Veja 5 dicas para quem quer dividir um apartamento
Menu & Busca
Veja 5 dicas para quem quer dividir um apartamento

Veja 5 dicas para quem quer dividir um apartamento

Home > Notícias > Urbano > Veja 5 dicas para quem quer dividir um apartamento

Diante de preços de aluguéis altos, gasto com alimentação, condomínio, luz, água, gás e IPTU, dividir um apartamento está se tornando cada vez mais comum – principalmente entre os jovens que buscam sair da casa dos pais e que ainda estão se inserindo no mercado de trabalho – e como consequência da pandemia do novo coronavírus, na qual 30% dos brasileiros optaram por uma moradia compartilhada, segundo O Globo

No entanto, compartilhar um imóvel com outras pessoas pode não ser tão simples assim. A tomada dessa decisão exige uma pesquisa das vantagens e desvantagens e do custo-benefício que compartilhar um imóvel irá proporcionar. Pensando nisso, trouxemos 5 dicas cruciais para quem pensa em dividir um apartamento sem estresse

dividir apartamento
Dividir um apartamento é muito comum entre pessoas mais jovens. | Foto: Freepik.

Dicas para quem quer dividir um apartamento

1. Escolha com cuidado as pessoas que você vai dividir o apartamento 

Essa é uma regra de ouro que pode te trazer inúmeras vantagens. Conheça, ao menos um pouco, as pessoas que você vai dividir o apartamento. É essencial que essa pessoa seja de confiança e que possua hábitos parecidos com os seus para que haja uma convivência mais harmoniosa. Isto é, se você é uma pessoa organizada, busque morar com alguém que também seja, caso contrário, terá problemas. 

Vale ressaltar que, hoje, você não precisa, necessariamente, dividir um imóvel com amigos. Muitas pessoas preferem não misturar amizades com responsabilidades e finanças. Assim sendo, há sites e aplicativos que te ajudam nessa hora! 

Um bom exemplo é o site Moove In, que usa informações de curtidas no Facebook e respostas de um questionário on-line para traçar perfis e sugerir pes­soas com características em comum para morar juntas. 

2. Crie regras 

Uma dica essencial que pode trazer muitas desvantagens caso não seja seguida. A criação de regras para dividir um apartamento é essencial. Principalmente quando essas regras são em relação à faxina do local. Combine antes com os outros moradores quem fará e em quais dias cada um ficará responsável pela faxina. Assim, você evitará muitos conflitos. 

Com a boa vontade de todos, é possível manter tudo arrumado e limpo sem exigir demais de cada um. Uma outra alternativa seria contratar uma faxineira, já que muitas vezes não há muito tempo para a limpeza. Desde que todos concordem, é uma boa opção.

O mesmo vale para regras de quem irá ficar responsável por pagar as contas, colocar o lixo fora, lavar a louça, dentre outros aspectos de organização da casa. Regras para sons e ruídos também são essenciais. Estipular um horário limite para ouvir música alta ou fazer sons altos, deixa de gerar muitos conflitos.

3. Valorize a privacidade 

A privacidade de cada um deve ser respeitada, principalmente no momento de descanso. Se você for uma pessoa que gosta da sua própria privacidade, procure apartamentos com mais de 2 quartos. 

Atente-se também às regras com excesso de visitas e quem poderá visitar o apartamento esporadicamente. Afinal, cada um tem seu próprio círculo de amigos e pode ser desagradável para os outros moradores compartilhar os espaços com pessoas completamente desconhecidas. 

É importante, também, que se comunique quando for receber uma visita, para que todos da casa se preparem. 

4. Divisão das despesas

Essa é uma vantagem muito grande ao dividir um apartamento. Quando se mora sozinho, além dos custos de moradia, você deve comprar toda a mobília do apartamento. 

Já quando você divide um apartamento, as despesas e essas mobílias serão divididas por todos da casa.  Logo, dá para administrar melhor a sua renda e os gastos mensais sem passar sufoco e sobrar uma renda extra. 

No entanto, fique atento aos dias e ao pagamento dos seus gastos mensais. Caso contrário, isso pode gerar confusão no convívio. Busque morar também com pessoas que sejam organizadas e paguem em dia seus gastos, para que você não tenha dívidas e arque com todas as despesas sozinho. 

5. Coloque o coletivo acima do individual 

Essa é uma desvantagem de quem decide dividir um apartamento. No entanto, se essa será sua escolha, é preciso aprender a colocar o pensamento coletivo acima do pensamento individual. Por todos pagarem aluguel, as decisões que impactam a vida em conjunto precisam ser debatidas e aceitas pela maioria, não apenas por uma pessoa. E isso valerá tanto para questões tidas como banais quanto importantes. 

Por isso, quando vocês forem escolher a decoração do imóvel, a compra dos móveis e eletrodomésticos, a aquisição de serviços de TV a cabo ou internet, compra de produtos de limpeza, se o consumo de energia, água ou gás está alto, se haverá instalação de aparelhos como ar-condicionado, se o imóvel precisa de reparos, dentre outras decisões. Essas, devem ser tomadas em grupo e decididas por um voto de maioria. E, obviamente, isso pode gerar bastante estresse caso você não more com pessoas que pensem igual a você, como indicamos na primeira dica. 

Dividir um apartamento com outras pessoas tem suas vantagens e desvantagens. Mas aposto que, com essas 5 dicas, ficou mais fácil de tomar essa decisão, não é mesmo?

____________________________
Por Maria Júlia Melo – Fala! Uerj

Tags mais acessadas