Como o sono desregulado pode prejudicar sua vida pessoal e profissional
Menu & Busca
Como o sono desregulado pode prejudicar sua vida pessoal e profissional

Como o sono desregulado pode prejudicar sua vida pessoal e profissional

Home > Lifestyle > Como o sono desregulado pode prejudicar sua vida pessoal e profissional

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), 40% da população brasileira apresenta algum distúrbio no sono. O mundo cada vez mais atarefado em que vivemos e o estresse diário podem estar entre as causas do sono desregulado.

dormir melhor
Veja como organizar sua vida para evitar o sono desregulado. Foto: Unsplash

Os especialistas recomendam para pessoas adultas que se durma entre 6 e 8 horas por noite, mas está cada vez mais difícil conseguir cumprir essa recomendação. No entanto, é importante (e necessário) conciliar as atividades pessoais e do trabalho com uma rotina saudável de sono, pois o sono desregulado pode trazer consequências para a vida cotidiana, incluindo o hábito prejudicial de estar sempre atrasado.

Consequências do sono desregulado

Não é novidade para ninguém que o sono desregulado não é algo benéfico para o organismo. Não dormir o suficiente pode afetar sua vida pessoal, bem como a vida profissional.  Entre algumas das consequências do sono desregulado, pode-se citar:

Problemas com a memória

O momento que nosso cérebro concretiza as memórias do dia vivido é o sono. Isto é, enquanto dormimos o nosso cérebro ‘escolhe’, dentre todas as memórias de curto prazo do dia, quais ele guardará como memória de longo prazo.

A dificuldade em concretizar as memórias atrapalha diretamente processos importantes na consolidação de conhecimentos. Esta situação pode afetar negativamente pessoas no ambiente acadêmico e até mesmo no ambiente laboral.

Afeta o humor

Este é um fato que é observado de maneira empírica pelas pessoas e já faz parte do senso comum. Quem nunca ficou de mau humor porque dormiu mal? Mas, essa irritabilidade não é folclore, existe uma explicação científica para isso.

Pessoas que não dormem o suficiente apresentam ansiedade e irritabilidade. Pois, é durante o sono que é produzida a serotonina, hormônio responsável pelo prazer e a calma. Essas mudanças de humor podem afetar a produtividade dos indivíduos em casa, no trabalho ou nos estudos.

Fadiga e sonolência durante o dia

Por fim, um dos primeiros sintomas que é percebido após uma noite mal dormida é a sonolência durante o dia seguinte – que nos casos de desregulação do sono, pode ser contínua. Essa fadiga atrapalha a realização das atividades que você precisa cumprir no dia. Além de colocar em risco a vida de uma pessoa, pois a fadiga acentuada gera lapsos de atenção.

Dicas para quem tem o sono desregulado

Se você percebeu que não está dormindo o suficiente ou não está dormindo bem, não precisa se desesperar. Existem dicas preciosas que podem te ajudar a criar e organizar uma rotina de sono saudável, e que atende as necessidades de descanso do seu corpo.

Se você percebeu que não está dormindo o suficiente ou não está dormindo bem, não precisa se desesperar. Existem dicas preciosas que podem te ajudar a criar e organizar uma rotina de sono saudável, e que atende as necessidades de descanso do seu corpo.

Crie uma rotina

Esse é o passo inicial para quem deseja reajustar o sono. Para isso é necessário organizar a vida e encontrar os possíveis motivos para que seu sono esteja desregulado. Você anda dormindo tarde demais? Ou está acordando cedo demais? Com essas informações você poderá ver o que pode mudar em sua rotina. Assim, obtendo as horas necessárias de sono.

Essa organização de rotina irá programar seu relógio biológico, o que é extremamente importante, já que é ele que indica ao organismo que está na hora de dormir – e o melhor: o mecanismo do relógio biológico aprende com a rotina. Ele irá te deixar sonolento na hora em que comumente você vai para a cama.

A ideia de criar horários para dormir pode parecer apenas uma lembrança da nossa infância, quando os pais definiram horários para tudo. Mas, tem sim sua importância na vida adulta, pois a rotina e a regulação do relógio biológico irá facilitar o sono na hora certa.

Evite o uso de telefone próximo ao horário de dormir

Atualmente é um hábito muito comum passar o dia todo com o celular na mão. No entanto, se deseja dormir bem, os especialistas indicam vetar o uso do aparelho nos momentos anteriores ao sono.

A questão é que a luz produzida pela tela dos smartphones (bem como outros equipamentos eletrônicos) desestimula a produção de melatonina, hormônio responsável por preparar o organismo para o sono. Então o ideal é evitar o uso antes de ir para cama.

Outra dica importante é colocar o celular no modo silencioso. Isso porque o simples barulho de uma notificação pode nos colocar em estado de alerta, o que dificulta o sono.

Alimentação importa e muito

A alimentação, além de afetar uma série de processos fisiológicos, também pode afetar a qualidade do sono. Então, é importante prestar atenção nisso. Porque existem alimentos que devem ser evitados, pois são considerados estimulantes. Um exemplo são as bebidas energéticas como os refrigerantes e o café.

A dica é manter uma alimentação saudável ao longo do dia e escolher alimentos que não desestimulem a produção dos hormônios relacionados ao sono. Se deseja beber algo antes de dormir, opte por chás relaxantes (camomila, capim cidreira, etc) ou leite morno. Na última refeição antes de dormir, o ideal é comer algo leve.

A mais importante: durma!

Essa é a dica mais importante que podemos dar. É comum que algumas pessoas menosprezem o sono em nossa sociedade moderna, em que dormir é sinônimo de preguiça. Os indivíduos cobram de si mesmos estarem sempre alertas e prontos para produzir.

No entanto, nosso organismo necessita de descanso e inclusive trabalha melhor quando descansado. Ao contrário do sono desregulado, dormir bem e na quantidade certa só trará benefícios. Tais como: aumento da produtividade, bem-estar e saúde. Então, se permita dormir!

_____________________________________
Por Jefferson Ricardo – Fala! UFPE

Tags mais acessadas