Lançamento da biografia de Esther de Figueiredo Ferraz
Menu & Busca
Lançamento da biografia de Esther de Figueiredo Ferraz

Lançamento da biografia de Esther de Figueiredo Ferraz

Home > Entretenimento > Cultura > Lançamento da biografia de Esther de Figueiredo Ferraz

Disponível na versão digital, a mackenzista Louise Teixeira Diório conta a trajetória de vida da primeira mulher a assumir o cargo de Ministra do Governo Federal

Nascida em São Paulo, em 1915, Esther de Figueiredo Ferraz aprendeu a ler e a escrever antes dos seis anos, com o auxílio de jornais e o incentivo da mãe. Filha de fazendeiros, passou a infância na capital paulista e algumas temporadas em Mococa, no interior do Estado. Essa é parte da história retratada no livro-reportagem biográfico Eternas falas de Esther de Figueiredo Ferraz (2019). De autoria de Louise Teixeira Diório, jornalista e mestranda em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Com a versão impressa limitada, agora também está disponível na versão digital pelo site da Amazon.

Eternas falas de Esther de Figueiredo Ferraz
Com edição impressa limitada, a obra está disponível na versão digital. | Foto: Almerino Gonçalves Dourado Jr.

Eternas falas de Esther de Figueiredo Ferraz (2019)

Produzida de modo independente, a obra é resultado do Trabalho de Conclusão de Curso da jornalista Louise Teixeira Diório e conta com o projeto gráfico e capa de Almerino Gonçalves Dourado Junior. A narrativa de não-ficção relata a trajetória de vida da primeira mulher que assumiu a posição de Ministra no Governo Federal do Brasil, de 1982 a 1985. Apresenta entrevistas e fatos históricos inéditos. Nas palavras da autora, Esther de Figueiredo Ferraz foi uma mulher “pioneira, corajosa e destemida”. Essa produção literária, inclusive, lhe rendeu o Prêmio de Jornalismo CCL e integra a lista dos melhores projetos de TCC apresentados no 2º semestre de 2019.

Esther de Figueiredo Ferraz esteve, por diversas vezes, em posição pioneira ao ser a primeira mulher a ocupar uma cadeira na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), ao integrar o corpo docente da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, ao galgar o cargo de Reitora da Universidade Mackenzie e ao ser a primeira mulher a ocupar uma cadeira no Ministério do Governo Federal. Durante a juventude, completou o Curso Normal no Instituto Caetano de Campos, o curso de Filosofia na Faculdade São Bento e o bacharelado em Direito na Universidade de São Paulo. Além disso, cultivou, desde cedo, o talento para a música e concluiu a formação em piano no Conservatório Dramático e Musical de São Paulo.

O professor Dr. Marcel Mendes, orientador do respectivo projeto de TCC e autor do prefácio da obra, teve contato com Esther de Figueiredo Ferraz em momentos distintos. Primeiro, como aluno da Escola de Engenharia Mackenzie e, posteriormente, ao compor o corpo docente da instituição de ensino. “[Esther] manteve sempre sua dignidade de mulher íntegra, sua finesse de intelectual culta, a par da sua proverbial simpatia e notória simplicidade. Dela guardei autógrafos e dedicatórias em obras da sua lavra, o que me causou sempre muito orgulho”, disse.

Todo esse conjunto de lembranças enche meu coração de alegria e me motiva a aplaudir a iniciativa da mackenzista Louise Teixeira Diório, de prestar uma forma de homenagem a uma das figuras mais brilhantes que já inscreveram seu nome na galeria dos ‘mackenzistas’ a serem sempre lembrados e honrados.

Complementou o professor e doutor em História Social, Marcel Mendes.
Esther de Figueiredo Ferraz
Esther ao lado de seu prêmio de “Guerreiro da Educação”, do CIEE e Estadão. | Foto: Acervo CHCM, 1999.

Mais detalhes sobre a obra de Louise Teixeira Diório

A obra literária possui diversas informações históricas, cartas de autoria de Esther de Figueiredo Ferraz e entrevistas com familiares, amigos e pessoas de seu convívio social. O ex-reitor da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Dr. Cláudio Lembo, foi um dos entrevistados e aproveitou para refletir sobre a importância desse tipo de literatura. “A Esther é uma figura exemplar para todos nós. Exemplo de trabalho, perseverança e respeito aos valores. Ela tem que ser lembrada. Este livro é útil para que toda a juventude possa ver que há no passado figuras que merecem a nossa consideração”, afirma o ex-governador de São Paulo.

jornalismo
Atualmente, a jornalista prossegue pesquisando este tema no Mestrado. | Foto: Divulgação.

O intuito da obra Eternas falas de Esther de Figueiredo Ferraz é complementar a historiografia a respeito da trajetória de vida da protagonista a partir de uma narrativa biográfica, até então inexistente. Com uma história cheia de nuances e uma documentação histórica inédita e extensa, a autora decidiu dar continuidade ao tema no curso de Pós-Graduação Stricto Sensu em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Após coletar e ler tantos documentos de arquivo e a realizar as entrevistas, imergi na história de Esther de Figueiredo Ferraz e, de certa forma, me afeiçoei a sua figura. Infelizmente não tive o privilégio de conhecê-la, mas era como se a cada carta, relato, livro e fotografia eu me tornasse um pouco amiga dela.

Finalizou a mackenzista Louise Teixeira Diório.

A obra está disponível na Amazon e conta com o valor promocional de pré-venda (R$ 18,74) até o dia 24 de maio. A leitura é adaptada para o dispositivo Kindle ou outros recursos, como computador, tablet e celular, por meio do aplicativo Kindle Cloud Reader.

Serviço

Obra​: Eternas falas de Esther de Figueiredo Ferraz (2019)
Autora​: Louise Teixeira Diório
Ponto de venda: Livro digital disponível no site da Amazon (acesse aqui)
Preço: De R$ 24,99 por R$ 18,74 na pré-venda – promoção de 25% até o lançamento o oficial, no dia 24/05/2021

______________________
Por Redação Fala!

Tags mais acessadas