'365 Dni': Conheça o segredo sombrio por trás do filme polonês
Menu & Busca
‘365 Dni’: Conheça o segredo sombrio por trás do filme polonês

‘365 Dni’: Conheça o segredo sombrio por trás do filme polonês

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > ‘365 Dni’: Conheça o segredo sombrio por trás do filme polonês

Apesar de 365 Dni ser um sucesso dentro e fora da Netflix, muitos não conhecem a inspiração sombria por trás de sua trama. Sendo assim, conheça a triste história que foi pano de fundo da produção polonesa.

365 Dni segredo
Conheça o segredo sombrio por trás de 365 Dni. | Foto: Montagem/Reprodução.

365 Dni: o segredo sombrio por trás da trama

O filme erótico polonês foi inspirado nos livros da autora Blanka Lipińska. No entanto, seus escritos não partiram de uma inspiração romântica. Na verdade, foi praticamente o oposto.

Dessa forma, um dos grandes segredos por trás da produção está em sua criação. Diante disso, o pano de fundo da trama foram os sequestros na Itália, por volta da década de 1970. Na época, infelizmente, foi um fenômeno no país e, em três décadas, mais de 700 sequestros ocorreram.

O sequestro é o ponto de partida de 365 Dni. Assim, o mafioso Massimo Torricelli (Michele Morrone) rapta Laura Biel (Anna-Maria Sieklucka). Com isso, o italiano dá 365 dias para que a jovem se apaixone por ele. Por consequência, Laura se apaixona por seu sequestrador e vive na pele a Síndrome de Estocolmo.

Ademais, Massimo faz parte da máfia Cosa Nostra, da Sicília, a qual era uma das responsáveis pelos sequestros no país da Europa. Além dela, a organização Famiglia Montalbano era outra que ganhava destaque nas atrocidades.

Apesar de a tragédia ser uma marca do século passado, outros casos foram registrados ao longo dos anos 2000. Dentre os casos mais notórios, há o de Carlo Celadon, que ficou em um cativeiro por 831 dias, em 1988. Além disso, o quadro de Cristina Mazzotti também ganhou ampla repercussão. A jovem, que tinha apenas 19 anos, foi drogada até sua morte – e os assaltantes ministraram as drogas enquanto negociavam com sua família.

Portanto, fica nítido que a história de Lipińska não ocorre em um lugar qualquer, ou por acaso. Sendo assim, apresenta-se na Itália para, também, abordar os sequestros. Para além disso, talvez, na sequência do sucesso, a questão da máfia venha com mais força, já que Massimo disputará o amor da jovem com outro mafioso.

_____________________________________
Por Isabela Cagliari – Redação Fala!

Tags mais acessadas