MEC estende aulas a distância para universidades até 31/12
Menu & Busca
MEC estende aulas on-line para universidades até 31 de dezembro

MEC estende aulas on-line para universidades até 31 de dezembro

Home > Universidades > MEC estende aulas on-line para universidades até 31 de dezembro

O Ministério da Educação (MEC) divulgou, na última quarta-feira (17), que autoriza a extensão do período de aulas a distância para o Ensino Superior até o fim do ano letivo. O posicionamento do Ministério dá mais segurança às universidades para que mantenham as aulas em formato EAD.

MEC autoriza extensão de modalidade EAD em universidades até fim de 2020

Apesar do MEC ter estendido a autorização de aulas a distância para o Ensino Superior, a decisão deve ser oficializada por cada instituição individualmente. Para isso, as universidades deverão comunicar ao MEC sobre como continuarão as atividades letivas no segundo semestre de 2020 em até 15 dias.

Em São Paulo, algumas universidades estaduais como USP, Unesp e Unicamp já comunicaram os alunos que irão iniciar o segundo semestre letivo com aulas no formato EAD. No entanto, as três instituições podem retomar parte das atividades presenciais para disciplinas práticas até o final do ano.

A UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e UFC (Universidade Federal do Ceará) também anunciaram que continuarão com o ensino remoto no segundo semestre de 2020. As aulas presenciais em universidades federais provavelmente só serão retomadas em janeiro de 2021 e exigirão um plano de volta gradual.

As instituições avaliam que, caso seja possível retomar as atividades presenciais ainda esse ano, darão prioridade de volta aos alunos que precisam concluir disciplinas práticas e aos que ingressaram no ano de 2020 e tiveram pouco contato com a faculdade.

Porém, para continuar no formato EAD, as instituições precisam pensar em todos os seus alunos, incluindo aqueles que não tem uma boa internet em casa ou terão dificuldades de se adaptar ao novo sistema provisório.

Por isso, a Unesp decidiu distribuir 3 mil chips de celular para os alunos que tiverem dificuldade de acesso à Internet e está instruindo seus professores para se adaptarem a lecionar em modalidade EAD. A faculdade também vai criar 29 estúdios de gravação para produzir aulas.

Tags mais acessadas