Brasileirão: Empates e a goleada do líder marcaram a 13ª rodada
Menu & Busca
Brasileirão: Empates e a goleada do líder marcaram a 13ª rodada

Brasileirão: Empates e a goleada do líder marcaram a 13ª rodada

Home > Notícias > Esporte > Brasileirão: Empates e a goleada do líder marcaram a 13ª rodada

Nesse último final de semana, aconteceu a 13ª rodada do Brasileirão 2020–2021, com 3 partidas disputadas no sábado e 7 no domingo. No total, foram 5 empates, 3 vitórias dos clubes mandantes e duas das equipes visitantes. Confira, abaixo, mais detalhes dos principais jogos da rodada.

Brasileirão
Jogadores do Atlético-MG comemorando um gol contra o Vasco no estádio do Mineirão, em jogo do Brasileirão. | Foto: Divulgação/Atlético-MG.

13ª rodada do Brasileirão

Grêmio (15º) 1×1 Internacional (2º)

Partida que ocorreu às 17h do sábado, Grêmio e Internacional disputaram o sexto Gre-Nal do ano e ficaram apenas no empate. O primeiro tempo foi de domínio na posse de bola do Inter, com 59%, mas com poucas chances criadas. O único ataque perigoso foi da equipe do Grêmio, com uma finalização de longa distância do volante Lucas Silva, que parou na defesa do goleiro Marcelo Lomba.

O 2º tempo da partida foi bem mais movimentada com o Grêmio abrindo o placar logo aos 8 minutos, após uma bela cavadinha do jovem Pepê. O tricolor gaúcho parecia que estava com o controle do jogo, principalmente após a expulsão do argentino Damián Musto, aos 25 minutos. Porém, essa sensação durou pouco, pois o lateral Bruno Cortez cometeu um pênalti, colocando o braço na bola dois minutos mais tarde, e o meia Thiago Galhardo, artilheiro do campeonato com 10 gols marcados, converteu a penalidade. Para fechar a noite como vilão, Cortez foi expulso aos 36 minutos da 2ª etapa e impediu qualquer reação da equipe gremista.

Botafogo (19º) 1×1 Fluminense (8º)

O clássico vovô disputado no Estádio Nilton Santos, às 11h de domingo, marcou a estreia do treinador Bruno Lazaroni pelo Botafogo, após a demissão do veterano Paulo Autuori recentemente. O jogo começou com muito equilíbrio, com os dois times lutando muito pela posse de bola, até o lateral Kevin do clube alvinegro marcar um gol contra, após uma confusão na área depois de um escanteio, isso já aos 41 minutos de jogo.

No 2º tempo, o Botafogo voltou melhor e finalizou 12 vezes no total. Aos doze minutos, Matheus Babi carimbou o travessão depois de um cruzamento, desperdiçando grande chance à equipe mandante. 15 minutos mais tarde, o jovem Caio Alexandre empatou a partida, após um rebote na cobrança de falta do zagueiro Rafael Forster. O atacante Pedro Raul ainda perdeu uma grande chance nos acréscimos chutando em cima do goleiro Muriel, fazendo com que o alvinegro chegue no seu 9º empate no campeonato.

Flamengo (4º) 3×1 Athletico-PR (12º)

Brasileirão rodada
Jogadores do Flamengo comemorando um dos gols na vitória contra o Athletico-PR na 3ª rodada do Brasileirão. | Foto: Informe Baiano.

Com partida realizada no Maracanã, o Flamengo reencontrou a vitória no campeonato vencendo o Athletico-PR, às 16h no domingo. No 1º tempo, o Athletico-PR teve até as melhores oportunidades no início, carimbando a trave logo aos 30 segundos de jogo. Depois, o Flamengo equilibrou e criou algumas jogadas, porém sem a precisão necessária para abrir o placar.

No 2º tempo, o rubro-negro carioca voltou muito melhor e marcou aos 11 minutos com o atacante Pedro, que vem em ótima fase nas últimas partidas, substituindo muito bem o artilheiro Gabigol, que está machucado. Três minutos depois, o lateral Léo Gomes cometeu um pênalti e Bruno Henrique ampliou a vantagem da equipe mandante. Os paranaenses ameaçaram reagir com um gol de cabeça do jovem Renato Kayser, mas o Flamengo logo liquidou a partida com um golaço do excelente Everton Ribeiro. Com esse resultado, os cariocas entraram no G4 do Brasileirão.

Goiás (20º) 2×3 Santos (6º)

Partida ocorrida às 18h15 do domingo, o Santos visitou o Goiás no Estádio da Serrinha e saiu vitorioso em uma partida bastante movimentada. Logo, aos 4 minutos, o atacante Vinícius recebeu um cruzamento da direita e abriu o placar para os goianos. Com o auxílio do VAR, o juiz Marielson Alves marcou um pênalti para os paulistas e o craque Marinho empatou o jogo. Aos 30 minutos, novamente com ajuda do árbitro de vídeo, o ponta Arthur Gomes foi expulso após agredir o lateral Edílson, deixando o alvinegro praiano com um a menos.

No 2º tempo, o Santos virou a partida com um gol contra do lateral-esquerdo Jefferson, após cruzamento do experiente Pará. Logo depois, o zagueiro David Duarte levou o seu 2º cartão amarelo e deixou o Goiás também com um homem a menos em campo. O promissor Marcos Leonardo, nascido em 2003, ampliou a vantagem aos 31 minutos, após cruzamento do lateral Madson. Os goianos tentaram reagir marcando com o ex-santista Victor Andrade, mas já era tarde demais e o Santos, com esse resultado, encostou nas principais equipes do campeonato, enquanto o Goiás se manteve na lanterna da competição.

Atlético-MG (1º) 4×1 Vasco (9º)

No último jogo da rodada, o líder Atlético-MG goleou o Vasco em partida realizada no Mineirão. No início, os cariocas surpreenderam e abriram o placar com um golaço de bicicleta do argentino Martín Benítez. Pouco tempo depois, em boa jogada coletiva, o lateral Guilherme Arana empatou para o Galo e o venezuelano Jefferson Savarino virou o jogo após grande lance do ponta Keno. Aos 30 minutos, o jovem Guga ampliou de pênalti, fazendo o seu primeiro gol com a camisa atleticana. Por fim, em outra penalidade, agora foi a vez de Keno deixar o seu e colocar o placar em 4×1 ainda antes do intervalo.

O 2º tempo foi marcado por novamente um grande domínio do Atlético-MG, que poderia ter feito ainda mais gols na partida. O Vasco ainda teve o volante Andrey expulso após uma falta no equatoriano Alan Franco. Com o empate do Internacional, o Galo é mais líder do que nunca, abrindo 5 pontos de vantagem, enquanto o Vasco estacionou no nono lugar após dois jogos sem vitória.

Outros resultados da 13ª rodada:

  • Palmeiras (3º) 2×1 Ceará (13º)
  • Red Bull Bragantino (18º) 0x0 Corinthians (14º)
  • Coritiba (17º) 1×1 São Paulo (7º)
  • Bahia (16º) 1×2 Sport (5º)
  • Fortaleza (10º) 0x0 Atlético-GO (11º)

*Nós, do projeto Esporte em Pauta, estamos realizando uma parceria com o Fala!; se quiser ter acesso a mais conteúdos sobre os mais variados esportes, procure nossa página no Instagram (@esporte_em_pauta) e no Twitter (@EsportePauta).

_______________________________
Por Victor Fardin – Fala! PUC

Tags mais acessadas