'The Haunting of Bly Manor': Veja tudo sobre o primeiro episódio
Menu & Busca
‘The Haunting of Bly Manor’: Veja tudo sobre o primeiro episódio

‘The Haunting of Bly Manor’: Veja tudo sobre o primeiro episódio

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > ‘The Haunting of Bly Manor’: Veja tudo sobre o primeiro episódio

A série recém-lançada da Netflix, The Haunting of Bly Manor, com pouco tempo de estreia, já está ganhando o coração do público com todo seu suspense.

The Haunting of Bly Manor
The Haunting of Bly Manor. | Foto: Reprodução.

The Haunting of Bly Manor: Primeiro episódio

Tudo se inicia de forma bem diferente, em uma festa de noivado, numa roda de amigos se começa um debate sobre uma possível aparição de fantasmas ou não no castelo em que estavam comemorando. Até que uma bela senhora decide contar uma história que conhece, logo atraindo atenção de todos.

Uma professora chamada Dani Clayton, decide sair dos Estados Unidos e ir até Londres atrás de uma oportunidade, ser tutora dos sobrinhos de Lorde Henry Wingrave. Aparentemente, tudo parecia normal, apesar de uma presença ruim acompanhar constantemente a Srta. Clayton, ela estava muito empenhada em conseguir o emprego e o suspense que ele supostamente carregava, já que no verão passado, a última a conseguir o trabalho morreu. Em uma conversa mais franca com Lorde Henry, ela acaba conseguindo o tão esperado “sim”, ela só não esperava o que estava por vir, ou o que deveriam esperar dela.

Ao chegar na mansão Bly, é recebida calorosamente por Flora, uma menina doce e esplêndida, onde apresenta Miles, seu irmão, Owen, o cozinheiro, Sra. Grose, a governanta, e Jamie, a jardineira. O lugar é realmente encantador, não traz nenhuma sensação diferente e, apesar da tamanha felicidade da Srta. Clayton com a nova moradia, uma presença diferente continua a segui-la por todos os lados.

Na sua primeira noite na mansão, uma presilha de borboleta acaba causando tensão entre Flora e a Srta. Clayton, assim como uma boneca fora do lugar, por mais que a professora tentasse entender como as crianças lidavam com acontecimentos passados, era ainda uma grande dificuldade, ainda mais quando é avisada por Flora para não sair de seu quarto por nada.

A curiosidade acaba falando mais alto e, de madrugada, Srta. Clayton acaba indo à cozinha para tomar um chá e Flora, de alguma forma acaba descobrindo na manhã seguinte e avisa que a senhora do lago não poderia vê-la. Até que ao voltarem para casa, ela avista alguém de longe que em segundos some de sua visão, ao questionar a Sra. Grose, Owen e Jamie, eles a garantem que possa ter sido apenas coisa de sua cabeça, mas a Srta. Clayton, novamente, não se contenta e decide ir até o mesmo local, onde encontra um dos bonecos de Flora.

Na capela da mansão, ao se deparar com Sra. Grose, a governanta começa voluntariamente a contar mais a fundo, sobre a morte dos pais das crianças e sobre o suicídio de Rebecca, ou melhor, Srta. Jessel, que havia sido a última tutora das crianças, para a Srta. Clayton, que a escuta atentamente. Após isso, a Sra. Grose explica, em meio à conversa, que Flora usa dos pequenos bonecos como um tipo de talismã e faz para cada um que ela quer manter seguro.

Na mesma noite, quando Srta. Clayton está colocando as crianças para dormir, Miles pede para que ela pegue um ventilador no closet de Flora, o que ela não esperava era que iria ser presa lá dentro por eles e o que era pra ser uma simples brincadeira, se torna ainda mais desesperador. Após um longo silêncio, a porta se abre, as crianças vão para as camas, mas pegadas de lama pela casa, deixam um ar de suspense ainda maior e que tira o sono da Srta. Clayton e a faz perceber que ainda há um longo caminho à frente.

__________________________________
Por Renata Ariel Silva Cruz – Fala! Anhembi

Tags mais acessadas