Arquivos de poema - Fala! Universidades
Menu & Busca
Tag

poema

Notícias sobre poema


Home > poema

poema
05/11/2020

Poema – Um conto de interesse: (osore) que forma o medo assume

Eu sou uma mulher muito assustadaEu tenho medo das folhas duras que esmagam o chão, medo dos simples insetos que consertam a terra, medo do conformismo bucólico, medo de mulheres bonitas, medo de cair, medo de estar quebrada Eu sou uma mulher muito assustadae ainda ouço sussurros ao redorde pessoas que parecem confiar na minha artificialidadeSou insegura, me sinto sozinhaEu sou uma mulher muito assustadaOlhos arregalados, ossos espalhados Eu sou meu próprio desenlaceMentalmente sou viciada em histórias docesSonhos efêmeros concluídos pela busca de palavrasEu sou uma mulher muito assustadaSerendipidade de medos.

Leia Mais
sensacionalista
30/10/2020

Poema – Sensacionalista

Confesso em liberdade; minha ilha colonizada Meu mundo sem descanso, desemaranhado, desvendadoDefinido por um passado pesadoEu em minhas palavras, ficcional, um mito, uma paisagem virtual A existência na minha experiência é coragem sem razão, fé sem promessas Ao vivo da TV do meu coração, o silêncio estremece no topo das montanhasMeus portões estão abertos e uma garotinha corre para fugir do meu ninho de consciência repugnanteCompartilhar demais é errado, mas não compartilhar é suspeitoAo vivo da TV do meu coraçãoEu sou um sensacionalistaLiberte minha ilha desconhecida e colonizada Assistindo a um riscoEu explico para meus espectadoresQuando a morte vier pelas próprias mãosVocê tem que concordar para discordar do seu coraçãoConfessar que talvez você não conhecesse o amorPara libertar que talvez você não tenha tentado o seu melhorPara finalmente dizer que você desistiu Suicídio é incrivelmente dolorosoVocê pode desaparecer do nosso mundo já fantasmagóricomas não há outra presença que nos incomode do que a memória da morte Ao vivo da TV do meu coraçãoDragões voam onde os anjos se ergueramEsperando desesperadamente pelos guardas do meu coraçãoEu vi um homem cruzar meus portõesEle gritou “eu te amo”E eu encolhiEle me provoca com amor e graça, diz que sou divina, sou amor, sou ódioOs sapatos dele estão na frente da minha almaEle anda dentro do meu pequeno coração grandeEle segura minhas mãos escorregadias e suadas, encharcadas de insegurançasEle diz “confie”e passou pela minha cabeçaTalvez isso não seja o suficiente para me mudar Conte-me uma história de dormire vou rastejar com o resto do meu corpoPara as flores incomunsPara o telhado do meu mundoVou dormir com coragemNo topo de uma misericórdia, sua morte desconhecidaMe veja sonharEm um vazio desesperador de sobrevivência Poema –

Leia Mais
nada
29/10/2020

Poema: Nada

Nada além de um fumante de flores Abri minha boca apenas para encontrar aranhas que rastejam pelas paredes de escuta. Pareço uma porta de armário, você abre para encontrar beleza e conforto só para descobrir:

Leia Mais
luta feminista
03/09/2020

Poema: Até parece

Até parece!Olha pra ela! Ninguém diz que tem valorNão tem respeito? Não tem pudor?Não preza pela eterna castidade?Messalina, não sabe viver de verdade!

Leia Mais
amor
24/08/2020

Poema: Um e Meio Belo Par

Quando o vento soprar e a neblina abaixar meu coração será liberto  quando o rio descer e a fluente nascermeu corpo estará atento  quando o mar acalmare o furacão passarminha alma encontrará descanso  e os trêsjuntinhos mesmoformarão um e meio belo par  quando meu coração se libertar e o meu corpo se atentar e minha alma descansarsó então, conseguirei te amar.

Leia Mais
Saudade
25/06/2020

Poema – Operação saudade

Câmbio.Pois bem…Me escondi.Quero queMe ache,Me conheça,Me desvende.Positivo,Não é um treino.Meu coração nãoAguentaria fazer issoDe brincadeira.Entendido,Contarei algumasCoisas por protocoloOperacional, mas‎Você nunca saberáo que pensei naquela noite.Não, não terãoPerdas nesta missão.Repito, não terãoPerdas nesta missão.Te acalma,não sou umiludidoe lunático.Sou conscientedas minhasidealizações.Não sou loucopor completo,Tenho até unsParafusos a mais;A menospara o amor.Ainda na escuta?Preciso dizer queando sem tempo para lera tradução das músicas‎que me manda.Qual o objetivoDessa busca?Quero ter,por você,paixão.E, se isso algumdia acabar,que apaz nãolargue estesentimento.Positivo.Perderá algumasCondecoraçõesPor ter se humilhadoTanto, contudo,Facilitarei a busca.DareiUma dica, então,Sobre você:De perto sinto ímpeto,De longe eu sinto saudade.Câmbio,‎desligo.

Leia Mais
histórias de amor
24/06/2020

Poema – Eu ainda amo você

Eu sabia que ia doerNo momento em que eu passei do seu lado e fingi não te conhecer,eu comecei a entender o significado da palavra sobreviver.Ainda é difícil para mim compreender todo o mal que me causou e que causei a você.Tento colocar na minha cabeça a ideia de que temos uma vida toda pela frentecom várias e várias oportunidades de conhecer mais e mais gente.Mas se o seu peito estiver vazio por culpa de uma conturbada mente Eu saberei que você é incapaz de conseguir esquecerEu ainda amo você.

Leia Mais
amor
22/06/2020

Poema – Allow

I’m sorry to say but I’m so in loveIt can go away tomorrow, today…Or grow like a flower and stay I just didn’t know how to tell you thisWhen we both agreed to give only one kissBut what can I do if your birthmarks makes me wish be with you every birthday?

Leia Mais
Poema
16/06/2020

Poema – Tantos outros

Tantos outros olhares por aíTantos bares aqui e aliTodos os sete maresPara procurarTantos outros jeitosPerfumes, cores e trejeitosTantos outros encantosPara se encantarE, ainda assim, nos meus olhosQue nem têm mais brilhoVocê insistiuEm se aventurar…Penso e repensoE tento e procuro tantoEnquanto deixo esse ventoMe levar no arTambém me aventuroE atravesso murosAtravesso os sete maresEncontro perfumes e olharesQue eu nunca viAndo e tropeçoAperto o passo e meçoToda a distânciaAté te reencontrar…

Leia Mais
Tags mais acessadas