Made in Honorio: Anitta conta que foi estuprada aos 14 anos e sentia-se culpada Made in Honorio: Anitta conta que foi estuprada aos 14 anos e sentia-se culpada
Menu & Busca
Made in Honorio: Anitta conta que foi estuprada aos 14 anos e sentia-se culpada

Made in Honorio: Anitta conta que foi estuprada aos 14 anos e sentia-se culpada

Home > Entretenimento > Famosos e TV > Made in Honorio: Anitta conta que foi estuprada aos 14 anos e sentia-se culpada

Em sua série documental da Netflix, Anitta Made in Honório, Anitta revela que foi estuprada aos 14 anos de idade. Além disso, a cantora confessou que se sentia culpada.

Apesar de se mostrar uma mulher poderosa e determinada, a funkeira guardava a angústia de seu passado. Assim, Larissa de Macedo Machado inventou a cantora Anitta como forma de lidar com a difícil situação.

Anitta
Cantora sofreu estupro aos 14 anos. | Foto: Montagem/Reprodução.

Anitta conta que sofreu estupro em série documental da Netflix

A nova série documental de Anitta foi ao ar nesta madrugada (16), na plataforma da Netflix. Sendo assim, no primeiro episódio de Anitta Made in Honório, a cantora confessou que foi vítima de estupro.

Em meio às lágrimas, a funkeira contou que já se envolveu em relações abusivas e, em uma delas, quando tinha entre 14 e 15 anos, a situação foi ainda pior. Dessa forma, ao ver o parceiro sob estresse, Anitta sugeriu que fossem a um lugar mais tranquilo e privativo.

Após o homem perguntar se tinha certeza do que queria, a jovem confirmou. No entanto, Anitta alegou que apenas consentiu por estar com medo da reação do parceiro. Além disso, próximo ao ato em si, a menina pediu para que o companheiro parasse, mas ele não o fez.

Quando cheguei lá, eu realizei que não era certo eu fazer aquilo por medo nem nada. E falei que não queria mais. Mas ele não ouviu. Ele não falou nada. Só seguiu fazendo o que ele queria fazer. Quando ele acabou, ele saiu, foi abrir uma cerveja e fiquei olhando pra cama cheia de sangue.

Relembrou Anitta.

Dessa maneira, a brasileira comentou que se sentia culpada pelo ocorrido. “Faz muito pouco tempo que eu parei de achar que isso é culpa minha, que eu parei de achar que eu causei isso pra mim”.

Mais do que isso, a cantora revelou o medo que sentia com relação ao que os outros falariam. “E eu sempre tive medo do que as pessoas iam falar: ‘Como ela pode ter sofrido isso e hoje ser tão sexual, ser tão aberta?’. Eu não sei”, confirmou. Assim, a dona de vários hits complementou sobre a criação de Anitta:

O que eu sei é que eu peguei isso que eu vivi e transformei em uma coisa pra me fazer sair por cima, pra me fazer sair melhor. Pra todos vocês que se perguntam de onde nasceu Anitta, nasceu daí. Da minha vontade e necessidade de ser uma mulher corajosa que nunca ninguém pudesse machucar.

____________________________
Por Isabela Cagliari – Redação Fala!

Tags mais acessadas