro várias rodadas aconteceram. Embora pareça distante, daqui a pouco as 31 melhores Seleções estarão lutando pela tão cobiçada Taça.

Dessa vez, a Copa do Mundo acontecerá no final do ano. Assim, a estreia está prevista para o dia 21 de novembro e a grande final para o dia 18 de dezembro. O Catar desenvolveu um projeto para garantir a infraestrutura necessária para receber o evento. Sendo assim, oito estádios foram construídos ou reformados em quatro cidades diferentes, e são neles que serão distribuídas as partidas.

Saiba o que está definido para a Copa do Mundo de 2022 no Catar.
Saiba o que está definido para a Copa do Mundo de 2022 no Catar. | Foto: Reprodução.

Saiba tudo sobre a Copa do Mundo no Catar em 2022

Estádios

A cidade de Doha, capital do Catar, dispõe de quatro dos oito estádios construídos para receber as Seleções na Copa do Mundo. O Estádio Internacional Khalifa, fundado em 1976, passou por uma reforma em 2017, e está pronto para receber 40.000 torcedores. O local também receberá a partida da disputa pelo terceiro lugar da Copa do Mundo. Enquanto isso, o Al Thumama e Ras Abu Abud, ambos com a mesma capacidade de 40.000 pessoas, ainda não foram inaugurados, mas devem ser entregues até o fim deste ano. Além deles, Doha também abriga o estádio que receberá a partida de estreia e a finalíssima é o Estádio Lusail, que terá  a capacidade de 80.000 torcedores.

Em Al Wakrah foi inaugurado, em 2019, o estádio Al Janoub, que também terá capacidade de 40.000 pessoas. As semifinais do torneio serão disputadas no estádio Al Bayt, localizado em Al Khor, que por sua vez, será capaz de receber 60.000 espectadores. Por fim, na cidade de Al Rayyan estão localizados os dois estádios inaugurados em 2020, o Ahmed Bin Ali, que receberá os jogos até às quartas de final, assim como o estádio Cidade da Educação, ambos com capacidade máxima de 40.000.

Eliminatórias

Ao redor do globo, 210 seleções disputam os jogos das Eliminatórias para garantir a vaga na Copa do Mundo 2022. Apenas o Catar já está classificado por ser o país-sede do evento. Inclusive, o país fará a sua primeira participação em Copa do Mundo. Assim que finalizada a fase classificatória, prevista para terminar em março, o sorteio para definir os grupos acontecerá em abril de 2022. 

América do Norte e América Central

Os times da América do Norte e América Central disputam as Eliminatórias organizadas pela Concacaf. A fase do octogonal final, que funciona em sistema de pontos corridos, teve início no dia 2 de setembro, o México é a seleção que está na ponta da tabela com sete pontos conquistados em três jogos. Os mexicanos são seguidos por Canadá, Estados Unidos e Panamá, todos com cinco pontos. Depois, Costa Rica, Honduras e El Salvador com dois pontos, e por último, a Jamaica com apenas um ponto conquistado. Ao final, apenas três times garantem a vaga direta na Copa do Mundo, e o quarto colocado disputa a repescagem intercontinental.

América do Sul

Na América do Sul, as Eliminatórias contam com 10 equipes: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela. As Seleções são dispostas em um único grupo e disputam jogos de turno e returno, somando ao todo 18 rodadas. Ao final, as quatro melhores classificadas garantem a vaga no Mundial. O quinto colocado vai para  repescagem e disputa em jogo de ida e volta a vaga uma equipe de outro continente. A final é em março de 2022. 

Atualmente, já foram disputadas 10 das 18 rodadas, e o Brasil encontra-se na primeira posição com 24 pontos e com 100% de aproveitamento. Na sequência, vem Argentina, Equador, Uruguai e Colômbia. Depois, fora da zona de classificação e repescagem tem Paraguai, Peru, Chile, Bolívia  e  Venezuela. Ainda este ano, em outubro e novembro serão disputadas mais quatro rodadas. As demais acontecem entre janeiro e março de 2022.

Europa

Na Europa, 55 times lutam por uma das 13 vagas que serão de equipes do Velho Continente. Ainda na primeira fase, as seleções são distribuídas em dez grupos com cinco ou seis times em cada, onde disputam entre si jogos de turno e returno, no sistema de pontos corridos. Os líderes de cada grupo se classificam diretamente à Copa do Mundo. Depois, 12 seleções, os segundos colocados mais os dois melhores da Liga das Nações 2021/22, se enfrentam na repescagem em sistema de mata-mata de onde sairão os últimos três times classificados ao Mundial.

No grupo A, Portugal lidera com 13 pontos em cinco jogos, e em segundo está a Sérvia com 11 pontos. Luxemburgo, com um jogo a menos que os demais, está em terceiro, seguido de Irlanda e Azerbaijão. Com 13 pontos em seis jogos, a Espanha ocupa o primeiro lugar do grupo B, e é seguida pela Suécia com nove pontos e dois jogos a menos. Grécia, Kosovo e Geórgia estão em 3°, 4° e 5° lugares, respectivamente.

No grupo C, a Itália lidera com folga de 14 pontos e seis jogos disputados. Em seguida, com quatro jogos, vem a Suíça, com oito pontos, e a Irlanda do Norte com cinco. Depois, com cinco jogos, seguem a Bulgária com a mesma pontuação da Irlanda do Norte, e a Lituânia, que ainda não pontuou.

A França assume a liderança do grupo D com 12 pontos, sete a mais do que a Ucrânia, na vice-liderança, porém, com um jogo a menos. Na sequência tem Finlândia e Bósnia com quatro jogos, e por último, o Cazaquistão, com três pontos em cinco embates. No grupo E, a Bélgica é a líder com 16 pontos em seis jogos, e é seguida de República Tcheca, País de Gales, Belarus e Estônia.

