Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Quero me cadastrar!
Menu & Busca
Homem Aranha: Longe de Casa – resenha crítica

Homem Aranha: Longe de Casa – resenha crítica

Homem Aranha: Longe de Casa é um marco no MCU. A mais nova produção da Marvel Studios é a primeira depois dos eventos de Vingadores: Ultimato e é vista como o capítulo final da Fase 3, significando uma conclusão final à Saga do Infinito e a abertura de uma nova fase. 

Mas Homem Aranha: Longe de Casa também continua a história de um jovem herói depois do seu primeiro filme solo. Homem Aranha: De Volta ao Lar, lançado em 2017, tinha introduzido o herói ao MCU oficialmente. No entanto, a jornada de Peter Parker tinha sido interrompida pelos eventos de Vingadores: Ultimato.

Homem Aranha: Longe de Casa é bom?

Homem Aranha: Longe de Casa traz um herói empolgante, sensível e ambicioso, talvez um pouco confuso, bagunçado e sempre marcado pela imaturidade tradicional do jovem Peter Parker. O filme é extremamente emocionante e honra o legado do Homem de Ferro, relembrando a luta de Vingadores: Ultimato, mas trazendo uma narrativa completamente nova ao MCU. 

O filme prende a audiência, trazendo mudanças drásticas inesperadas. Homem Aranha: Longe de Casa é extremamente envolvente, graças às performances espetaculares de Tom Holland e Jake Gyllenhaal.

Mysterio e Homem Aranha
Mysterio e Homem Aranha

Homem Aranha: Longe de Casa fala dos eventos logo após Vingadores: Ultimato, mas examina de forma mais abrangente as ramificações e consequências no ciclo social de Peter Parker. 

LEIA TAMBÉM:

Entenda todos os vilões de Homem Aranha: Longe de Casa

Homem de Ferro é o novo Tio Ben?

O que acontece em Homem Aranha: Longe de Casa?

Assim, o filme fala de como Peter Parker está tentando se desprender dos seus compromissos como Homem Aranha para curtir as férias de verão na Europa com seu melhor amigo, Ned (Jacob Batalon), e aproveitar a oportunidade para declarar seus sentimentos para MJ (Zendaya). 

Todos os planos de Peter Parker dão errado quando ele é abordado por Nick Fury (Samuel L. Jackson) e Maria Hill (Cobie Smulders) para ajudar Quentin Beck, o Mysterio, a lutar contra os Elementals e salvar o mundo.

O tempo todo, Peter Parker sofre com a ideia de preencher o espaço deixado pelo Homem de Ferro depois que Tony Stark morreu. 

O Homem Aranha precisa, outra vez, decidir que tipo de super herói ele quer ser. 

Peter Parker em Homem Aranha: Longe de Casa

Homem Aranha: De Volta ao Lar também fala de Peter Parker tentando descobrir o tipo de herói que quer ser, mas Homem Aranha: Longe de Casa reapresenta esse questionamento na vida do garoto ao adicionar dois fatores externos: a morte de Tony Stark e a chegada de Mysterio. 

Algumas vezes, Homem Aranha: Longe de Casa cruza o mesmo caminho que De Volta ao Lar, com o roteiro de Chris Makenna e Erik Sommers falhando para desenvolver alguns aspectos dos personagens. No lugar, muitos personagens ficam meio perdidos enquanto o filme tenta alcançar algum objetivo.

Particularmente, a história de Mysterio ficou bagunçada e a ação ficou dividida em pedaços. Mesmo assim, para o Homem  Aranha do MCU estabelecer sua identidade em um mundo que estava acostumado com vários heróis, de forma que Homem Aranha percebesse que agora ele é a última esperança que a terra tem. 

LEIA TAMBÉM:

Entenda todas as fases do MCU

Em Vingadores: Ultimato a cena da morte do Homem de Ferro foi improvisada

Como fica o time dos Vingadores depois de Ultimato

Outros aspectos de Homem Aranha: De Volta Ao Lar fazem o filme valer a pena, mesmo que tenha explorado pouco a identidade de Peter Parker como herói. 

Mysterio, por exemplo, reforça e distrai o tema de Homem Aranha: Longe de Casa. A história de Mysterio ficou um tanto quanto imperfeita, mas funciona graças a performance perfeita de Jake Gyllenhaal. 

Jake Gyllenhaal é o par perfeito para trabalhar ao lado de Tom Holland. O primeiro tem a seriedade e carisma esperada para o mentor de Homem Aranha, enquanto Tom Holland continua trazendo um incrível charme para Peter Parker, arrasando mais uma vez na ideia de trazer a imagem de um adolescente esquisito que carrega o mundo nos próprios ombros. 

O romance adolescente de Peter Parker e MJ realmente traz a vibe de personagens de ensino médio, e Nick Fury realmente cobra o garoto e faz com que ele questione o tipo de herói que ele quer ser.

MJ e Homem Aranha
MJ e Homem Aranha

De forma geral, Homem Aranha: Longe de Casa é um filme incrível, por mais que demore um pouco para a trama realmente começar. Muitos questionamentos a respeito da realidade pós Vingadores: Ultimato continuam sem resposta, mas a abertura para a fase 4 foi feita nas cenas pós créditos. Que comece um novo período do MCU!

0 Comentários

Tags mais acessadas