NFL: Lesão de Dak, volta de Alex Smith e prorrogações na semana 5
Menu & Busca
NFL: Lesão de Dak, volta de Alex Smith e prorrogações na semana 5

NFL: Lesão de Dak, volta de Alex Smith e prorrogações na semana 5

Home > Notícias > Esporte > NFL: Lesão de Dak, volta de Alex Smith e prorrogações na semana 5

Mais uma rodada se passou, e vários grandes jogos preencheram mais um fim de semana de muito futebol americano, porém, um fato chocou todos os fãs do esporte na partida entre Giants e Cowboys. O Quarterback de Dallas, Dak Prescott, que vinha fazendo um grande ano, fraturou a perna em um lance chocante, e está fora da temporada, justamente em seu ano de renovação contratual. A notícia chateou a todos e, infelizmente, acabou sendo um dos grandes fatos da semana na NFL.

Dak Prescott
Dak Prescott após sofrer grave lesão contra o Giants. | Foto: Quinto Quarto.

Coincidentemente, no mesmo dia da lesão de Dak, na cidade de Washington, uma das grandes histórias do esporte ganhava um novo capítulo. Alex Smith, QB de Washington, fraturou a perna na temporada de 2018, e chegou a correr risco de vida. Foram inúmeras cirurgias e treinos para se recuperar, chegou a pensar que sequer poderia andar novamente.

Porém, no último domingo, após a lesão de Kyle Allen, Washington teve seu camisa 11 novamente em campo. Smith sofreu com sua péssima linha ofensiva ao jogar contra Aaron Donald, mas terminou o jogo saudável e, apesar da derrota, impressionou e emocionou os apaixonados pela NFL.

NFL
Alex Smith em seu retorno à NFL. | Foto: Sports Illustraded.

Semana 5 da NFL

Philadelphia Eagles x Pittsburgh Steelers

Na ‘Batalha da Pensilvânia’, Eagles e Steelers se enfrentaram no Heinz Field, em Pittsburgh. Em momentos diferentes, mas ambos líderes de suas divisões, fizeram um jogo muito mais competitivo do que parecia que seria, assim como toda partida entre estas duas franquias. Um Steelers invicto contra um Eagles de campanha 1–2–1, mas que fez um grande jogo mesmo com todas as lesões em seu elenco. Porém, o que Philadelphia não contava era com o jogo histórico do calouro WR, Chase Claypool.

A escolha de segunda rodada dos Steelers anotou incríveis 110 jardas e 4 touchdowns, sendo eleito o jogador ofensivo da AFC. Pelo lado dos Eagles, Carson Wentz lançou duas interceptações, mas não fez uma péssima partida, principalmente quando o seu alvo era o jovem Travis Fulgham, que fez uma grande partida, com 150 jardas e um touchdown. O duelo terminou em 38 a 29 para Pittsburgh, que agora está 4–0 pela primeira vez desde 1979, enquanto Philadelphia caiu para 1–3–1 e já não lidera mais a NFC Leste.

Las Vegas Raiders x Kansas City Chiefs

Em um duelo divisional da AFC Oeste, muito se esperava desta partida, porém, o que a maioria não esperava era um domínio da equipe visitante, que foi a Kansas City e bateu a equipe de Andy Reid, Mahomes e companhia.

No Arrowhead Stadium, Jon Gruden, tantas vezes criticado pela mídia e por quem acompanha o esporte, realizou um grande trabalho no domingo e neutralizou as principais forças do Kansas City Chiefs. Grande jogo de Derek Carr e Josh Jacobs colocaram 40 pontos no placar para os Raiders. Patrick Mahomes, mesmo sofrendo com sua linha ofensiva e tendo um jogo ‘abaixo’, lançou 340 jardas e 2 TDs, porém os 32 pontos dos Chiefs não foram suficientes para chegar a uma campanha de 5–0. Las Vegas, com um recorde 3–2, demonstram que podem ser fortes candidatos aos playoffs da NFL.

Sunday Night Football – Minnesota Vikings x Seattle Seahawks

De um lado, uma das melhores equipes da liga neste ano, o Seattle Seahawks, de Russell Wilson; do outro, uma das maiores decepções até aqui, o Minnesota Vikings, comandados por Kirk Cousins. Antes da temporada começar, este Sunday Night chamava a atenção de todos, porém, com o péssimo início de ano dos Vikings, já não atraía os mesmos olhares.

