Netflix investirá 20 milhões de dólares em produções originais
Menu & Busca
Netflix investirá 20 milhões de dólares em produções originais

Netflix investirá 20 milhões de dólares em produções originais

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > Netflix investirá 20 milhões de dólares em produções originais

A chegada de novas empresas no universo de streaming ameaça a posição dominante da Netflix, mas a plataforma ainda não se pronunciou sobre o assunto. Para enfrentar a concorrência, a Netflix então decidiu revisar sua estratégia e apostar em produções originais. Em 2020, a empresa Reed Hastings deve investir mais de US $ 20 bilhões em seu conteúdo original. Isso é 5 vezes mais que em 2015.

Netflix investirá 20 milhões de dólares em produções originais
Netflix investirá 20 milhões de dólares em produções originais

Vale lembrar que a Netflix tem diversos grandes projetos, como a série The Witcher, por exemplo. Adaptada dos romances de Andrzej Sapkowski, a série é um dos maiores sucessos da plataforma. Em 2020, Geralt de Rívia estará de volta para uma segunda temporada e parece que a plataforma está determinada em torná-la a favorita dos telespectadores, mesmo que isso signifique gastar muitos dólares.

The Witcher
The Witcher

Se, no começo, a Netflix poderia se orgulhar de alcançar um sucesso comercial e crítico, isso já não acontece mais. Algumas produções conseguem se destacar em questão de conteúdo oferecido pela empresa, mas raras são as que recebem elogios da imprensa e dos telespectadores. A Netflix lançou 371 séries e filmes originais em 2019, 40% mais que em 2018. Prova de que a empresa está apostando em quantidade, ainda mais após cancelar várias produções com apenas uma temporada.

No entanto, a Netflix não abandonou a ideia de adquirir os direitos de grandes séries e filmes, e conseguiu ganhar um contrato de transmissão para a icônica série Seinfeld, mas a batalha nunca é muito fácil quando se tem a Amazon Prime ou mesmo a Apple como concorrentes. Mas ela ainda encontra-se ganhando disparada, já que está no topo das plataformas mais populares, com 167 milhões de assinantes em todo o mundo.

__________
Por: Nayara Salaverry – Fala!Universidades


Tags mais acessadas