Menu & Busca
5º Temporada de Arrested Development: Esta Série Precisa acabar

5º Temporada de Arrested Development: Esta Série Precisa acabar


Na boa, Arrested Development precisa acabar. A lamentável quinta temporada, que teve sua segunda parte lançada pela Netflix na última semana, é francamente ruim. A sitcom, outrora reverenciada, já não tem mais nada a dizer, e está cada vez mais obsoleta quando comparada com outras comédias de meia hora da TV americana.

Ah, você nem ficou sabendo que a série tinha voltado? É porque a Netflix nem promoveu direito o lançamento da segunda metade da última temporada, em parte devido às alegações de assédio contra uma das estrelas da série, Jeffrey Tambor, mas a gigante de streaming provavelmente percebeu o que os telespectadores e críticos estão percebendo agora – Arrested Development tornou-se uma série sem propósito definido, de risadas cada vez menores e mais afastadas.

Jeffrey Tambor, intérprete de George Bluth, acusado de assédio.

Seria difícil imaginar esse cenário alguns anos atrás, quando a Netflix anunciou que trariam de volta o show. A liberdade criativa prometida pela plataforma era um sonho se tornando realidade para o criador, Mitchell Hurwitz, e sua imaginativa equipe de produção e elenco. Entretanto, nos anos após o cancelamento da série original, o elenco original se tornou exponencialmente mais popular, e unir todos eles para um filme ou uma temporada ficou quase impossível. Esse problema de logística resultou na polarizada quarta temporada, em que cada episódio se concentra muito em apenas um personagem, com a narrativa completa da temporada se unindo como um quebra cabeça não-linear. Alguns fãs e críticos acharam que o formato foi uma grande inovação, enquanto vários outros acharam tudo diferente demais da ideia original – e bem, meio sem graça.

Foram mais cinco anos até a estreia da primeira parte da quinta temporada de Arrested Development, que retornou o show ao seu formato original, com os personagens interagindo muito mais. Mas a série claramente se perdeu um pouco no passar dos anos, e a segunda metade da quinta temporada vai ladeira abaixo. Entre problemas de agenda de elenco, acusações de assédio e esgotamento da criatividade dos autores, fica aqui um apelo à Netflix: em nome do amor que temos pelas primeiras temporadas, por favor, acabe com Arrested Development.


Quer se tornar um colaborar e escrever para o fala?
Saiba como

0 Comentários

Tags mais acessadas