50 anos do fim de The Beatles: Veja as contribuições do grupo
Menu & Busca
50 anos do fim de The Beatles: Veja as contribuições do grupo

50 anos do fim de The Beatles: Veja as contribuições do grupo

Home > Entretenimento > Música > 50 anos do fim de The Beatles: Veja as contribuições do grupo

Há 50 anos, no dia 10 de abril, os rapazes de Liverpool, os Beatles, declararam o fim da banda. Após anos de sucesso, o “sonho”, como diria John Lennon, “acabou”, mas não foi exatamente isso que aconteceu. Seu legado prevalece e o número de fãs só aumenta a cada geração, devido às suas músicas marcantes e contagiantes.

Para terem noção do tamanho da influência da banda, mencionarei algumas das contribuições dela para o mundo e que sem elas a sociedade não seria a mesma.

50 anos do fim de The Beatles
Capa do álbum Abbey Road, o último da banda. | Foto: Exame.

Em uma Inglaterra cinzenta que os Beatles surgiram e mudaram o rumo da música. Influenciados pelos grandes nomes do rock, como Elvis Presley, a banda adotou o estilo musical.

Nos anos 50, o Rock N’ Roll não era bem visto, porém, com o tempo, isso foi mudando, principalmente com o sucesso dos Beatles. A banda também ficou famosa por suas composições. Com letras simples junto com arranjos musicais inovadores, os rapazes de Liverpool conquistaram multidões.

the beatles
Beatles tocando em uma apresentação. | Foto: Canal dos Beatles.

Com a moda foi a mesma coisa, houve grande influência dos Beatles. Durante os anos em que a banda estava na ativa, inúmeras tendências foram disseminas. A começar com a jaqueta de couro, depois foi o terno preto com gravata, o terno cinza, as cores vibrantes e, por último, um estilo mais independente que transmita a ideia de que não era necessário seguir os padrões, como foi retratado Abbey Road, seu último álbum.

beatles 50 anos
Beatles. | Foto: G1.

Ao longo da carreira, os Beatles produziram seis filmes, sendo três deles obras que deram um maior impacto na indústria cinematográfica. A Hard Day’s Night (1964), Help! (1965) e Yellow Submarine (1968) mudaram o cinema.

Foi com eles que os videoclipes vieram à tona, que novas técnicas de gravação surgiram e que as animações com uma arte mais fantasiosa tiveram destaque.

filmes do beatles
Três dos seis filmes dos Beatles. | Foto: Eduarda Knack.

“Trabalho revolucionário”, como descreveu John Lasseter, diretor de Toy Story, ao falar da obra Yellow Submarine.

Beatles com cartazes. | Foto: Ultimate Classic Rock.

Os anos 60 foram marcados por uma onda de protestos e por músicas que falavam sobre a situação da época. Os Beatles não ficaram por fora e escreveram diversas composições a respeito. Entre elas temos Blackbird que protesta contra os conflitos raciais que ocorriam na época e All we need is love que dá uma indireta pelo o fim da guerra do Vietnã.

músicas the beatles
Fãs dos Beatles com um cartaz que diz: “Nós amamos Beatles”. | Foto: Pinterest.

Ao analisarmos todos os pontos, temos uma noção do quão influente os Beatles foram para o mundo. Muitos costumes foram criados por influência deles, deixando clara a importância da banda para a construção da sociedade.

A banda ainda ecoa por gerações, servindo de inspiração para a criação de novos filmes, livros, jogos e outros. Eles também alimentaram a indústria do turismo, acrescentando ainda mais elementos culturais na sociedade.

Ainda com dúvida do poder de influência dos Beatles? Já pararam para imaginar como seria o mundo sem eles? Aqui vai uma ótima sugestão de filme que dá uma ideia de como seria: Yesterday (2019).

O filme conta a história de um jovem chamado Jack Malik, que é fã dos Beatles, e tem um carreira musical sem sucesso. Ele se encontra nessa situação até que um dia ocorreu um apagão que atingiu o mundo inteiro e tudo mudou.

Nesse mundo paralelo, os Beatles nunca existiram e coisas que surgiram por conta deles também, como a banda Oasis. Entretanto, Jack é o único que ainda se lembra da banda e de suas músicas, logo, se aproveita da situação para fazer sucesso. Vale muito a pena assistir! Não perca tempo!

Tudo que banda fez repercute até os dias de hoje, e sem ela, nada seria o mesmo. Obrigada, Beatles por terem existido!

__________________________________
Por Eduarda Knack – Fala! UFRJ

Tags mais acessadas