segunda-feira, 26 fevereiro, 24
HomeNotíciasEleições 2024: Quais serão os futuros candidatos à Prefeitura de São Paulo?

Eleições 2024: Quais serão os futuros candidatos à Prefeitura de São Paulo?

Um novo ano começou e com ele vem as Eleições 2024. Desde o ano passado, alguns nomes têm surgido como possíveis candidatos à Prefeitura de São Paulo.

Entre eles, o atual prefeito, Ricardo Nunes (MDB), deve tentar a reeleição com uma concorrência de nomes como o deputado federal Guilherme Boulos (PSOL), Tabata Amaral (PSB), Kim Kataguiri (União), Marina Helena (Novo), Ricardo Salles (PL), e o astronauta Marcos Pontes (PL).

A seguir, veja o que se sabe sobre as Eleições 2024 e conheça os possíveis candidatos à Prefeitura de São Paulo.

Eleições 2024 - São Paulo - Prefeitura
Saiba quem são os possíveis candidatos à Prefeitura de São Paulo nas Eleições 2024. | Foto: Montagem/ Reprodução.

As Eleições 2024

O cenário político atual sugere uma disputa intensa entre Guilherme Boulos e Ricardo Nunes pela preferência dos eleitores. Pesquisas recentes indicam que Boulos lidera as intenções de voto, mas está em empate técnico com Nunes. A deputada federal Tabata Amaral surge em terceiro lugar, consolidando-se como uma força a ser considerada na corrida eleitoral.

O primeiro turno das eleições está marcado para 6 de outubro de 2024, enquanto um eventual segundo turno ocorreria em 27 de outubro. As expectativas em torno dessas eleições são elevadas, considerando o peso político e a influência que a prefeitura de São Paulo possui no cenário nacional.

Possíveis candidatos à Prefeitura de São Paulo

Conheça os possíveis candidatos à Prefeitura de São Paulo:

1. Ricardo Nunes (MDB)

Ricardo Nunes, 55 anos, é o atual prefeito da cidade e assumiu o cargo em 2021 depois da morte de Bruno Covas. Empresário no ramo de controle de pragas, Nunes ingressou na política no MDB, sendo eleito vereador em 2012 e 2016. Sua chapa vitoriosa como vice-prefeito em 2020 impulsionou sua posição para buscar a reeleição em 2024. Negociando alianças com partidos do centro e da direita, como PSD, PP e Republicanos, Nunes enfrenta desafios para consolidar o apoio bolsonarista.

2. Guilherme Boulos (PSOL)

Figura destacada no Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST), Guilherme Boulos, 41 anos, é formado em filosofia pela USP e mestre em psiquiatria. Candidato à presidência em 2018 e à prefeitura em 2020, Boulos, agora deputado federal, lidera as pesquisas para 2024. Contando com o apoio do ex-presidente Lula, PT, PCdoB, PV e Rede, ele se destaca como uma voz progressista e pode se beneficiar da ausência do PT na disputa.

3. Tabata Amaral (PSB)

Com formação em ciência política e astrofísica em Harvard, Tabata Amaral, 29 anos, é deputada federal e ativista pela educação. Iniciou na política no PDT, migrando para o PSB. Reeleita em 2022, Amaral, cofundadora do Movimento Mapa Educação e do Movimento Acredito, busca a prefeitura com o apoio do vice-presidente Geraldo Alckmin.

4. Kim Kataguiri (União)

Kim Kataguiri, 27 anos, deputado federal e líder do Movimento Brasil Livre (MBL), é uma figura jovem e atuante na política. Eleito em 2018 e novamente em 2022, Kataguiri venceu prévias do MBL para ser candidato à prefeitura. No entanto, sua candidatura depende de filiação partidária até abril de 2024.

5. Marina Helena (Novo)

Economista com mestrado pela UnB, Marina Helena, 43 anos, tem experiência no governo Bolsonaro e concorreu a deputada federal em 2022. Anunciada como pré-candidata pelo Novo, ela busca apresentar uma alternativa liberal e focada em desestatizações.

6. Astronauta Marcos Pontes (PL)

Eleito senador em 2022, Marcos Pontes, 60 anos, é engenheiro aeroespacial e o primeiro astronauta sul-americano. Com passagem pelo Ministério de Ciência e Tecnologia, agora ele é cotado como possível candidato à prefeitura de São Paulo.

7. Ricardo Salles (PL)

Ex-ministro do Meio Ambiente, Salles, 48 anos, busca a prefeitura após polêmicas em sua gestão. Eleito deputado em 2022, sua candidatura ainda enfrenta desafios internos no PL.

Dinâmica partidária e alianças estratégicas nas Eleições 2024

O Partido dos Trabalhadores (PT), a princípio, não terá candidato próprio, apoiando Boulos. Enquanto isso, Nunes busca alianças com partidos do centro e da direita, enfrentando desconfianças bolsonaristas. A dinâmica partidária será crucial, com partidos como PSB, PL e União Brasil desempenhando papéis estratégicos.

Com a corrida eleitoral ganhando força, São Paulo se prepara para uma disputa complexa, marcada por ideologias distintas, alianças decisivas e desafios emergentes. A população paulistana será a árbitra dessa disputa.

____________________________
Por Giovana Rodrigues – Redação Fala!

ARTIGOS RECOMENDADOS