Natal: conheça a origem da árvore, que é um símbolo da data
Menu & Busca
Natal: conheça a origem da árvore, que é um símbolo da data

Natal: conheça a origem da árvore, que é um símbolo da data

Home > Entretenimento > Cultura > Natal: conheça a origem da árvore, que é um símbolo da data

Com a chegada do Natal, as decorações festivas ganham os olhares de todo o mundo, dando uma nova cara para as ruas e casas. Para muitas famílias, montar a árvore é um dia de felicidade e união, mas será que sabem de onde surgiu esse símbolo natalino?

árvore de Natal
Conheça a origem da árvore, que é um símbolo do Natal. | Foto: Reprodução.

Origem da árvore de Natal

No hemisfério norte, a população costumava comemorar a chegada do inverno com plantas verdes/pinheiros na frente das suas casas, para servir como uma lembrança de que o sol iria brilhar novamente.

Em Roma, a celebração ao Deus Saturno, Saturnália, começava no dia 17 de dezembro e se estendia até 25 de dezembro, onde ninguém trabalhava, presentes eram trocados, ninguém poderia ser processado por ferir ou matar pessoas, estuprar, roubar e outras coisas. Mesmo que muitas pessoas tenham tirado proveito da ilegalidade, também podia ser considerado um momento de bondade.

Quando Constantino, imperador de Roma, se converteu ao cristianismo, em 313, a Igreja Romana estava sempre em busca de mais fiéis, fazendo com que alguns de seus cultos se misturassem com costumes pagãos. Querendo superar a Saturnália, transformaram a data para o nascimento de Cristo, propagando sua religião. 

A certeza que se tem é que, em 1605, a árvore de Natal fazia-se presente, com registros históricos dela decorada com folhas de ouro, papel colorido, doces e outros enfeites. 

No século 19, os alemães popularizaram a tradição, expandindo a imagem da família de classe média, feliz, comemorando o nascimento de Cristo. 

Desde sua popularização, o uso de pinheiros acabou sendo prejudicial para seu próprio bem, se tornando mais um produto do capitalismo. Anualmente, mais de 300 milhões de árvores de Natal são cultivadas em fazendas ao redor do mundo para sustentar uma indústria de dois bilhões de dólares, mas, como várias vezes não são suficientes, muitas são cortadas diretamente das florestas. Por isso, o uso de árvores sintáticas e sustentáveis está sendo cada vez mais incentivado. 

___________________________
Por Bianca Viana – Fala! Faculdade Mauricio de Nassau – PE

Tags mais acessadas