Playoffs da NBA - Resumo da primeira semana de basquete
Menu & Busca
Playoffs da NBA – Resumo da primeira semana de basquete

Playoffs da NBA – Resumo da primeira semana de basquete

Home > Notícias > Esporte > Playoffs da NBA – Resumo da primeira semana de basquete

Lillard x Jokic, atuação de gala de Ja Morant e Trae Young x Nova Iorque: tudo sobre a primeira semana dos playoffs da NBA

NBA
Provocação de Trae Young no primeiro jogo fez a torcida do Knicks voltar com tudo para o jogo 2 da série. | Foto: Reprodução.

No último sábado, começaram os tão esperados playoffs da NBA e, passado quase uma semana, todas as séries já tiveram dois jogos disputados e como sempre está pegando fogo. Enquanto equipes como Philadelphia 76ers e Brooklyn Nets fizeram o favoritismo valer a pena, abrindo 2×0, o Los Angeles Clippers perdeu as duas partidas no seu ginásio e vê uma vaga na próxima fase ficando mais distante.

Confrontos da conferência leste da NBA

Philadelphia 76ers 2×0 Washington Wizards

Embiid
Embiid, um dos finalistas ao prêmio de MVP, vem se destacando ainda mais nos playoffs. | Foto: Ned Dishman.

O confronto entre o primeiro e o oitavo lugar da conferência oeste está acontecendo conforme o esperado até aqui. Na partida de abertura, o Washington Wizards até começou melhor, indo para o intervalo com uma vantagem de apenas 1 ponto, mas, no próprio terceiro quarto, os 76ers conseguiram passar na frente e mantiveram essa vantagem até o final do jogo. Os destaques da partida foi Tobias Harris, do Philadelphia, o camisa 12 marcou 37 pontos, conseguiu 6 rebotes e ainda distribuiu 2 assistências.

No segundo confronto, o Philadelphia 76ers conseguiu uma vitória bem tranquila, 120×95, com uma atuação muito boa do seu “Big 3”, e ainda contou com uma lesão de Russell Westbrook no segundo quarto para conseguir essa vitória fácil por 25 pontos de vantagem. O destaque do lado do time da Pensilvânia agora foi Ben Simmons, com 22 pontos, 8 rebotes e 9 assistências, mas o cestinha da partida foi Bradley Beal, que marcou 33 pontos para o time da capital norte-americana.

Milwaukee Bucks 2×0 Miami Heat

Playoffs da NBA
Giannis Antetokounmpo vem mostrando sua força nos playoffs. | Foto: Getty Images.

Milwaukee Bucks e Miami Heat se enfrentaram na segunda rodada dos playoffs ano passado, e o time da Flórida conseguiu uma vitória tranquila por 4×1. Mas este ano as coisas estão diferentes, na primeira partida, o confronto foi bem equilibrado, 109×107 na prorrogação para o time de Wisconsin, com 27 pontos de Khris Middleton e uma atuação dominante de Antetokounmpo, que conseguiu 26 pontos, 18 rebotes e 5 assistências.

Na segunda partida, uma vitória extremamente fácil para o time de Milwaukee, que fez um 46×20 no primeiro quarto, e só controlou a vantagem até o final do jogo, que acabou com uma vantagem de 34 pontos para os Bucks, 132×98, com uma atuação muito boa de Jrue Holiday, que fez 11 pontos, pegou 7 rebotes e deu 15 assistências, mas novamente o destaque foi Giannis, com 31 pontos, 13 rebotes e mais 6 assistências.

Brooklyn Nets 2×0 Boston Celtics

kevin durant
Kevin Durant foi o cestinha dos dois jogos até aqui. | Foto: Reprodução.

Na primeira partida entre Brooklyn Nets e Boston Celtics, o time celta começou bem melhor, e foi para o intervalo com uma vantagem de 6 pontos, mas, a partir do terceiro quarto, o time de Nova Iorque não deu nenhuma chance para o azar e terminou a partida com uma vantagem de 11 pontos, 104×93. Os destaques da partida foram Kyrie Irving, com 29 pontos e 6 rebotes, e o cestinha Kevin Durant, com 32 pontos e 12 rebotes.

No segundo jogo da série, o Brooklyn conseguiu uma vitória bem tranquila, abriu 14 pontos de vantagem no primeiro quarto e, no fim do terceiro período, chegou a vencer por 28 pontos, essa distância chegou à 22 no final do jogo, e o Nets abriu 2×0 na série, fazendo valer o mando de quadra. Os destaques foram Joe Harris, com 25 pontos (7 bolas de 3 pontos) e Kevin Durant, com 26 pontos, 8 rebotes e 5 assistências.

New York Knicks 1×1 Atlanta Hawks

Playoffs NBA
Obi Toppin fez o ginásio cair abaixo no jogo 2. | Foto: Reprodução.

Na primeira partida entre New York Knicks, que não disputava os playoffs desde a temporada 2012–2013, e o Atlanta Hawks, que não figurava na pós-temporada há 3 anos, quem se deu melhor foi a equipe da Georgia, com uma partida espetacular de Trae Young, que na sua estreia em playoffs, fez 32 pontos, pegou 7 rebotes e ainda distribuiu 10 assistências para os seus companheiros.