Mas a partida acabou sendo um dos grandes jogos da rodada, decidido nos últimos segundos, com vitória de Seattle. Minnesota, mesmo fora de casa, começou dominando através de seu forte jogo corrido com Dalvin Cook e Alexander Mattison, e abriu 13 a 0 no placar, entretanto, Russell Wilson logo respondeu e virou o placar para 21 a 13. Aparentava que Minnesota não teria forças para buscar o placar, mas com dois TDs de Adam Thielen, os Vikings estavam à frente do placar e ficaram a uma conversão de 4ª decida de matar o jogo.

Tentativa falha e pouco mais de um minuto para os Seahawks buscarem a vitória. Em uma campanha perfeita e uma conversão de 4ª para o gol, DK Metcalf anotou o Touchdown da vitória, em partida que acabou em 27 a 26, da única equipe 5–0 neste momento, em um dos grandes jogos do ano até aqui.

futebol americano
O TD derradeiro de DK Metcalf. | Foto: 12th Man Rising.

Monday Night Football – Los Angeles Chargers x New Orleans Saints

Na partida de segunda à noite, os Saints, do experiente Drew Brees, receberam os Chargers, do calouro sensação, Justin Herbert. Surpreendentemente, os visitantes começaram dominando e Herbert distribuiu belos passes, principalmente em profundidade, e abriu 20 a 3 para os visitantes. Brees cresceu na partida e passou a controlar o jogo, ajudado por grande partida de Emmanuel Sanders, conseguiu empatar o duelo em 20 a 20.

No último quarto, uma bomba de Justin Herbert para Mike Williams colocou os Chargers novamente à frente no placar. Faltando 52 segundos, Taysom Hill correu para a endzone para empatar o jogo em New Orleans, e o confronto foi para a prorrogação. No overtime, um chute de Will Lutz e um tackle perfeito de Marshon Lattimore, em uma 4ª decida, deram a vitória para os mandantes em um jogo repleto de viradas e emoção.

Buffalo Bills x Tennessee Titans

A partida, que era para ter acontecido no domingo, foi adiada para terça-feira por conta de casos positivos de Covid-19 nos Titans. O primeiro ‘Tuesday Night Football’ desde 1946 era um dos jogos mais aguardados da rodada e marcava o embate entre duas equipes invictas.

De um lado, os Bills 4–0, do jovem e talentoso Josh Allen; do outro, os Titans, de Derrick Henry e Ryan Tannehill, que vinham de um momento conturbado por uma explosão de casos no clube, treinos proibidos e outras polêmicas. Mas, apesar de tudo, Tennesse dominou do início ao fim, e em um grande jogo tanto de seu ataque, quanto de sua defesa, dominou a equipe de Buffalo e venceu a partida por 42 a 16. O momento marcante do jogo foi um Stiff Arm de ‘King’ Henry para cima do safety dos Bills, Josh Norman, o qual foi arremessado para longe por apenas um braço do Running Back dos Titans.

NFL
Placar do jogo e o Stiff Arm de Derrick Henry. | Foto: NFL BR.

NFL: Outros jogos da rodada

  • TNF – Buccaneers 19 x 20 Bears
  • Panthers 23 x 16 Falcons
  • Cardinals 30 x 10 Jets
  • Rams 30 x 10 Washington
  • Bengals 3 x 27 Ravens
  • Jaguars 14 x 30 Texans
  • Dolphins 42 x 17 49ers
  • Colts 23 x 32 Browns
  • Giants 34 x 37 Cowboys

Mais uma rodada da NFL se passou, e apenas quatro equipes seguem invictas: Steelers, Titans, Packers e Seahawks. Foram muitos jogos apertados, derrotas surpreendentes de equipes fortes e, infelizmente, lesões graves por toda a liga. Próxima quinta não terá Thursday Night Football, por conta do reagendamento de jogos adiados pela NFL, mas domingo tem muitos jogos que prometem ainda mais emoção aos fãs da bola oval.


*Nós, do projeto Esporte em Pauta, estamos realizando uma parceria com o Fala!; se quiser ter acesso a mais conteúdos sobre os mais variados esportes, procure nossa página no Instagram (@esporte_em_pauta) e no Twitter (@EsportePauta).

_______________________________
Por Filipe Saochuk – Fala! PUC

Tags mais acessadas