Por que a energia elétrica de usinas termoelétricas é mais cara?
Menu & Busca
Por que a energia elétrica de usinas termoelétricas é mais cara?

Por que a energia elétrica de usinas termoelétricas é mais cara?

Home > Notícias > Urbano > Por que a energia elétrica de usinas termoelétricas é mais cara?

A conta de luz está cada vez mais cara no Brasil, mas o que muita gente não sabe é que esse aumento está relacionado ao acionamento das usinas para a produção de energia termoelétrica. O custo de geração de energia termoelétrica é maior, com isso, os preços da conta de luz sobem. Mas você sabe o que é energia termoelétrica, como ocorre a transformação e quando ela é ativada? Entenda esses pontos e muitos outros sobre o assunto!

energia termoelétrica
Entenda o porquê da energia termoelétrica ser mais cara. | Foto: Unsplash.

O que é energia termoelétrica

A energia termoelétrica corresponde a qualquer energia elétrica produzida a partir da geração de calor resultante da queima de combustíveis fósseis. O combustível queimado pode ser sólido, líquido ou gasoso, e os mais usados para a obtenção de energia termoelétrica são o carvão mineral, o óleo combustível, o óleo diesel, o petróleo e o gás natural. Também podem ser utilizados bagaço, madeira ou urânio enriquecido, no caso de usina nuclear.

Hoje a energia gerada pelas usinas hidrelétricas é o principal tipo de energia no mundo atualmente, correspondendo a 70% da energia mundial. Por conta da abundância de rios, a energia hidrelétrica é o tipo mais comum no Brasil. Em 2019, a energia termoelétrica no país correspondeu a apenas 24% da geração de energia elétrica total, já que o uso desse tipo de energia é feito de maneira estratégica no Brasil, como veremos ao longo do texto.

Transformação da energia termoelétrica

Esse tipo de energia é produzido em usinas termoelétricas, também chamadas de usinas térmicas. Essas usinas podem ser construídas em qualquer lugar, inclusive próximas de centros urbanos. Embora os processos de energia sejam praticamente os mesmos, a usina é chamada de acordo com o combustível usado. Assim, temos usina a óleo, usina a carvão, usina nuclear, entre outras.

Dentro das usinas é onde o processo de transformação da energia acontece. A queima do combustível gera um aquecimento da água que está armazenada no reservatório. Em casos de usinas nucleares, o calor resultante das reações nucleares é que aquece a água. Essa água, com o aquecimento, produz vapor que, em alta pressão, é direcionado para as turbinas do gerador. Esse vapor move as pás da turbina do gerador. A potência mecânica do movimento da pá é transformada em potência elétrica, e há produção de energia elétrica.

A energia gerada é transmitida até os transformadores de potência através de cabos, e a tensão será levada aos níveis ideais para utilização da energia. Por fim, a energia é transportada por linhas transmissões até as subestações rebaixadoras chamadas SE e após transformada em níveis de tensões operacionais são entregues para o consumidor final. Depois desse processo, o vapor é conduzido para um condensador e é resfriado, para ser reutilizado em um novo ciclo.

Quando a termoelétrica é acionada no Brasil?

O Brasil possui várias usinas termoelétricas espalhadas por todo o país. Quando todas estão em funcionamento, pode-se atingir cerca de 45 mil megawatts (MW) de energia produzida. Entre as principais, estão a Termoelétrica Norte Fluminense, em Macaé, que produz 740 MW, e a Termoelétrica de Uruguaiana, que produz 480 MW. As principais matérias utilizadas para a combustão nas usinas brasileiras são o gás natural e a biomassa.

Como dissemos, no Brasil, a energia termoelétrica é utilizada de maneira estratégica e em casos específicos. Seu uso está ligado principalmente ao abastecimento de indústrias e à diminuição dos níveis de água. Devido à crise hídrica dos últimos anos e à queda do nível dos reservatórios de hidrelétricas, principais fontes de energia do país, a oferta de energia é compensada pelas usinas termoelétricas.

Por que a conta de luz aumenta?

Em momentos de crise hídrica, as usinas termoelétricas são acionadas, e é notável o aumento da conta de luz. Isso porque o custo de geração de energia e o custo de construção da usina é mais alto, repassando o aumento do preço médio de energia para o consumidor. Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o acionamento inesperado de usinas termoelétricas para garantir o fornecimento de energia em 2021 vai custar R$9 bilhões aos consumidores.

De acordo com especialistas, o período de seca será longo. Juntando fatores como o desmatamento da Amazônia, o aquecimento global, entre outras mudanças climáticas, é de se esperar que a cada ano o regime de chuvas seja menor. Assim, a expectativa é de que os níveis dos reservatórios das hidrelétricas continuem baixos, o que faz com que as usinas termoelétricas continuem acionadas.

Com o alto custo da energia elétrica, é fundamental que o sistema elétrico de fábricas, indústrias, supermercados, lojas, shoppings, escolas e residências esteja com a manutenção em dia, evitando gastos desnecessários e perda de energia. A INSP – THERM é uma empresa que oferece serviços técnicos especializados de engenharia elétrica e eletrotécnica, e pode te ajudar a evitar o desperdício de energia e de dinheiro.

Vantagens e desvantagens da energia termoelétrica

Esse tipo de energia possui diversas vantagens e desvantagens. Confira:

Vantagens

  • As usinas ocupam uma área pequena;
  • Elas são mais rápidas para construir;
  • Podem atender demandas emergenciais a curto e médio prazo;
  • Elas têm quase o dobro de produtividade das usinas hidrelétricas;
  • Elas podem ser edificadas praticamente em qualquer lugar;
  • Podem ser instaladas em locais próximos dos consumidores, reduzindo o custo de transmissão;
  • O carvão mineral utilizado nas termoelétricas é fonte abundante de energia e é mais barato;
  • Subprodutos como palha de arroz, bagaços, resíduos de lixões e de aterros sanitários podem ser usados na combustão;
  • A energia pode ser a solução para países sem outros tipos de fonte de energia.

Desvantagens

  • As usinas termoelétricas possuem alto custo de construção e de manutenção;
  • A maioria das fontes de energia usadas na combustão, de origem fóssil, não é renovável;
  • Há a possibilidade de esgotamento dessas fontes a médio e longo prazo;
  • Os combustíveis fósseis têm custo elevado;
  • A queima desses combustíveis libera muitos poluentes na atmosfera, como o dióxido de carbono;
  • Há agravamento do aquecimento global por meio do efeito estufa;
  • Os poluentes liberados na combustão podem ocasionar chuvas ácidas, alterando o solo, a água e corroendo estruturas;
  • Há elevado consumo de água durante todo o processo;
  • Como é uma energia amplamente utilizada no mundo, agrava de maneira geral os problemas ambientais e a falta de recursos naturais;
  • O custo final da energia termoelétrica é mais elevado do que o custo da energia hidrelétrica, assim como o custo da conta de luz.

________________________________
Por Clarisse Claro – Fala! UFSC

Tags mais acessadas