quinta-feira, 20 junho, 24
HomeFilmesPânico 6 já lidera bilheteria nacional e ultrapassa Homem Formiga

Pânico 6 já lidera bilheteria nacional e ultrapassa Homem Formiga

As expectativas para o lançamento do sexto filme da franquia Pânico foram altas e superaram Homem Formiga 3, filme do tão aclamado universo Marvel, ficando em primeiro lugar na lista de filmes com maior número de bilheteria na primeira semana de lançamento.

Segundo o portal ComScore, além de Homem Formiga 3, este ano o longa de terror tirou da reta filmes como Quantumania, Creed 3 e Vespa. Mais que isso, o filme deixa para trás o último da franquia: Pânico 5, com o dobro de ingressos vendidos.

Quer saber quanto Pânico 6 lucrou com seu lançamento e quais as impressões da equipe do Fala? Continue lendo!

Sucesso de bilheteria

A franquia Pânico por si só se consagrou como ícone da cultura pop e é visto pela crítica como o filme que afirmou os moldes do gênero de terror Slasher: um vilão de rosto desconhecido saí por aí matando quem cruzar o seu caminho, em sua maioria jovens e entre eles uma final girl, mocinha na trama.

Além do assassino Ghostface e da história bem desenvolvida, a pitada de humor e ironia que os filmes carregam fez com que a coletânea virasse queridinha entre os cinéfilos do horror. O último Pânico de 2015 vendeu bastante, mesmo após a morte do seu então diretor Wes Craven e sua substituição pelos irmãos Matt Bettinelli-Olpin e Tyler Gillett.

A continuação de 2023, Pânico 6, arrecadou R$ 19,3 milhões só na última sexta-feira, superando seu antecessor que chegou a 13 milhões de dólares em ingressos na sua estreia. O filme também promete desbancar o mais querido da franquia, Pânico 2, que arrecadou 32 milhões em 1997.

De certa forma, a boa recepção era de se esperar: além da fórmula já conhecida, os diretores tinham outra cartada na manga: Jenna Ortega (Tara), que agora é uma das mais novas estrelas do horror hollywoodiano, juntamente a Anya Taylor Joy e Mia Goth. 

E talvez por isso mesmo, a estrela de Wandinha e da grande streamer Netflix, que já estava presente em Pânico 5, conta com mais tempo de exibição na tela.

Podemos esperar a presença do filme em premiações futuras? Improvável, afinal o filme não conta com uma postura inovadora, ao que parece foi feito para ser apenas um blockbuster, que equilibra nostalgia com a adesão aos Gen Z.

Mesmo assim, a venda de ingressos com o filme promete ultrapassar o gasto com a trama, de cerca de US$ 35 milhões.

Trama de Pânico 6

O mais longo filme da franquia, Pânico 6, traz a continuação da história das irmãs Tara (Jenna Ortega) e Sam Carpenter (Melissa Barrera) e seus amigos Mindy e Chady, mais uma vez fugindo do Ghostface. 

Agora, o grupo tenta recomeçar sua história em outra cidade, longe de Woodsboro, onde tudo começou. No entanto, outro Ghostface teima em assumir o papel de assassino mascarado e persegui-los, dessa vez em Nova York.

O gancho curto e descomplicado trás diversas situações no meio do caminho, mas, agora, em uma versão mais violenta e visceral, mostrando tudo o que os outros filmes não mostram. Ainda sim o longa conta com bastante suspense e terror psicológico.

Novo longa da clássica franquia de terror acerta pelo uso da nostalgia, mas perde a mão em alguns momentos
Novo longa da clássica franquia de terror acerta pelo uso da nostalgia, mas perde a mão em alguns momentos. | Foto: Cena de Pânico 6.

ALERTA DE SPOILER

O filme aposta na nostalgia trazida pelo culto aos assassinos anteriores. Há, inclusive, um breve retorno de Kirby Reeds, interpretada por Hayden Panettiere, em uma discussão descontraída sobre filmes de terror para alimentar ainda mais a pegada trazida ao longo do filme, que conta com grandes referências como Sexta-feira 13 Parte 8 – Jason Ataca em Nova York.

O longa, dirigido por Matt Bettinelli-Olpin e Tyler Gillett, continua com aquela pitada de humor tão amada pelos fãs da franquia: reações toscas, clichês do gênero, sátiras e metalinguística. Mas “perde a mão” ao não fugir muito da sua zona de conforto, tratando-se do formato geral do filme.

A novidade fica pelo uso de armas diferentes, por trazer um slasher mais sangrento e visceral, uma maior preocupação pelos dramas internos dos personagens do núcleo principal e o destaque para temas atuais como fake news.

A continuação da última trama de 2015 não conta com a presença de Sydney Prescott como protagonista, esta que esteve em todos os outros filmes da franquia, protagonizada pela atriz Neve Campbell. Segundo a mesma, a decisão foi tomada devido a desentendimentos por parte dela e da produção, relativos a questões salariais. Mesmo assim, o longa cita Sidney como pode, não deixando o personagem para trás.

O núcleo de personagens continua com a veterana Courteney Cox, interpretando a memorável jornalista Gale Weathers.

Lista de sucessos de bilheteria de 2023

Abaixo, confira o top 10 sucessos de bilheteria da ComScore, entre os dias 2 e 5 de março deste ano:

1. Pânico 6 

  • Bilheteria Mundial: $67,1 milhões. 
  • Bilheteria 09 a 12 de março: R$8,45 milhões.
  • Bilheteria total Brasil: R$9,75 milhões.

2. Creed III 

  • Bilheteria Mundial: $179 milhões. 
  • Bilheteria 09 a 12 de março: R$4,06 milhões.
  • Bilheteria total Brasil: R$11,66 milhões.

3. Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania 

  • Bilheteria Mundial: $447,57 milhões.
  • Bilheteria 09 a 12 de março: R$ 3,14 milhões.
  • Bilheteria total Brasil: R$ 53,82 milhões.

4. 65 – Ameaça Pré-histórica 

  • Bilheteria Mundial: $20,8 milhões.
  • Bilheteria 09 a 12 de março: R$2,46 milhões.
  • Bilheteria total Brasil: R$ 2,47 milhões.

5. A Baleia 

  • Bilheteria Mundial: $36,64 milhões.
  • Bilheteria 09 a 12 de março: R$1,62 milhões.
  • Bilheteria total Brasil: R$6,56 milhões.

6. Gato de Botas 2: O Último Pedido 

  • Bilheteria Mundial: $461,52 milhões.
  • Bilheteria 09 a 12 de março: R$1,24 milhões.
  • Bilheteria total Brasil: R$92,09 milhões.

7. As Múmias e o Anel Perdido 

  • Bilheteria 09 a 12 de março: R$73 mil.
  • Bilheteria total Brasil: R$ 5,75 milhões.

8. Desaparecida 

  • Bilheteria Mundial: R$44,91 milhões.
  • Bilheteria 09 a 12 de março: R$240 mil.
  • Bilheteria total Brasil: R$1,63 milhões.

9. Avatar: O Caminho da Água 

  • Bilheteria Mundial: $2293,7.
  • Bilheteria 09 a 12 de março: R$234 mil.
  • Bilheteria total Brasil: R$240,67 mil.

10. Close 

  • Bilheteria Mundial: $4.8 milhões.
  • Bilheteria 09 a 12 de março: R$157 mil.
  • Bilheteria total Brasil: R$507 mil.

____________________________________
Por Loara Tomaz – Fala! Universidade Federal do Tocantins

ARTIGOS RECOMENDADOS