Programa incentiva jovens a perseguir carreira com propósito
Menu & Busca
Programa incentiva jovens a perseguir carreira com propósito

Programa incentiva jovens a perseguir carreira com propósito

Home > Universidades > Programa incentiva jovens a perseguir carreira com propósito

Programa de Desenvolvimento de Lideranças do Ensina Brasil possibilita trabalho com desenvolvimento e propósito e está com com inscrições abertas até 20/09

A chegada da pandemia do Covid-19 deixou ainda mais evidente o desejo dos jovens de trabalharem com propósito. No Programa de Desenvolvimento de Lideranças do Ensina Brasil, eles podem fazer isso ao mesmo tempo em que se desenvolvem. As inscrições para o concorrido processo seletivo podem ser feitas no site da organização (www.ensinabrasil.org.br/sejaumensina) até 20/09. Desde que o programa começou, mais de 50.000 jovens de diversas carreiras já se inscreveram para um total de apenas 470 vagas. 

Ensina Brasil
Ensina Brasil. | Foto: Reprodução.

Programa incentiva carreira com propósito

Em busca de diversidade de candidatos e inscrições de todo o Brasil, o Processo Seletivo é 100% on-line e baseado em competências, que são testadas diversas vezes ao longo das 5 fases do processo. Para se inscrever, é preciso ter diploma de graduação validado pelo MEC e ter se formado entre dezembro de 2012 e janeiro de 2022.

Com formação intensiva de mais de 545 horas ao longo dos 2 anos, o Programa atrai tanto bacharéis quanto licenciados. Os que ainda não são licenciados também precisam cursar formação pedagógica em universidade credenciada pelo MEC ao longo do Programa. 

Veja depoimentos dos participantes:

Hoje, falar com propriedade sobre educação básica pública só é possível porque carrego comigo todos os aprendizados acumulados durante a trajetória com o Ensina. Tenho plena convicção de que fazer parte do programa foi a melhor decisão profissional da minha vida, confirmando, definitivamente, o meu propósito: o trabalho por uma educação pública de qualidade socialmente referenciada.

Lucas Villanacci Tibiriçá, formado em Administração na Universidade Federal Fluminense (UFF), alumni (forma como chamamos nossos ex-participantes) da turma 2018 e atualmente trabalha na Secretaria de Estado da Educação do Maranhão.

O sentimento que tive no primeiro momento que pisei meus pés em sala de aula me motivou a me tornar professora e querer contribuir no desenvolvimento dos meus alunos. Quando soube do processo seletivo do Ensina percebi que através do programa eu poderia aprimorar a minha docência e didática das aulas, além de adquirir experiência em uma realidade diferente da qual eu estava inserida. Se pudesse dar uma dica aos meus futuros colegas ensinas seria: conheça sua própria história, seus sonhos e expectativas, estude sobre o programa a fundo, converse com outros ensinas, assista às lives promovidas pelo programa, acesse o site, leia e releia. Você + Ensina, deu match? Faz sentido para aquilo que você deseja? Então, só vem!

Nayara de Jesus Figueiredo, formada em Engenharia Ambiental na Universidade do Oeste Paulista (Unoeste), ensina da turma 2021 no polo de Cariacica (ES).

Mais sobre o Ensina Brasil e dados relevantes

O Ensina Brasil é uma ONG sem fins lucrativos, fundada em 2016, com a missão de formar lideranças na área de educação que contribuam para a redução das desigualdades e para uma educação de qualidade nas escolas brasileiras. 

  • Mais de 90% dos participantes recomendariam o Programa de Formação de Lideranças do Ensina Brasil para um amigo interessado em se desenvolver pessoal e profissionalmente (respostas 8-10 em uma escala de 0-10);
  • 84% dos participantes que já passaram pelos 2 anos do programa seguem trabalhando na área de educação, atacando o problema em diversas frentes, atuando em mais de 80 organizações, de 22 estados diferentes;
  • Mais de 80.000 alunos foram impactados nos últimos 5 anos;
  • O programa é inspirado no modelo de formação de lideranças da rede global Teach for All da qual faz parte, que já está presente em mais de 60 países, 10 deles na América Latina.

____________________________
Por Flávia Goulart – Fala! Universidade Estácio de Sá – SP

Tags mais acessadas