Festival de Veneza é primeira mostra presencial pós-pandemia
Menu & Busca
Festival de Veneza é primeira mostra presencial pós-pandemia

Festival de Veneza é primeira mostra presencial pós-pandemia

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > Festival de Veneza é primeira mostra presencial pós-pandemia

Organizadores do Festival de Veneza apostam em um número reduzido de celebridades e em medidas de proteção contra a Covid-19, indo no sentido contrário das decisões tomadas por festivais em todo mundo

Festival de Veneza
Diretor Abel Ferrara durante o quarto dia do 77º Festival de Cinema de Veneza. | Foto: Reprodução/G1.

Um dos maiores festivais de cinema do mundo, o tradicional Festival de Veneza, deu início a sua 77° edição no dia 2 de setembro, na cidade italiana. O evento reconhecido pelo elevado grau de elegância e presença de celebridades do alto escalão, não teve escolha este ano, e devido à pandemia de Covid-19, precisou organizar-se em uma cerimônia mais controlada.

Festival de Veneza é primeira mostra presencial pós-pandemia

Dentre as medidas adotadas pelo evento, estão o uso obrigatório de máscaras em locais fechados, substituição dos ingressos de papel por tickets eletrônicos, medição de temperatura antes das sessões e distanciamento no tapete vermelho e nas salas, as quais consequentemente tiveram de diminuir sua capacidade de público. A atriz australiana e presidente do júri dessa edição, Cate Blanchett, declarou sua admiração pelos organizadores do evento e disse que o cinema deve, sim, reabrir, mas de maneira segura.

O festival, porém, foi o primeiro do ano, após a explosão da pandemia do coronavírus, a arriscar-se em uma cerimônia presencial. Diversas foram as saídas encontradas por eventos do Brasil e do mundo durante o ano para ajustar-se ao “novo normal”, desde o uso de plataformas on-line até cancelamentos definitivos.

Festival de Cinema de Gramado

A 48° edição do evento, que estava programada originalmente para agosto, foi remarcada para acontecer em setembro entre os dias 18 e 26. Oferecida digitalmente e transmitida pelo Canal Brasil, os títulos ficarão disponíveis para o público por até 24 horas após a exibição original.

No Instagram, os organizadores atentaram-se para a importância do apoio à produção audiovisual nacional, preocupação natural do festival, mas que, infelizmente, necessita de um destaque ainda maior no momento.

 Mostra Internacional de Cinema de São Paulo

Festival que tem como uma de suas características mais marcantes a necessidade de rápida locomoção do público entre os diferentes cinemas na região da Consolação, onde originalmente acontecia o evento, poupará as pernas dos telespectadores este ano.

Em sua 42° edição, que acontecerá entre os dias 22 de outubro e 4 de novembro, os filmes serão exibidos em uma plataforma de streaming exclusiva desenvolvida pela empresa Festival Scope/Shift72, e também no drive-in Belas Artes. O ingresso de cada sessão custará R$6,00. Alguns títulos serão disponibilizados gratuitamente nas plataformas do CineSesc e Spcine.

Festival Internacional de Cinema de Toronto

Focado nas grandes produções Hollywoodianas, e considerado uma espécie de termômetro para o Oscar, o Festival de Toronto está apostando em um formato híbrido, com apenas 5 exibições presenciais, que contarão como diversas medidas de prevenção, enquanto o restante dos títulos será exibido on-line.

O festival também diminui drasticamente o número de filmes, de uma média de 300 para 50. Acontecerá entre os dias 10 e 20 de setembro deste ano.

Festival de Cannes

Pela primeira vez em 73 anos, o Festival de Cannes foi definitivamente cancelado. O evento, que aconteceria originalmente em maio, fora adiado em um primeiro momento para junho ou julho, porém, em abril, foi decidido pelos organizadores, que não haveria condições para que o evento acontecesse este ano. A previsão é que a próxima edição ocorra em junho de 2021.

__________________________________
Por Lavínia Xavier – Fala! ESPM

Tags mais acessadas