Confira as cinco leis consideradas mais absurdas de todos os tempos
Menu & Busca
Confira as cinco leis consideradas mais absurdas de todos os tempos

Confira as cinco leis consideradas mais absurdas de todos os tempos

Home > Notícias > Urbano > Confira as cinco leis consideradas mais absurdas de todos os tempos

As leis têm a função de organizar, ordenar e regularizar as ações dos seres humanos em uma sociedade. Porém, alguns parlamentares exageraram um pouco (ou muito) na hora de elaborá-las, o que fez com que algumas leis bizarras fossem sancionadas.

leis
Confira as cinco leis consideradas mais absurdas de todos os tempos. | Foto: Reprodução.

As 5 leis mais absurdas do mundo

1 – Colocar o dedo no nariz

É isso mesmo que você acabou de ler. Em Israel, os homens que seguem a fé judaica estão proibidos por lei de enfiar o dedo no nariz aos sábados. Isso porque, segundo a Constituição Israelense, o ato pode gerar sangramentos, gerando a violação do código de santidade religiosa.

2 – Banho obrigatório

Seguindo na seção de higiene, o estado americano Kentucky determinou por lei que o banho é obrigatório. Ou seja, cada cidadão é forçado a se lavar pelo menos uma vez por ano.

3 – Proibido morrer

No país da Rainha Elizabeth, a Inglaterra, é proibido que qualquer funcionário do governo britânico morra dentro do Parlamento. E sim, pode parecer um absurdo, mas o morto pode ser preso.

4 – Restrição de vestuário

Na cidade californiana Blythe, nos Estados Unidos, não é permitido o uso de botas de cowboy, a menos que o cidadão possua pelo menos duas vacas.

5 – Transporte de sorvete

Já deu para notar que os Estados Unidos possuem algumas leis bem bizarras. Entre elas, estão as leis de transporte de sorvete.

Em Lexington, Kentucky, não é permitido transportar um sorvete de casquinha em uma bolsa. Essa lei também está em vigor em Nova York, mas com uma exceção: aos domingos, o transporte está autorizado. Já no estado do Alabama, é proibido andar com um sorvete no bolso traseiro da calça.

Bônus – Sem melancias

É claro que o nosso Brasil não poderia ficar de fora dessa lista, mesmo que com uma lei bônus, já que esta não está mais em vigor.

Em Rio Claro, no interior do estado de São Paulo, foi proibido, no ano de 1894, comer melancia. Isso porque as pessoas da época achavam que doenças, como a febre amarela e tifo, eram transmitidas pela fruta. Essa lei durou mais de 95 anos!

_________________________________
Por Maria Clara Gonçalves Mendes – Fala! Cásper

Tags mais acessadas