GP da Austrália: Charles Leclerc conquista a prova em Melbourne
Menu & Busca
GP da Austrália: Charles Leclerc conquista a prova em Melbourne

GP da Austrália: Charles Leclerc conquista a prova em Melbourne

Home > Notícias > Esporte > GP da Austrália: Charles Leclerc conquista a prova em Melbourne

No dia 10 de abril, a Fórmula 1 voltou para território australiano pela primeira vez depois de dois anos. Apesar da prova acontecer de madrugada para os brasileiros, o fim de semana em Melbourne manteve todos acordados para a terceira etapa da temporada. Com domínio de Charles Leclerc, a estrela da Ferrari seguiu fazendo bonito em 2022 e venceu o GP da Austrália com direito à Grand Chelem (Pole, líder em todas as voltas, volta mais rápida e vitória). 

Gp da Austrália
Charles Leclerc celebrando no pódio em Melbourne, no GP da Austrália. | Foto: Reprodução

A Pole Position de Leclerc

Como tem sido a tônica desta temporada, Red Bull e Ferrari chegaram à classificação como as principais favoritas à pole position. Alpine e McLaren foram as surpresas, e ambas demonstravam um ritmo acima do que vinham apresentando neste início de temporada.

A classificação contou com um acidente de pura “barbeiragem” envolvendo Nicholas Latifi e Lance Stroll, e Fernando Alonso tendo problemas hidráulicos após estar andando muito rápido e acabando no muro. Na briga pela ponta, Charles Leclerc não deu chance aos adversários e conquistou sua segunda pole no ano, seguido por Max Verstappen e Sergio Perez. Fechando o Top 10: Norris foi o 4º, Hamilton o 5º, Russell o 6º, Ricciardo o 7º, Ocon o 8º, Sainz o 9º e Alonso o 10º.

O GP da Austrália

No domingo, as luzes se apagaram e os pilotos estavam correndo no renovado circuito em Albert Park. Charles Leclerc largou muito bem e manteve a sua posição, enquanto um pouco atrás, o heptacampeão Lewis Hamilton passou três carros antes da primeira curva e assumiu a terceira colocação.

GP da Austrália
A largada do GP da Austrália. | Foto: Reprodução

Após largar em um decepcionante 9º lugar, Carlos Sainz e sua Ferrari caíram várias posições logo no início da corrida. Na segunda volta, o espanhol se afobou e acabou indo parar na brita, onde ficou atolado e precisou abandonar a prova. Este foi um fim de semana que o espanhol e os seus fãs com certeza gostariam de esquecer.

A corrida começava a ganhar contornos de procissão, até que na 22ª volta, Sergio Perez se aproximou de Lewis Hamilton e iniciou uma perseguição pelo então quinto lugar. O mexicano fez grande manobra para ultrapassar a Mercedes, e quando Lewis se preparava para dar o troco, o Safety Car foi acionado após Sebastian Vettel rodar sozinho e bater a sua Aston Martin. Quem se deu bem foi George Russell, que fez o seu pit stop durante o acionamento do Carro de Segurança e se manteve na terceira posição.

Na 36ª volta, foi a vez de ‘Checo’ ir atrás da outra Mercedes. Com um carro mais equilibrado, não deu chances para George Russell e a Red Bull de número 11 assumiu a terceira posição. Logo na sequência, a confiabilidade do motor da Red Bull voltou a deixar o atual campeão na mão e Max Verstappen acabou abandonando pela segunda vez em três corridas.

Formula 1
Max Verstappen abandonando a prova em Melbourne. | Foto: Reprodução

Após 58 voltas de “um passeio no parque” para Charles Leclerc, o monegasco da Ferrari cruzou a linha de chegada em primeiro no Grande Prêmio da Austrália e venceu mais uma em 2022. Sergio Perez em mais uma grande corrida acabou em segundo e George Russell conquistou o seu primeiro pódio pela Mercedes, terminando em terceiro. Fechando o Top 10: Hamilton foi o 4º, Norris o 5º, Ricciardo o 6º, Ocon em 7º, Bottas em 8º, Gasly em 9º e em 10º, Alex Albon, que largou de último, correu por 57 voltas com o mesmo pneu e conquistou o seu primeiro ponto pela Williams.

Leclerc lidera o Campeonato de Pilotos com 71 pontos, Russell é o segundo com 37 e Sainz, o terceiro com 33. No Campeonato de Construtores, a Ferrari sobra com 104 pontos, seguida pela Mercedes com 65 e a Red Bull ocupa a terceira posição com 55 pontos.

A Fórmula 1 retorna em duas semanas e inicia o seu tour pela Europa, com o GP da Emília-Romanha, em Ímola, na Itália. Em uma temporada cheia de surpresas em apenas três etapas, a expectativa dos apaixonados por velocidade sobe a cada corrida em 2022. Felizmente, este é apenas o começo de um ano que promete e muito, na principal categoria do automobilismo mundial.

*Nós, do projeto Esporte em Pauta, estamos realizando uma parceria com o Fala! Universidades. Se quiser ter acesso a mais conteúdos sobre os mais variados esportes, procure nossa página no Instagram (@esporte_em_pauta) e no Twitter (@EsportePauta).

_______________________________
Por Filipe Saochuck – Fala! PUC

Tags mais acessadas