'365 Dni': Série da Starzplay remete aos livros de Blanka Lipińska
Menu & Busca
‘365 Dni’: Série da Starzplay remete aos livros de Blanka Lipińska

‘365 Dni’: Série da Starzplay remete aos livros de Blanka Lipińska

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > ‘365 Dni’: Série da Starzplay remete aos livros de Blanka Lipińska

Após todo o sucesso de 365 Dni, filme da Netflix, outras empresas de streaming começaram a investir em produções eróticas polonesas. Além disso, o livro de Blanka Lipińska, autora da trilogia 365 Dni, provou que a literatura polonesa possui seu valor, principalmente quando o assunto são romances eróticos.

No longa, Laura Biel (Anna-Maria Sieklucka) é uma jovem que decide tirar férias com seu namorado e sua melhor amiga. O que ela não esperava, contudo, é que a viagem seria interrompida. Laura é sequestrada pelo mafioso Massimo Torricelli (Michele Morrone), que se diz apaixonado por ela. O italiano dá à Biel 365 dias para corresponder a seus sentimentos, mas a jovem estava relutante. O relacionamento improvável, contudo, se concretiza.

A Starzplay, que já lançou séries e filmes eróticos em sua plataforma, como The Girlfriend Experience, decidiu, assim como a Netflix, realizar uma produção polonesa. Sua série Little Birds, inspirada no erótico polonês homônimo, escrito por Anaïs Nin, em 1977, está dando o que falar. Com cenas quentes como as de 365 Dni, a produção narra diversas histórias baseadas em contos eróticos. A seguir, saiba mais sobre Os Pássaros, da Starzplay.

Little Birds e 365 Dni.
Little Birds, série da Starzplay, remete ao famoso erótico polonês 365 Dni. | Foto: Montagem/Reprodução.

Little Birds, série da Starzplay, remete a 365 Dni da Netflix e Blanka Lipińska

A Starzplay lançou, em fevereiro de 2020, a série Little Birds, em português Os Pássaros. A trama, baseada nos contos eróticos de Anaïs Nin, tornou-se, em pouco tempo, um dos maiores sucessos da plataforma. A sensação Little Birds repete o sucesso do erótico polonês lançado pela Netflix em 2019, 365 Dni. Assim como a série de sua concorrente, o longa foi inspirado em um romance erótico, escrito por Blanka Lipińska.

O que difere ambas as obras, além de anos de publicação e autoras distintas, é o fato de que Little Birds é uma série de contos eróticos polonês. O livro repete o sucesso de outras obras da autora, uma das pioneiras no gênero romance erótico na Polônia. Entre os livros mais famosos de Anaïs Nin, estão Delta de Vênus, Henry e June e Incesto. As obras de Blanka, por sua vez, consistem em uma trilogia, que aborda o romance de Massimo e Laura. A autora, no entanto, bebe diretamente das obras de sua antecessora.

Assim como os livros, a série produzida pela Starzplay e o filme da Netflix são muito diferentes. Entretanto, em aspectos de narrativa, as histórias possuem apenas uma coisa em comum: o erotismo. Por Little Birds aborda diversas narrativas, entre elas relações homoafetivas. Com um cenário colorido e histórias envolventes, a série constrói uma estética única. 365 Dni, entretanto, traz o lado obscuro do gênero, com cenas mais escuras e um drama recorrente. Além disso, a história segue apenas um casal e sua relação.

Mas se as produções se diferem tanto em imagem e narrativa, nas cenas eróticas se encontram. Assim como 365 Dni, Little Birds aposta em algo bem realista para as cenas de sexo. Essa é uma técnica que já vem sendo explorada pela Starzplay em The Girlfriend Experience.

História

Lucy Cavendish-Smyth (Juno Temple) é uma jovem estadunidense que se muda para Tânger, no Marrocos, uma das últimas cidades dominadas pela decadente colonização francesa. Lá mora Hugo Cavendish-Smyth (Hugh Skinner), homem com quem vai se casar. Ao chegar à cidade, Lucy descobre que a cidade é um turbilhão vertiginoso de culturas, cores, sabores e possibilidades sexuais. Sua vida muda de vez quando conhece Cherifa (Yumna Marwan), prostituta, a Lili von X (Nina Sosanya), uma cantora e Adham (Raphael Acloque), dono de bar e melhor amigo de seu marido.

Ao contrário de 365 Dni, que foca em um único relacionamento, Little Birds, no entanto, faz diversas construções. A série, contudo, é tão intensa quanto o erótico polonês da Netflix. A série está disponível na Stazplay, pelo Amazon Prime Video.

____________________________________________________
Por Luiza Nascimento – Redação Fala!

Tags mais acessadas