Fuga em massa: Detentos fogem após notícia de prevenção coronavírus
Menu & Busca
Fuga em massa: Detentos fogem após notícia de coronavírus

Fuga em massa: Detentos fogem após notícia de coronavírus

Home > Notícias > Fuga em massa: Detentos fogem após notícia de coronavírus

Na última segunda-feira (16), uma rebelião no Centro de Progressão Penitenciária Dr. Rubens Aleixo, localizada em Mongaguá, ocasionou na fuga de mais de 200 detentos, tornando-se uma das maiores fugas em massa da história do Brasil.

Fuga em massa de presídio
Fuga em massa de presídio.

CORONAVÍRUS: ÁLCOOL GEL CASEIRO FUNCIONA? SAIBA COMO FAZER

Coronavírus: Detentos fogem da prisão após cancelamento de saída temporária

A penitenciária em questão possui capacidade máxima para 1640 homens e, no entanto, abrigava em torno de 2796 pessoas, conforme estipulado no balanço feito pela Secretária da Administração Penitenciária (SAP) feito no último dia 13.

Publicidade

A fuga dos presos foi orquestrada após o Estado cancelar a saídas temporárias dos detentos reservada para março, decisão tomada para evitar a disseminação do novo coronavírus, doença categorizada como pandemia pela OMS.

IMPRENSA AMERICANA DIZ QUE BOLSONARO ESTÁ COM CORONAVÍRUS

Outros três presídios também registraram tentativa de fuga, sendo eles o presídio de Tremembé, Mirandópolis e Porto Feliz. Agentes penitenciários relataram à Folha de S. Paulo que houve fuga em outras prisões, totalizando mais de 1000 presos fugitivos, informação que não foi confirmada pelo Governo de SP.

Publicidade

Confira o vídeo da fuga em massa dos detentos de Mongaguá:

A prefeitura de Mongaguá lançou uma nota oficial cancelando as aulas de hoje (17) para evitar mais transtornos aos moradores do litoral.

A Prefeitura de Monguaguá, diante ao fato lamentável ocorrido nesta segunda-feira (16), quando centenas de presos fugiram do Centro de Progressão Penitenciaria (CPP), por questões de segurança para a população, assim como para os servidores municipais, adotou a decisão de cancelar as aulas das creches e escolar municipais. Nesta terça-feira (17), a administração municipal fará uma atualização sobre o funcionamento das mesmas para o restante da semana.

ACOMPANHE A SITUAÇÃO DO CORONAVÍRUS NAS UNIVERSIDADES DE SÃO PAULO

Em nota, a prefeitura também afirmou ter mobilizado grande parte das forças de segurança da cidade para localizar os detentos fugitivos.

Cabe ressaltar que está em curso uma ação conjunta das forças de segurança (Polícia Militar, Polícia Militar Rodoviária, ROMU de Monguaguá e Guarda Civil Municipal), a fim de recapturar os detentos.

A prefeitura também alertou em nota para a população não sair de suas casas até a situação se normalizar.

Tags mais acessadas