Confira 5 países que todo amante da moda deveria visitar
Menu & Busca
Confira 5 países que todo amante da moda deveria visitar

Confira 5 países que todo amante da moda deveria visitar

Home > Lifestyle > Viagens > Confira 5 países que todo amante da moda deveria visitar

A palavra moda tem como significado costumes, modo e maneira. Surgiu do latim modus, tendo também influência no francês com a palavra “mode”, remetendo ao hábito, estilo e uso. É interessante conhecer a etimologia das palavras para associá-las com o seu real significado, quando tomamos conhecimento faz sentido o uso delas.

Sempre que penso na palavra moda, associo à identidade e cultura. Desde muito nova gostava de acompanhar as tendências, não era sempre que acabava aderindo por não achar que eram coerentes com o que eu gostava e não ser o que queria passar para as pessoas.

Como uma amante amadora de moda, hoje, irei falar de 5 lugares que todos os amantes da moda deveriam visitar. Não estou impondo como regra, mas acredito que são lugares incríveis com conceitos inesperados e impactantes por transpirarem cultura e autenticidade.

Escolhi essa pauta, por querer trazer algo um pouco fora do costume, sempre que se fala sobre moda. As primeiras ideias são sempre Paris ou Nova Iorque, não estou dizendo que esses lugares não sejam influentes, mas queria trazer algo um pouco diferente. Estou aberta para conhecer e compartilhar!

moda
Confira 5 países que todo amante da moda deveria visitar. | Foto: Reprodução.

Países que todo amante da moda deveria visitar

China

O primeiro lugar é a China. Principalmente agora na pandemia, com o crescente uso da rede social TikTok, o street style ficou popular. Quem nunca viu aquele clássico vídeo de pessoas andando descontraidamente nas ruas elegantemente e “acidentalmente” olhando para a câmera.

Uma jogada de marketing incrível de tamanho alcance, com um simples vídeo para uma rede social que se tornou uma febre mundial e que se propaga por outras. O streetwear é um estilo que se tornou cada vez mais comum no cotidiano, por ser uma mistura do mundo fashion com o casual do cotidiano.

Quem disse que não podemos ter estilo e nos sentirmos confortáveis? 

Japão

O segundo país seria o Japão, um lugar que tem diversos estilos e que, mesmo com forte influência do mundo ocidental, manteve sua autenticidade de preservar a identidade, para se expressar e ter suas tendências com variadas influências.

Se desprender do clássico das passarelas europeias, para adotar da moda como uma maneira de se expressar para mostrar como podemos dar um significado para vestimentas antigas e modernizá-las. Não quero criar um fetiche em torno de cultura, mas admiro a moda asiática por conta de toda a história e simbolismo que uma simples peça de roupa pode ter.

Coreia do Sul

O terceiro seria Coreia do Sul, falo isso pelo o que vejo nos dramas coreanos. O conceito girly, não combina comigo, mas acho fofo o modo como o caimento da roupa fica leve.

O contraste de tons claros e roupas justas e largas, cobrindo a parte de cima do corpo e mostrando as pernas. Influências de culturas que modificam o modo como se veste, do mesmo jeito que sua personalidade pode ser moldada pela sociedade.

Índia

O quarto país seria a Índia, com cores fortes e vibrantes, uma composição bela e que se destaca com sua leveza e elegância, os diversos significados que ali estão.

Penso na Índia como um lugar que se tem muito estigma e preconceitos assim como muitos países que foram afastados, por serem vistos como o diferente e oposto ao ocidente. 

Rússia

O último, mas não menos importante país, seria a Rússia, um lugar muito frio, com seus casacos pesados que muito lembram a aristocracia. A moda russa remete o seu rico contexto histórico, com o seu cotidiano carregado de luvas, lenços, chapéus e a camaradagem em seus cortes retos se igualando com roupas masculinas.

Enfim, não quero impor esses lugares para ninguém, mas acredito que sejam lugares interessantes para conhecer. Principalmente para pessoas que amam moda e sabem como ela está vinculada ao contexto histórico e cultural. Falei desses países por acreditar que são locais que estão muito distantes dos olhos do mundo e por serem transformados em estereótipos.

_____________________________
Por Lara Kimie Kinsui – Fala! Mack

Tags mais acessadas