Por que o programa Big Brother Brasil chama tanta atenção?
Menu & Busca
Por que o programa Big Brother Brasil chama tanta atenção?

Por que o programa Big Brother Brasil chama tanta atenção?

Home > Entretenimento > Por que o programa Big Brother Brasil chama tanta atenção?

O Big Brother Brasil, que já está em sua 21° edição, é sucesso de audiência e conta com temas relevantes para o público, como racismo, feminismo e cancelamento. Assim, os telespectadores não acreditam que o reality seja “besteira” ou falta de inteligência dos que assistem, e sim o reflexo da realidade do Brasil.

“As pessoas querem ver como pessoas comuns estão lutando, jogando aquele jogo. E agora, nesta edição, tem o acréscimo de pessoas famosas e isso chama atenção. É normal querer saber como aquelas pessoas se comportam.”, disse a psicóloga Naiara Mariotto, afirmando que as pessoas têm prazer em observar os participantes.

Fatores como conflitos sociais também chamam a atenção do público. A representatividade cada vez mais presente dentro do reality contribui para o aumento do envolvimento dos telespectadores, que se identificam com os participantes e suas histórias de vida.

É inegável que grande parte das dinâmicas acontece com o intuito de desafiar os participantes e, dessa forma, mostrar suas atitudes e vulnerabilidades diante dos confrontos, rompendo com a ideia de que os reality shows não têm significados. Talvez a matéria-prima dos mesmos seja bisbilhotar e dar opinião sobre a vida alheia, pois essa é uma característica inata do ser humano.

Big Brother Brasil
Entenda por que o programa Big Brother Brasil é um sucesso. | Foto: Reprodução.

Popularidade do Big Brother Brasil

“Ame ou Odeie”

Atualmente, é notória a presença de dois grandes grupos que assistem o Big Brother Brasil. Há pessoas que amam o programa e não perdem nem sequer um episódio, justamente pela identificação e emoção que os participantes transmitem. Entretanto, existem pessoas que odeiam o programa e assistem com o intuito de falar mal. Desse modo, entendemos o motivo de tanta audiência mesmo com opiniões distintas.

Essa frase, “ame ou odeie”, foi do próprio Boninho, diretor de televisão brasileiro, que comanda as edições do BBB, alfinetando os críticos do programa após votação recorde do BBB19.

Cultura do Cancelamento

Além da identificação com os participantes, as edições normalmente contam com um tema relevante para a sociedade. Na edição anterior, em 2020, temas como antirracismo e feminismo foram muitos abordados, trazendo mais conhecimento a respeito dos temas e de como isso está presente em nossa sociedade e cotidiano.

Na atual edição, a cultura do cancelamento talvez seja o tema mais discutido entre telespectadores e, até mesmo, os confinados. A cultura do cancelamento é uma forma de uma pessoa ou grupo expulsar outra pessoa ou grupo por causa de uma posição ou atitude considerada questionável.

Em um programa que é regido e movido pelo julgamento popular, o cancelamento é a garantia de audiência, envolvendo os telespectadores que estão em busca de uma identificação moral. 

Identificação e histórias de vida

Em toda edição há participantes protagonistas, coadjuvantes e “plantas”, como são chamados aqueles que não se destacam muito. Entretanto, todos esses chamam a atenção do público, justamente por representarem uma parcela da sociedade que os assiste.

O filósofo Alailson de Loveira afirma que “apesar de ser um jogo, um programa em que todos sabem que são vigiados, o que representa uma fuga da realidade, ali também se vê opiniões e posições que são reais. Isso gera identificação e reflete a nossa realidade de certa forma”. Dessa maneira, o público busca pessoas que os representem, de modo que o reality deixe de ser apenas um jogo.

A atual edição é um grande exemplo desta representatividade. Juliette Freire e Gilberto são dois dos grandes protagonistas de 2021 e parte disso se dá devido às suas representatividades. Paraibana, advogada e maquiadora, Juliette, que entrou como participante pipoca, conquistou público e hoje já soma mais de 22 milhões de seguidores em seu Instagram, tornando-se a 3ª participante mais seguida do Big Brother Brasil.

Gilberto representa Pernambuco e a comunidade LGBTQIA+ de forma jamais vista em rede nacional ou reality show brasileiro. Gil conquistou o público com seu jeito de “cachorrada”, como ele mesmo diz, e protagonizou o primeiro beijo gay da história do BBB. Além de levar muito entretenimento e risadas para o público.

Celebridades comentaristas do Big Brother Brasil (BBB)

Não é novidade que o Big Brother Brasil tem alcance nacional, tornando-se rotineiros os comentários de famosos sobre o programa. Ademais, muitos declaram torcidas e geram atrito nas redes sociais ao apoiarem, ou não, algum participante.

Na edição 20, que se encerrou no dia 27 de abril, Bruna Marquezine e Neymar, eram assíduos nas redes sociais ao comentar sobre o BBB, gerando certa rivalidade ao torcerem por participantes opostos, Manu Gavassi e Felipe Prior, respectivamente. 

São inúmeros famosos que declaram torcidas que acabam por tornar o programa ainda mais interativo com o público, que também assiste aos participantes. Através da plataforma do Twitter é possível acompanhar a grande movimentação desses famosos, principalmente quando querem defender seus favoritos.

________________________________
Por Júlia Wasko Martins – Fala! Mack

Tags mais acessadas