Na segunda partida, após as provocações do camisa 11 de Atlanta no jogo 1, a torcida dos Knicks veio com tudo para o ginásio e influenciou muito, porque a equipe chegou a perder por 13 pontos no intervalo e conseguiu a virada no segundo tempo, vencendo por uma vantagem de 9 pontos, 101×92. O cestinha dos Knicks foi Derrick Rose, com 26 pontos, mas o destaque da partida foi novamente Trae Young, com 30 pontos e 7 assistências.

Confrontos da conferência oeste da NBA

Los Angeles Clippers 0x2 Dallas Mavericks

luka doncic
Luka Doncic e Kawhi Leonard, um excelente duelo até aqui. | Foto: Glenn James.

Los Angeles Clippers e Dallas Mavericks voltaram a se enfrentar em um confronto de primeira rodada nos playoffs, assim como no ano passado, onde a equipe de LA venceu por 4×2, este ano, o confronto começou diferente, no Staples Center, a equipe do Texas venceu por 113×103, com uma atuação excelente de Luka Doncic, um triplo-duplo, com 31 pontos, 10 rebotes e 11 assistências.

Na segunda partida no Staples Center, em Los Angeles, o Dallas Mavericks conseguiu a segunda vitória no confronto e abriu uma excelente vantagem no confronto, que vai para o Texas agora. Uma vitória por 127×121, duelo incrível entre Kawhi Leonard (41 pontos, 6 rebotes e 4 assistências) e Luka Doncic (39 pontos, 7 rebotes e 7 assistências).

Phoenix Suns 1×1 Los Angeles Lakers

lebron james
Devin Booker e LeBron James, um ótimo duelo da pós-temporada. | Foto: Reprodução.

Depois de 11 anos, os Phoenix Suns voltaram aos playoffs da NBA e logo de cara receberam o Los Angeles Lakers de LeBron James e Anthony Davis, que veio do play-in. Na primeira partida, o time do Arizona foi muito bem e conseguiu uma vitória por 99×90, com uma atuação de gala de Devin Booker, com 34 pontos, 7 rebotes e 8 assistências.

A segunda partida entre as duas equipes ficou marcada pela lesão de Chris Paul e o “retorno” de Anthony Davis, que havia marcado apenas 13 pontos no primeiro jogo da série. A equipe da Califórnia venceu por 7 pontos, 109×102, e conseguiu empatar a série, que agora vai para Los Angeles. O destaque da partida foi o camisa 3 dos Lakers, o “monocelha” teve 34 pontos, 10 rebotes e 7 assistências.

Utah Jazz 1×1 Memphis Grizzlies

NBA basquete
Ja Morant conseguiu a melhor atuação individual dos playoffs até aqui. | Foto: Reprodução.

Talvez a maior surpresa dos playoffs, o Memphis Grizzlies, que ficou fora da pós-temporada por 4 anos, voltou após eliminar o Golden State Warriors, de Stephen Curry, no play-in. Na primeira partida, o time do Tennessee conseguiu uma surpreendente vitória por 3 pontos após chegar a perder 13 pontos no segundo quarto. O destaque da partida foi Dillon Brooks, que conseguiu 31 pontos e 7 rebotes, Ja Morant também foi bem, marcando 26 pontos.

Na segunda partida em Utah, a equipe mandante fez valer o mando de quadra e conseguiu empatar a série em 1×1, uma vitória por 141×129, que de quebra teve a melhor atuação individual dos playoffs até aqui. Em sua segunda partida de pós-temporada na carreira, Ja Morant conseguiu 47 pontos, 4 rebotes e 7 assistências, o novo recorde de pontuação de um jogador do Memphis Grizzlies.

Denver Nuggets 1×1 Portland Trail Blazers

NBA basquete
Jokic e Lillard, o melhor confronto da pós-temporada da NBA até aqui. | Foto: Reprodução.

Denver Nuggets e Portland Trail Blazers vêm protagonizando o melhor duelo de playoffs até aqui, com atuações espetaculares das duas estrelas dos times, Nikola Jokic e Damian Lillard. Na primeira partida no Colorado, uma vitória por 4 pontos do time de Portland, com 34 pontos, 2 rebotes e 13 assistências de Lillard, enquanto Jokic fez os mesmos 34 pontos, pegou 16 rebotes e deu 1 assistência.

No jogo 2 da série, os Nuggets conseguiram uma vitória tranquila por 19 pontos e conseguiu empatar a série, que agora vai para Oregon, por 1×1. Mas, novamente, vimos duas atuações excelentes das estrelas, Jokic fez 38 pontos, pegou 8 rebotes e deu 5 assistências, enquanto Lillard fez 42 pontos (9 bolas de 3), conseguiu pegar 4 rebotes e deu outras 10 assistências.

NBA: Resumo até 27 de maio

Enquanto 4 séries estão empatadas em 1×1, em 3 séries o time de melhor campanha já conseguiu uma vantagem de 2×0, e apenas o Dallas Mavericks conseguiu vencer as duas partidas jogando fora dos seus domínios. Isso mostra um equilíbrio muito grande até aqui, e também que jogar com mando de quadra, com a torcida à seu favor por conta do alto número de vacinados, faz muita diferença nessa fase eliminatória.

Quais são as equipes favoritas ao título, quais equipes mais surpreenderam até aqui e quais mais decepcionaram, em breve, saberemos os confrontos de segunda rodada dos playoffs, então vamos ficar ligados, porque como diria Jota Plays, “esses são os playoffs da NBA”.

___________________________
Por Leonardo Pignatari – Fala! Esporte em Pauta

Tags mais acessadas