Home / Colunas / Daniel Alves e a crise da lateral-direita brasileira

Daniel Alves e a crise da lateral-direita brasileira

Por Natanael Oliveira – Fala!PUC

A grave lesão sofrida pelo lateral-direito do PSG não é só preocupante para a Copa do Mundo, mas também é o início de 
uma discussão sobre futuro da posição na seleção brasileira

 

Dono da posição.

Dia oito de maio, final da Copa da França, o todo poderoso Paris Saint-Germain contra o surpreendente time do Les Herbiers, equipe participante da terceira divisão do escalão francês de futebol. Uma vitória por dois a zero sem grandes dificuldades para o grande favorito da partida e da competição: o PSG, gols do argentino Lo Celso e do uruguaio Cavani. Tudo estava acontecendo de maneira perfeita, afinal, estava sendo conquistado (e foi) o quarto título do time parisiense na temporada, quando aos quarenta e dois minutos do segundo tempo do jogo, Daniel Alves sentiu um incomodo no joelho direito e precisou ser substituído, dando seu lugar para o belga Thomas Meunier.

O que poderia ser apenas uma simples dor localizada, se tornou algo muito mais preocupante com os exames preliminares feitos pelos médicos do clube francês, constatando uma grave lesão no ligamento do joelho direito que descarta a participação do brasileiro na que seria sua provável última Copa do Mundo.

Leia Mais

Confira também:

– Álbum da Copa: Uma febre mundial fora das quatro linhas

– Fala! Entrevista: Mauro Cezar Pereira

Confira também

Humor: Os Melhores Memes do Debate da RedeTV

O segundo debate entre presidenciáveis foi organizado pela RedeTV, e nós aqui seguimos dando prosseguimento ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *