Quais os pontos turísticos mais lindos da Argentina?
Menu & Busca
Quais os pontos turísticos mais lindos da Argentina?

Quais os pontos turísticos mais lindos da Argentina?

Home > Lifestyle > Viagens > Quais os pontos turísticos mais lindos da Argentina?

Sabemos que o ano de 2020 não está sendo nada fácil devido ao avanço do Covid-19 pelo planeta, impactando diversos setores da economia global, nesse caso, especificamente o turismo. Na Argentina, em 2019, foram mais de 3 milhões de turistas estrangeiros visitando tal país sul-americano, de acordo com dados do Portal Infotur Chubut. O território argentino, sendo uma vasta área que abriga a Cordilheira dos Andes, Lagos Glaciais e as grandes Pradarias dos Pampas, possui centenas de pontos turísticos que trazem giro de capital pela acintosa movimentação de pessoas.

O Governo da Argentina previa uma meta de ultrapassar a marca de 6,5 milhões de pessoas no ano de 2020, contudo, não esperava que uma pandemia pudesse atrapalhar esses objetivos. Vale aqui destacar que, quando o caos mundial em decorrência do coronavírus passar, nosso país vizinho estará de portas abertas com demasiadas localidades belas para se explorar.

Pontos turísticos mais lindos para visitar na Argentina

Começando pela capital Buenos Aires, cidade cosmopolita de belas arquiteturas e estruturas, há o ponto turístico da Plaza de Mayo, local mais visitado naquela cidade, abrigando belíssimos palácios administrativos, em especial La Casa Rosada, onde fica a sede da presidência, além do Museo Del Bicentenário, em homenagem aos 200 anos da Revolução de Maio de 1810, em resposta aos domínio coloniais da Espanha na época. 

Plaza de Mayo
La Casa Rosada. | Foto: Reprodução Portal TurBuenosAires.

Outro lugar de extrema beleza na capital argentina é o Teatro Colón, principal casa de ópera do país, estando entre as mais renomadas do mundo. O prédio foi construído no século XIX e inaugurado em 1857, suas plateias contam com mais de 2,5 mil assentos; no entanto, atualmente, tem se visto uma queda abrupta do número de shows e espetáculos, crescendo um novo tipo de visita, a guiada, para que o público circule por todos os espaços da galeria e bastidores do teatro.

Teatro Colón
Teatro Colón. | Foto: Reprodução Teatro Colón.

Outro espaço maravilhoso de Buenos Aires é o Puerto Madero, o qual conta com um charme pela sua arquitetura mais racional e moderna, sendo o metro quadrado mais valorizado de toda a Argentina. Nele, está localizada a Puente de la Mujer, monumento muito fotografado, desenhado pelo arquiteto espanhol Santiago Calatrava (o mesmo do Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro), em meios de uma vasta Reserva Ecológica, Parque Mujeres Argentinas, restaurantes e a UCA (Universidade Católica Argentina). 

Puerto Madero
Puerto Madero. | Foto: Reprodução Internet.

O turismo argentino, para que seja completo, deve ser engajado não apenas na capital, mas em todo seu rico interior, seja nas montanhas, vales, praias, cataratas e outras obras espetaculares da natureza. Detalhando por essa respectiva ordem, Mendoza é uma cidade no noroeste argentino para quem ama neve e frio, estando praticamente ao lado da Cordilheira dos Andes, podendo passear pela Montanha Aconcágua, desfrutar dos melhores vinhos nacionais, além de bares, restaurantes e circuitos esportivos.

Mendoza
Mendoza. | Foto: Reprodução Internet.

Quanto aos vales, o parque Valle de la Luna, 330 km da cidade de San Juan, conta com fantásticas estruturas geológicas, como cânions, pedras, torres e penhascos. A apreciação dos cenários diante da Lua torna-se uma das visões mais belas de toda Argentina; o relevo é próprio de deserto, pela proximidade do Atacama chileno, contando com temperaturas extremas. 

Parque Valle de la Luna
Parque Valle de la Luna. | Foto: Reprodução Internet

As praias não são pontos fortes na Argentina, pelo fato da Corrente Marítima das Malvinas, ou Falckland, serem extremamente frias. Mas, na província de Buenos Aires, se destaca a cidade de Mar del Plata, que possui diversas obras e construções antigas, além de arranha-céus que se destacam pelo tamanho. Em geral, os turistas amam apreciar a paisagem e passear pelas porções de areia. 

Mar del Plata
Mar del Plata. | Foto: Javier W.

As cataratas não são novidades para os brasileiros, todavia, na mesma região de Foz do Iguaçu, que faz fronteira com o Paraguai (Ciudad Del Leste), também há a divisa com a Argentina, na chamada de cidade Puerto Iguazú. O lado dos “hermanos” apresenta novos olhares e ângulos das paisagens, além de ter uma boa estrutura logística.

cidade Puerto Iguazú
Cidade Puerto Iguazú. | Foto: Betuca Beril.

Para encerrar, nada como uma raridade que poucos conhecem. A cidade de Salta, a qual se situa a mais de mil metros de altitude no Noroeste Argentino, é um típico espaço colonial, com demasiadas áreas verdes, ruas estreitas e casas antigas, sendo conhecida como “la linda”, contando com três museus enriquecedores para a história e cultura local. O que realmente se destaca é a proximidade do município ao ponto turístico do Salar de Arizaro, na excêntrica figura do Cone de Arita, classificado como o mais perfeito do planeta Terra.

Salta cidade
Salta. | Foto: Takao Takayama.

Os mais de 2,7 milhões de km² do território argentino são simplesmente singulares, admiráveis e impressionantes, comprovando o porquê da Argentina ser um dos espaços mais visitados e requisitados entre os brasileiros. Agora nos resta torcer para o controle da propagação do Covid-19 no mundo, se planejar financeiramente e ir visitar esse belo país tão próximo do nosso.

_______________________________________
Por Luiz Henrique Marcolino Cisterna – Fala! Anhembi

Tags mais acessadas