Oscar 2020: 5 motivos para Joaquin Phoenix ganhar como melhor ator
Menu & Busca
Oscar 2020: 5 motivos para Joaquin Phoenix ganhar como melhor ator

Oscar 2020: 5 motivos para Joaquin Phoenix ganhar como melhor ator

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > Oscar 2020: 5 motivos para Joaquin Phoenix ganhar como melhor ator

O Oscar 2020 acontece neste domingo (09), e as previsões para quem deve ganhar o prêmio de melhor ator continuam a todo vapor. Até a Academia postou (sem querer) os seus favoritos, e na opinião dela, o vencedor de melhor ator seria Joaquin Phoenix, o protagonista de Coringa.

joaquin phoenix oscar 2020
Oscar 2020: 5 razões pelas quais Joaquin Phoenix deve ganhar.

Joaquin disputa o prêmio de melhor ator com Adam Driver, de História de um Casamento, Antonio Bandeiras, de Dor e Glória, Leonardo DiCaprio, de Era Uma Vez em… Hollywood e Jonathan Pryce, de Dois Papas.

OSCAR 2020: ONDE ASSISTIR AOS FILMES INDICADOS

Confira abaixo 5 razões pelas quais Joaquin Phoenix deve ganhar o Oscar como melhor ator:

1º Ele finalmente merece um Oscar

joaquin phoenix
Joaquin Phoenix em O Mestre. | Foto: Reprodução.

Joaquin Phoenix é um dos artistas mais notáveis ​​de sua geração. Sua filmografia variada se estende por vários gêneros, recebendo elogios de colegas, cineastas e do público em geral.

Phoenix foi indicado ao Oscar três vezes antes de sua atuação em Coringa, ganhando atenção por suas performances em O Mestre (2012), Johnny & June (2005) e em Gladiador (2000). Ganhar o Oscar por Coringa finalmente seria um reconhecimento por seu trabalho.

2º Seria uma vitória para os quadrinhos

A divisão entre críticos, cineastas e fãs de filmes de quadrinhos nunca foi tão predominante. Se Phoenix ganhar o prêmio de melhor ator por Coringa, seria uma legitimação para o gênero daqui para frente. 

Ajudaria no legado já apresentado por outros filmes vencedores do Oscar, como Pantera Negra e Homem-Aranha: No Aranhaverso.

CORINGA É O FILME DE QUADRINHOS MAIS INDICADO AO OSCAR DE TODOS OS TEMPOS

3º Sua representação de uma doença mental foi surpreendentemente precisa

joaquin phoenix risada
Joaquin Phoenix representou uma pessoa com epilepsia gelástica. | Foto: Reprodução.

Um dos aspectos mais incríveis da atuação de Joaquin Phoenix em Coringa foi o profundo compromisso com o realismo, especialmente quando se tratava da doença mental de Arthur. 

A risada surpreendemente similar à de pessoas com epilepsia gelástica e os maneirismos foram muito precisos, deixando Arthur como uma vítima tragicamente crível e mal servida de seu próprio trauma e também do sistema. 

Pela primeira vez, foi possível ver a verdadeira tragédia por trás da maquiagem de palhaço e a transformação de uma pessoa totalmente desolada e doente, em um vilão.

4º Seu compromisso físico com o papel

joaquin phoenix muito magro
Joaquin Phoenix perdeu 18 quilos para interpretar Arthur. | Foto: Reprodução.

Não há como negar o quanto Joaquin Phoenix estava comprometido em se tornar o personagem de Arthur fisicamente. A quantidade de peso que ele perdeu (18 quilos) foi espantosa. 

Essa perda de peso levou a um corpo que era facilmente contorcido em ângulos que deixaram os espectadores de boca aberta. Só sua aparência merece algum tipo de reconhecimento.

5 – Seria uma vitória populista para o Oscar

Dizer que há uma divisão entre o público em geral, os críticos e os eleitores da Academia seria um eufemismo. De acordo com o site Screenrant, os eleitores parecem querer premiar um pacote misto de filmes, os críticos querem premiar filmes menos conhecidos e celebrados, e grande parte do público em geral quer filmes populares e convencionais nos prêmios.

Se Coringa vencesse em qualquer categoria – mas principalmente na atuação -, seria uma enorme vitória populista entre a Academia e o público em geral. Embora muitos críticos possam discordar da escolha por Joaquin Phoenix como melhor ator, grande parte da plateia a celebraria.

CONFIRA OS INDICADOS AO OSCAR 2020 EM TODAS AS CATEGORIAS E ONDE ASSISTI-LOS

Tags mais acessadas