Nokia é smartphone mais confiável que Samsung e Xiaomi? Confira Nokia é smartphone mais confiável que Samsung e Xiaomi? Confira
Menu & Busca
Nokia é smartphone mais confiável que Samsung e Xiaomi? Confira

Nokia é smartphone mais confiável que Samsung e Xiaomi? Confira

Home > Notícias > Nokia é smartphone mais confiável que Samsung e Xiaomi? Confira

Na compra de um novo smartphone, as marcas de sucesso como Apple, Samsung ou Xiaomi vêm em mente. Mas será mesmo que as marcas principais são as que garantem a segurança para seus usuários?

Um estudo realizado na empresa de pesquisa global, a qual foca em produtos de tecnologia, a Counterpoint Technology Market Research, revela que nenhuma dessas marcas citadas anteriormente, exceto a Apple que não participa da pesquisa, chega aos pontos de excelência conquistados pela Nokia.

Nokia
Nokia lidera pesquisas sobre confiança do produto smartphone. / Foto: Reprodução.

Nokia é smartphone mais confiável que Samsung e Xiaomi?

Talvez esse nome o faça lembrar dos antigos modelos da marca, o qual marcou uma geração com a tecnologia dos celulares pesados e com uma tela minúscula. Mas a empresa Nokia já tem se modernizado no mercado e tem adotado medidas de segurança, além da qualidade de seus produtos.

A pesquisa realizada pela empresa utiliza 4 “pilares”: qualidade de construção, software, dispositivos recomendados pela empresa e segurança. Assim, ganha a classificação de marca mais confiante pelo segundo ano consecutivo.

Mesmo com o ano conturbado de 2020 em que os trabalhos tiveram que ser adaptados, a necessidade do usuário da marca por segurança dos seus dados, da prevenção de ataques de phishing e até mesmo malwares são importantes. Dessa forma, o diretor da pesquisa, o Peter Richardson afirmou que “Os telefones Nokia estão no topo de nossa classificação de fornecimento do software e atualizações de segurança mais abrangentes e possuem a maior participação do potfólio recomendado para o uso empresarial.”.

Além disso, o diretor ainda concluiu que no universo dos Androids, exceto os variantes do Android Go, a preocupação com softwares e atualizações eficientes é realmente baixa ou quase não existente, algumas empresas costumam a focar mais no designer dos produtos ou qualquer outra maneira na diferenciação do mercado dos smartphones, mas os softwares utilizados não podem ser esquecidos. A empresa revela dados em que a Nokia se destaca na frente de empresas como Samsung, Xiaomi, Lenovo, LG e entre outras.

Diante disso, o fator do tempo é importante de ser considerado, pois a confiança do cliente na marca será maior se a duração do produto for garantida, diferentemente do que acontece na maior parte da realidade dos smartphones no que tange ao tempo obsoleto, ou seja, o momento em que o produto será substituído por outro. Dessa maneira, a importância da classificação de qualidade de construção “entra em ação” ao mostrar que a marca Nokia foi a mais resistente diante dos testes feitos pela empresa.

O pilar de qualidade de construção foi avaliado em vários critérios, incluindo robustez do produto, medição de força, queda e impacto, fadiga, desgaste e riscos, testes térmicos, testes de umidade e líquido e outros que incluiu observações qualitativas e quantitativas. Descobrimos que os telefones Nokia passam por testes mais difíceis do que a média do setor. Portanto, concluímos que, quando considerada juntamente com as atualizações de software e segurança mais rápidas, a forte qualidade de construção significa que os telefones Nokia durarão o teste do tempo, o que é cada vez mais importante em um momento em que os ciclos globais de substituição de dispositivos estão ficando mais longos, agora se aproximando dos 30 meses.

Afirmou o diretor associado, Tarun Pathak, segundo o site da empresa.

Outro fator destacavel é a questão das informações chegadas ao cliente, principalmente quando se trata das atualizações de segurança e softwares, pois quanto maior a comunicação da empresa para com o cliente, maior será a confiabilidade na marca.

Surpreendentemente, existem 10 principais fabricantes de smartphones que não têm nenhuma estratégia clara para informar aos clientes se seus dispositivos estão qualificados para atualizações de segurança e software. Acreditamos que esse problema se tornará cada vez mais importante à medida que os consumidores guardam seus smartphones por mais tempo e confiam mais neles. Os dispositivos Nokia e OnePlus se deram bem aqui.

Disse Ritesh Bendre, o gerente de conteúdo global.
Gráfico disponível no site da empresa Counterpoint Technology Market Research sobre a

__________________________________
Por Amanda Marques – Redação Fala!

Tags mais acessadas