Libertadores 2020: Os adversários dos brasileiros nas oitavas
Menu & Busca
Libertadores 2020: Os adversários dos brasileiros nas oitavas

Libertadores 2020: Os adversários dos brasileiros nas oitavas

Home > Notícias > Esporte > Libertadores 2020: Os adversários dos brasileiros nas oitavas

A Taça Libertadores da América 2020 entra, a partir do dia 24/11, em sua fase de oitavas de final, no famoso e temido “mata-mata”, contando com seis brasileiros classificados: Palmeiras, Santos, Flamengo, Grêmio, Internacional e Athletico Paranaense.

Com uma boa campanha geral, as equipes do Brasil avançaram com tranquilidade, estando apenas Corinthians (eliminado na fase prévia) e São Paulo (3º colocado do seu Grupo) eliminados. Os duelos foram sorteados pela Conmebol, envolvendo um pote com os times líderes de seus agrupamentos, e outro com os segundos colocados.

libertadores
Troféu da Taça Libertadores. | Foto: Conmebol.

Libertadores

Palmeiras: jogos dia 25/11 e 2/12 – decisão em casa

A melhor equipe na Fase de Grupos da Libertadores teve uma leve “sorte” no sorteio, pois enfrentará o inexperiente Delfín, do Equador, o qual se qualificou em segundo no agrupamento do Santos.

Os “golfinhos”, tradução de Delfín, foram fundados em 1989, com sede na cidade de Manta, uma bela localidade portuária; em 2018, estreou na competição internacional, sendo vencedora da última edição do campeonato equatoriano pela primeira vez.

O treinador Fabián Busto terá que se superar para os dois jogos, mesmo sem possuir nenhum caso de Covid-19 no elenco (Palmeiras passa por surto), o time está a quatro jogos sem vencer, ocupando no seu torneio nacional a 13ª colocação, com apenas 16 adversários.

futebol
Estádio Jocay, do Delfín. | Foto: Wikipédia.

Santos: jogos dia 24/11 e 1/12 – decisão em casa

O peixe da Vila Belmiro terá muitas dificuldades no seu duelo, contra a poderosa LDU, de Quito, também no Equador. Contando com o benefício de ter sido líder de seu grupo, o Santos poderá definir o confronto em casa, precisando trazer um bom resultado no jogo de ida, na altitude de 2.850 da capital local.

A LDU se demostrou um bom time, com jogadores de seleção, em seu grupo complicado, dando consideráveis trabalhos para River Plate e São Paulo, jogando no alto relevo; fora dele, não trouxe preocupações. A tradicional equipe vencedora da Libertadores 2008 está a dois jogos sem vencer no torneio local, no entanto, virá preparada para enfrentar o Santos, que recentemente oscilou e passou por surto de Covid-19.

Libertadores
Quito conta com uma das mais impactantes altitudes da América do Sul. | Foto: Lovely Planet.

Flamengo: jogos dia 24/11 e 1/12 – decisão em casa

O atual vencedor da Libertadores passou por diversas turbulências durante a Fase de Grupos, sendo goleado pelo Indepiendente Del Valle e sofrendo com surto de Covid-19 em suas viagens, mas se superando com a qualificação na primeira posição do grupo; no entanto, em meio ao tempo de transição ao mata-mata, o rubro-negro passou por crise com o técnico catalão Domènec Torrent, sendo substituído por Rogério Ceni (eliminado na Copa do Brasil).

Esse cenário desfavorável ao Flamengo pode ser compensado pelo momento de seu rival, o Racing de Avellaneda, o qual vive um péssimo momento. Lanterna de seu grupo, com 0% de aproveitamento. Vencedores da Libertadores 1967, vão usar sua tradição para resgatar-se da dificuldade; o treinador Sebástian Becaccece é um velho conhecido de Ceni, pois foi o comandante do Defensa y Justícia contra o São Paulo nas últimas edições da Copa Sul-Americana, saindo o argentino com superioridade no confronto.

Ceni
Na época de São Paulo, Rogério já enfrentou Becaccece. | Foto: Marcos Ribolli.

Grêmio: jogos dia 26/11 e 3/12 – decisão em casa

O “copeiro” Grêmio, de Renato Gaúcho, vem vivendo uma grande fase tanto na Copa do Brasil e também no Brasileirão, e enfrentará um velho conhecido de equipes paulistas, o Guaraní do Paraguai. A pandemia não fez bem aos paraguaios, que haviam eliminado o Corinthians na Pré-Libertadores, chegando confiantes à fase de grupos.

No entanto, como seus rivais, foi superado pelo Palmeiras, porém demostrou relativa força diante de Tigre-ARG e Bolívar-BOL. A equipe vai buscando ter mais tradição internacionalmente, tendo como seu melhor resultado às semifinais da Liberta, em 2015.

taça Libertadores
Guaraní ganhou relevância no Brasil ao eliminar o Corinthians, por duas vezes. | Foto: Nelson Almeida.

Internacional: jogos dia 25/11 e 02/12 – decisão fora

O colorado teve uma classificação com requintes de sofrimento na Fase de Grupos, terminando na segunda colocação, agrupamento que contava com seu rival, o Grêmio. Em meio ao torneio internacional, vem vivendo um dramático momento nas competições nacionais, com eliminação na Copa do Brasil e queda na tabela do Brasileirão, além de principalmente perder seu treinador, Eduardo Coudet, para o Celta-ESP.

Abel Braga, o experiente treinador do Inter, terá que despistar a desconfiança diante do poderoso Boca Juniors, de Buenos Aires. A equipe argentina passa por uma seca de títulos internacionais, completando 13 anos desde a última conquista da Liberta; o Boca foi líder de seu grupo, mas atualmente vem sofrendo no Campeonato Argentino, seu agrupamento é liderado pelo Talleres, sendo incomodado também pelo Lanús. O time de Miguel Ángel Russo vem de duas derrotas consecutivas.

Miguel Ángel Russo
Miguel Ángel Russo foi o campeão com os xeneizes, em 2007. | Foto: AFP.

Athletico Paranaense: jogos dia 24/11 e 1/12 – decisão em casa

O Furacão foi o mais azarado no sorteio da Conmebol Libertadores, pegando nada mais, nada menos, que o River Plate-ARG. Vindo embalado no Grupo do Argentino, dividindo a liderança com o Balfield, os vice-campeões da Liberta 2019 passaram com sobras diante de LDU, São Paulo e Binacional, mesmo tendo menos tempo de treinamento. O River vai em busca do seu 5º título no torneio, pegando um chaveamento mais tranquilo.

libertadores 2020
Julián Álvarez, de 20 anos, é mais uma nova estrela do poderoso River. | Foto: Reprodução Internet.

Chaveamento da Libertadores

  • Grêmio x Guaraní (vs) LDU x Santos
  • Racing x Flamengo (vs) Boca Júniors x Internacional
  • River Plate x Athletico Paranaense (vs) Indepiendente Del Valle vs Nacional-PAR
  • Libertad x Jorge Wilsterman (vs) Palmeiras x Delfín

_________________________________
Por Luiz Henrique Marcolino Cisterna – Fala! Anhembi

Tags mais acessadas