Quais os perigos e as consequências da dependência emocional?
Menu & Busca
Quais os perigos e as consequências da dependência emocional?

Quais os perigos e as consequências da dependência emocional?

Home > Lifestyle > Saúde > Quais os perigos e as consequências da dependência emocional?

A dependência emocional é um sentimento de afeto extremo, aquela sensação de não conseguir viver sem alguém, ou melhor, não conseguir viver bem e com qualidade sem uma pessoa específica do círculo de relacionamentos, podendo ser ele de amizade, romântico ou familiar. O sujeito com tais características recebe o diagnóstico de “Transtorno de Personalidade Dependente”, que pode ser realizado por um Psicólogo ou Psiquiatra. A seguir, saiba quais os perigos e as consequências da dependência emocional.

Conheça o que é dependência emocional, suas consequências e perigos.
Conheça o que é dependência emocional, suas consequências e perigos. | Foto: Freepik.

Dependência emocional: Entenda os perigos dessa doença

A dependência emocional possui diversos sintomas, contudo, a preocupação excessiva pode ser um dos principais, este é o medo constante de que algo aconteça com esse familiar, amigo ou parceiro, fazendo com que esse indivíduo que é dependente tenha costumes, como por exemplo, de planejar o dia da pessoa e tentar controlar tudo aquilo que ela faz ou deixa de fazer, quando isso acaba mudando de direção o dependente acaba desencadeando outros problemas psicológicos, como a crise de pânico. Como a palavra dependência já diz, a pessoa que possui esse diagnóstico talvez acabe depositando toda sua expectativa de felicidade e alegria nessa pessoa na qual ela é dependente, então ela acaba muitas vezes se decepcionando por aquela pessoa não conseguir atingir suas vontades, gerando problemas como inseguranças pessoais ou até mesmo desgastes nesse relacionamento.

Problemas de autoestima e confiança são comuns também, a pessoa que se torna dependente de alguém coloca mesmo que de forma involuntária, esse indivíduo num pedestal, acredita que ele ou ela é perfeito e não se acha merecedora de conhecer ou se relacionar com essa pessoa. Ela vive em constante negação. Pode chegar ao nível também da pessoa acreditar somente naquilo que é dito especificamente por esse indivíduo, outras opiniões e até mesmo sua própria deixam de importar, então o dependente não defende mais suas crenças, apenas aquilo que o outro expressa pensar. Caso essa pessoa tenha outras relações tão intensas quanto no seu cotidiano, o dependente acaba tendo sentimentos envolvendo ciúmes.

Esses foram apenas alguns dos sinais demonstrados pelas pessoas que possuem a vida delas afetadas por esse transtorno, identificá-los é essencial para uma vida mais saudável, livre e feliz. É importante lembrar também que normalmente a pessoa que se encontra nessa situação não possui total controle, então ter alguém para ajudá-la a superar esses problemas pode ajudar muito, nem todos os sinais sempre ocorrem, ou podem ocorrer de maneiras diferentes, quando se trata de uma patologia psicológica, tudo é muito individual. 

__________________________________________________

Por Ana Carolina do Nascimento Yamazaki – Fala! Mack

Tags mais acessadas