5 curiosidades sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras
Menu & Busca
5 curiosidades sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras

5 curiosidades sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras

Home > Notícias > Esporte > 5 curiosidades sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras

Fundado em 1914, a Sociedade Esportiva Palmeiras, que inicialmente foi chamado de Palestra Itália, tinha a ambição de um grupo de Ítalo-brasileiros de São Paulo em alinhar a recém-concluída consolidação da Itália na Europa e impulsionados com as visitas de Torino e o Pro Vercelli, 2 clubes Italianos que vieram ao Brasil na época em uma excursão, tiveram a ideia de formarem um time que representasse a comunidade como um todo.

Com isso, ao longo desses mais de 100 anos de grandes histórias e títulos, separamos 5 curiosidades sobre esse clube tão gigante da cidade de São Paulo. Descubra quais são a seguir!

Palmeiras
Saiba curiosidades sobre a história da Sociedade Esportiva Palmeiras. | Foto: Reprodução/ Palmeiras

1) Fundação e primeiro título da Sociedade Esportiva Palmeiras

Sociedade Esportiva Palmeiras
A Sociedade Esportiva Palmeiras conquistou o primeiro título em 1920. | Foto: Reprodução/ Palmeiras

Após sua fundação, ao invés de entrarem em campo sem uma preparação adequada, como o que ocorria com outras equipes recém fundadas, os Palestrinos ficaram meses treinando em um campo na Vila Mariana, em São Paulo, realizando avaliações para que apenas os melhores fossem escolhidos antes de disputarem uma partida oficial.

Disputando somente amistosos em seu primeiro ano de vida, o Palestra Itália, em 1916, conseguiu vaga para disputar o torneio estadual administrado pela Associação Paulista de Esportes Atléticos (APEA) para participar de sua primeira competição oficial

Em 1920, apenas seis anos após a fundação, o time palestrino conquistou o título do Campeonato Paulista pela primeira vez na história, vencendo por 2 x 1 no jogo decisivo o Paulistano, então tetracampeão estadual.

2) “Com o pé e com a mão, o Palestra é campeão”

Sociedade Esportiva Palmeiras
Com o tempo, a Sociedade Esportiva Palmeiras foi conquistando uma torcida fiel. | Foto: Reprodução / Palmeiras

Ao longo dos anos, o Palestra foi colecionando títulos, sagraram-se tricampeão Paulista (1932, 1933, 1934), levaram os Estaduais em 1936 e 1940, campeão do Campeonato Paulista Extra, em 1938 (em que já havia conquistado também, em 1926), e ganhou o primeiro Torneio Rio-São Paulo da história, em 1933.

Década que marcou o crescimento dos esportes olímpicos fez com que a agremiação participasse da fundação de outras federações estaduais e nacionais, com destaque para o basquete. A equipe tornou-se também tricampeão no basquete nos mesmo anos de 1932, 1933 e 1934, fazendo com que a torcida comemorasse com os gritos de “Com o pé e com a mão, o Palestra é campeão.

3) “Não nos querem Palestra, pois seremos Palmeiras e nascemos para ser campeões”

Sociedade Esportiva Palmeiras
O Palestra passou a se chamar Sociedade Esportiva Palmeiras. | Foto: Reprodução/ Palmeiras

Em 1942, durante o governo de Getúlio Vargas, foi instituído o decreto que proibia a qualquer entidade o uso de nomes relacionados aos países do Eixo (Itália, Alemanha e Japão). Sob uma forte pressão pública, o Palestra, viu-se obrigado a mudar de nome. De Palestra Itália a Palestra de São Paulo, não foi o suficiente, ainda mantinha uma forte pressão política e esportiva para a mudança. Então, às vésperas da partida da final do campeonato paulista de 1942, a diretoria definiu a mudança para Sociedade Esportiva Palmeiras.

A partida da final contra o São Paulo Futebol Clube foi bastante memorável. A equipe do Palmeiras entrou em campo conduzindo uma bandeira sob o comando do capitão do Exército Adalberto Mendes, a fim de evitar vaias da torcida adversária. O ponto principal do jogo, foi com a marcação de um pênalti para a equipe alviverde que já vencia o confronto por 3×1, e fez com que a equipe São Paulina, que acusavam os como “inimigos da Pátria”, abandonasse o jogo.

Nas comemorações da final do campeonato, todos queriam ver a foto nos jornais do dia seguinte do Palmeiras entrando em campo e a manchete “Morreu Líder, Nasceu Campeão”

 Foi uma vitória sobre um grande rival que ficou marcada pelo início da nova geração do clube, a partir desse momento como Sociedade Esportiva Palmeiras.

4) Mascote da Sociedade Esportiva Palmeiras

Mascote
O mascote da Sociedade Esportiva do Palmeiras. | Foto: Reprodução/ Palmeiras

Escolhido desde sua fundação, o Periquito Verde é o mascote oficial do Palmeiras, devido às suas cores chamativas e por ser bem presente na região onde o clube é instalado. Dentre os clubes da capital, é o único que adotou 2 mascotes, um oficial e um não oficial, para que representasse a equipe.

O Porco, outro animal que foi adotado pelo time, só que mais difundido pelos torcedores do Palmeiras, tem sua história originária em 1969, após o time do Corinthians ter perdido 2 jogadores, devido a um acidente de carro. Então, a diretoria alvinegra encaminhou um pedido a Federação Paulista para que pudessem inscrever 2 jogadores, que ocupariam o lugar daqueles. Porém, para ser aprovado, a votação teria que ser unânime entre eles.

O presidente do Palmeiras, Delfino Facchina, foi o único que votou contra. A Partir disso, como meio de provocação, a torcida do Corinthians, em jogo contra seu rival, soltou um porco no gramado com a camisa do Palmeiras e em coro entoava os gritos de Porco.

Apenas em 1986, em uma partida contra o Santos, ao ouvir os gritos de Porco pela torcida rival, os palmeirenses responderam com um “e dá-lhe Porco!! e dá-lhe Porco!!”. Alguns dias depois, na Revista Placar, em sua capa, foi estampada uma foto do ídolo Jorginho Putinatti, segurando um porco no colo.

5) Palestra em combate contra a gripe

Palmeiras
O Palestra ajudou no combate a gripe. | Foto: Reprodução/ Jornal do Porto

Durante a epidemia da Gripe Espanhola, em 1918, o Palestra transformou suas instalações em um hospital para atuação da Cruz Vermelha no combate à doença. Essa ação fez com que o clube ganhasse apoio popular e voltasse a APEA (Associação Paulista de Esportes Atléticos) em 1919, chegando a um vice campeonato.

__________________________________________________
Por Igor Uliana – Fala! FIAM FAAM

Tags mais acessadas