Seguindo para os últimos quatro grupos, nos quais todas as equipes têm a mesma quantidade de jogos disputados, temos no grupo F, a Dinamarca com 18 pontos em seis jogos ocupando a liderança. A Escócia vem atrás com 11 pontos, seguida de Israel, Áustria, Ilhas Faroe e Moldávia.

No grupo G, Holanda e Noruega têm 13 pontos, mas os Países Baixos assumem a ponta da tabela devido ao saldo de gols. Em seguida, vem Turquia, Montenegro, Letônia e Gibraltar. O grupo H, tem duas seleções também empatadas nos 13 pontos, a Croácia, na liderança, seguida pela Rússia com 13 pontos. Na sequência, tem Eslováquia, Eslovênia, Malta e Chipre.

No grupo I, com 16 pontos, a Inglaterra assume a liderança, seguida de Albânia com 12 pontos, Polônia com 11, Hungria com 10, Andorra com três e San Marino zerado. Por último, com 15 pontos, a Alemanha é líder do  grupo J. Na sequência tem Armênia com 11, Romênia com 10, Macedonia do Norte com nove, Islândia com quatro e Liechtenstein com apenas um ponto.

As equipes europeias também voltam a campo nos meses de outubro e novembro para finalizar a fase de grupos e decidir quem fica com as vagas diretas na Copa do Mundo 2022. No mês de março de 2022 serão realizadas as partidas da repescagem.

África

Na África, também em três fases são disputadas as cinco vagas na Copa do Mundo. Na etapa em vigor, 40 equipes estão divididas em grupos de quatro, onde se enfrentam entre si em jogos de ida e volta. Os líderes de cada chave se classificam para a fase final, e os cinco vencedores se garantem na Copa do Mundo.

No grupo A, a Argélia, com quatro pontos, assume a ponta, seguida de Burkina Faso, empatado na pontuação. Depois, tem Níger com três pontos e Djibuti com zero. O grupo B tem a Tunísia na liderança com duas vitórias em dois jogos, e segue de Zâmbia e Guiné Equatorial, ambas com três pontos, e a Mauritânia, ainda sem pontuar.

O grupo C também tem o líder com seis pontos, a Nigéria. Com três pontos, vem a Libéria, e na sequência, Cabo Verde e República Centro-Africana com apenas um ponto cada. 

A Costa do Marfim ocupa a ponta da tabela do grupo D com quatro pontos. Camarões e Malaui vem depois com três pontos cada, e na lanterna do grupo, Moçambique com um ponto somente.

No grupo E, a ponta da tabela está ocupada pelo Mali com quatro pontos. Quênia e Uganda seguem em 2° e 3° colocados com dois pontos cada, e por fim, Ruanda com um. O grupo  F tem a Líbia na ponta com seis pontos, depois Egito com quatro, Gabão com um e Angola com zero. A África do Sul com quatro pontos assume  a ponta do grupo G. Em seguida, Gana e Etiópia com três pontos, e por último o Zimbábue com um único ponto.

No grupo  H, é o Senegal que está na primeira posição com seis pontos. A Namíbia, em segundo lugar, tem quatro pontos. Depois, o Congo com um ponto está em terceiro  e por fim o Togo sem nenhum ponto. A Guiné Bissau é a seleção que lidera o grupo I com quatro pontos. O Marrocos vem na sequência com três pontos, depois, a Guiné com um, e o Sudão zerado. 

No grupo J, finalmente, com quatro pontos, a Tanzânia tem a primeira colocação. Então é seguida por Benin com os mesmos quatro pontos. Em terceiro, com dois empates, a República Democrática do Congo e, por fim, Madagascar, ainda sem pontuação.

A próxima vez que as equipes voltam às disputas é em outubro e novembro para decidir os classificados a Copa do Mundo 2022 e quem terá chances na repescagem.

Ásia e Oceania

Na Ásia, as Eliminatórias também são divididas em três fases. Atualmente, a competição encontra-se nesta última fase, onde as seleções são divididas em dois grupos e as duas primeiras de cada grupo garantem vaga na Copa do Mundo. As terceiras colocadas se enfrentam no mata-mata para ter uma vaga na repescagem.

A terceira fase de Eliminatórias asiáticas também teve início no mês de setembro e a classificação encontra-se da seguinte forma: no grupo A, o Irã, com seis pontos, assume  a ponta da tabela. Em seguida, vem a Coreia do Sul com quatro pontos, depois, em terceiro estão os Emirados Árabes Unidos com dois pontos. Por fim, com apenas um ponto cada estão nas 4ª, 5ª e 6ª posições Síria, Líbano e Iraque.

No grupo B, a Austrália* lidera com seis pontos, a mesma pontuação de Arábia Saudita que vem em seguida. Depois, Omã e Japão com três pontos vêm em 3° e 4° lugares. Já Vietnã e China estão sem pontuar nas 5ª e 6ª colocações.

As Seleções voltam a campo ainda neste ano, em outubro e novembro, e terminam as rodadas entre janeiro e março de 2022.

*Desde 2010, a Seleção Australiana disputa as Eliminatórias Asiáticas. Isso acontece porque a Austrália tinha um futebol muito mais desenvolvido que outros países da Oceania. Como as eliminatórias deste continente oferecem vaga apenas a partir da repescagem, a Austrália tinha o desejo de disputar uma competição mais forte com chance de conseguir uma vaga direto. Integrada à AFC (Asian Football Confederation), a Austrália já conseguiu duas classificações, uma em 2010 e outra em 2014.

_________________________________________________________

Por Victória Romanelli Amorim – Fala! Cásper

Tags mais acessadas