Verstappen ou Hamilton: Quem ficará com o título da Fórmula 1?
Menu & Busca
Verstappen ou Hamilton: Quem ficará com o título da Fórmula 1?

Verstappen ou Hamilton: Quem ficará com o título da Fórmula 1?

Home > Notícias > Esporte > Verstappen ou Hamilton: Quem ficará com o título da Fórmula 1?

Os dois pilotos provavelmente disputarão ponto a ponto até a última corrida, nos Emirados Árabes Unidos

Verstappen (Red Bull) e Hamilton (Mercedes) disputam o título da Fórmula 1.
Verstappen (Red Bull) e Hamilton (Mercedes) disputam o título da Fórmula 1. | Foto: Reprodução.

Com certeza a temporada 2021 da Fórmula 1 já está marcada na história como uma das mais disputadas de todos os tempos. Max Verstappen, holandês da Red Bull e atual líder do campeonato, soma 351.5 pontos no geral, com 9 vitórias durante o ano. Já Lewis Hamilton, piloto inglês e vice-líder da competição, tem 343.5 pontos, com 7 vitórias, duas a menos do que Max.

Relembre a disputa entre Verstappen e Hamilton na Fórmula 1 2021

Na primeira corrida do ano, no Bahrein, em 27 de março, Hamilton conseguiu a vitória, com Verstappen chegando na segunda posição. Já na corrida seguinte, em Ímola, as coisas se inverteram e o holandês venceu, com Lewis em segundo.

Em seguida, vieram duas vitórias seguidas do heptacampeão mundial, em Portugal, no Circuito de Portimão, e na Espanha, no Grande Prêmio da Catalunha, com Verstappen chegando em segundo nas duas. O inglês havia aberto uma leve vantagem na temporada, o que começou a mudar a partir da corrida seguinte, o tão conhecido GP de Mônaco.

Verstappen venceu seu 1º GP em Mônaco.
Verstappen venceu seu 1º GP em Mônaco. | Foto: Reprodução/Twitter F1)

No Circuito de Mônaco, quem fez a pole position foi o dono da casa, Charles Leclerc, da Ferrari, mas que não conseguiu largar por conta de uma batida no Q3. E assim, Verstappen venceu o circuito de rua pela primeira vez na carreira, com Hamilton terminando apenas na 7ª colocação, assim, o holandês assumiu a liderança do campeonato. 

No Grande Prêmio seguinte, no Azerbaijão, quem venceu foi seu companheiro de equipe Sergio Pérez, com um pódio muito alternativo. Com o tetracampeão mundial Sebastian Vettel, da Aston Martin, em segundo, e Pierre Gasly, francês da Alpha Tauri, em terceiro. Nessa corrida, tanto Max quanto Lewis não conseguiram pontuar.

Logo após o conturbado Grande Prêmio de Baku, veio o Circuito de Paul Ricard, na França, onde Verstappen ganhou e abriu ainda mais sua vantagem na liderança do campeonato. Os dois próximos circuitos aconteceram no Red Bull Ring, na Áustria, e correspondendo ao favoritismo, o holandês ganhou as duas corridas, com Hamilton terminando em 2º e 4º, respectivamente.

Verstappen após vencer o GP de Fórmula 1 da Áustria.
Verstappen após vencer o GP de Fórmula 1 da Áustria. | Foto: Lisi Niesner/Reuters.

Após essas 3 vitórias dominantes de Verstappen, no Grande Prêmio da Grã-Bretanha, “casa” de Lewis Hamilton, o inglês heptacampeão mundial fez seu favoritismo valer a pena e venceu, em uma corrida onde Max nem sequer largou, diminuindo sua vantagem na liderança momentânea do campeonato.

Na corrida seguinte, o tradicional circuito de Hungaroring, na Hungria, quem venceu foi Esteban Ocon, piloto francês da Alpine, em uma corrida onde Hamilton teve que fazer 4 paradas e terminou em segundo. Enquanto Carlos Sainz ficou em 3º, largando na 15ª posição. Verstappen terminou apenas na 9ª colocação, após precisar de 5 paradas para terminar a prova.

Logo depois disso, vieram mais duas vitórias de Verstappen, tanto em Spa-Francorchamps, na Bélgica, na corrida que não aconteceu, quanto na Holanda, seu circuito natal, e Lewis terminou na 2ª posição, com mais de 20 segundos de distância para o holandês da Red Bull.

Hamilton ganhou na Grã-Bretanha.
Hamilton ganhou na Grã-Bretanha. | Foto: Joe Portlock

Já em Monza, na corrida seguinte, aconteceu o grande acidente entre Verstappen e Hamilton na temporada, na 25ª volta, na saída dos boxes do piloto inglês, onde ambos disputavam espaço. O carro da Red Bull acabou em cima do carro número 44 da Mercedes, tirando os dois carros da prova, onde as duas McLaren, com Daniel Ricciardo e Lando Norris fizeram a dobradinha.

Já no Grande Prêmio da Rússia, Lewis Hamilton se tornou o primeiro piloto da história da Fórmula 1 a chegar a marca de 100 Grandes Prêmios conquistados. O inglês largou na quarta posição e conseguiu a vitória, enquanto Verstappen largou a última posição e conseguiu terminar na segunda posição.

No Grande Prêmio da Turquia, quem venceu foi o finlandês da Mercedes, Valtteri Bottas, em uma corrida onde Verstappen ficou na 2ª posição e Hamilton conseguiu uma bela corrida de recuperação, terminando em 5º, após largar na 11ª posição.

Hamilton conquistou sua 100ª vitória na Fórmula 1.
Hamilton conquistou sua 100ª vitória na Fórmula 1. | Foto: Reprodução.

Após 3 corridas sem vitórias, Max Verstappen voltou a vencer no Grande Prêmio dos Estados Unidos, com seu principal rival durante a temporada terminando na segunda posição. O que se repetiu no México, quando o holandês largou na 3ª posição e conseguiu vencer, após erro da Mercedes na parada de Valtteri Bottas.

E finalmente chegamos ao Grande Prêmio do Brasil, o que para muitos, foi um dos melhores desempenhos de Lewis Hamilton na carreira. O inglês largou na última posição na corrida sprint após uma punição e conseguiu terminar na 5ª colocação, mas com outra punição que já havia sido informada, perdeu mais 5 lugares e largou em 10º na corrida. Mesmo assim, conseguiu vencer em Interlagos e diminuir a vantagem de Max na liderança.

No último grande prêmio até aqui, no Catar, vimos mais uma vez um domínio do piloto inglês heptacampeão do mundo, que conquistou sua sétima vitória na temporada, com Verstappen em segundo e Fernando Alonso, lenda do automobilismo em terceiro. 

Hamilton após a vitória em Interlagos.
Hamilton após a vitória em Interlagos. | Foto: Ricardo Moraes/Reuters.

Agora, restando duas corridas para o fim, na Arábia Saudita e nos Emirados Árabes, apenas 8 pontos separam os dois pilotos, com Verstappen já podendo ser campeão em Jeddah, dependendo de alguns fatores. Mas com certeza podemos falar que essa temporada foi de tirar o fôlego. Afinal, quem vai ficar com o título, Max Verstappen da Red Bull ou Lewis Hamilton da Mercedes?

______________________________________________________

Por Leonardo Pignatari – Fala! PUC-SP

Tags mais acessadas