Corinthians x Atlético GO: longe da Libertadores, perto do rebaixamento
Menu & Busca
Corinthians x Atlético GO: longe da Libertadores, perto do rebaixamento

Corinthians x Atlético GO: longe da Libertadores, perto do rebaixamento

Home > Notícias > Esporte > Corinthians x Atlético GO: longe da Libertadores, perto do rebaixamento

No dia 30 de setembro, o Corinthians enfrentou um dos seus maiores carrascos, que é o Atlético Goianiense na sua casa (Neo Quimica Arena), jogando pela 1ª rodada do Campeonato Brasileiro, pois foi adiado. Um jogo sonolento, tendo várias jogadas quebradas e uma atuação pífia do time Alvinegro, que deu raiva em vários torcedores. O jogo teve também a estreia de Cazares, que chegou no clube no dia 26 de setembro, recebendo a camisa 10, tendo assim, uma enorme pressão pela torcida.

Não tem muito a comentar da partida, no primeiro tempo sempre as mesmas coisas. O Corinthians dá um gás no começo da partida, chutes, lançamentos, mas passa dos 15 minutos de jogo, parece que o time entra num modo offline e para de jogar. Depois disso, só ataque do time de Goiânia, tendo os impressionantes 80% da posse de bola durante um período, com 17 chutes ao gol ao todo da partida e isso era na casa do Corinthians.

O segundo tempo, não foi diferente, mas o Timão teve mais posse dessa vez, chutando 12 vezes o jogo inteiro, sendo que maioria foi a jogada padrão, bola para o Jo, que não faz muito coisa, porque a bola não chega a ele e tenta alguma coisa ou bola na ponta, cruzamento e nada. A partida contou com estreia do Equatoriano, Cazares, que teve uma atuação a parte, participando de alguns lances, mas não ajudou muito pela falta de opção que ele tem do meio-campo para a frente.  De acordo com torcedores fanáticos pelo clube, disseram que o time passou dos limites e cada vez mais estão mais perto da zona de rebaixamento

Análise – Corinthians x Atlético GO

O jogo em si foi muito abaixo para um jogo de Campeonato Brasileiro. Até o torneio, em termos de qualidade, esse é o pior ano, todos os times estão abaixo, como, por exemplo, o gigante Flamengo, que estÁ apresentando um futebol muito abaixo do que foi ano passado. Do Corinthians, já era esperada essa atuação, mas os resultados aparecem no clube alvinegro, que se encontra na 14ª posição do campeonato, com 13 pontos, somente 2 pontos do 17º colocado, e pode entrar na zona de rebaixamento nessa rodada, em caso de derrota. 

Falando do treinador interino, que passou mais de 2 ou 3 semanas no cargo e nada de um treinador novo, Coelho fez o que pôde fazer, mas deu para perceber que não é culpa dele e posso arriscar falar que não foi do Tiago Nunes, e sim dessa diretoria, que fala estar tudo bem e que os jogos são “azar”. Dá para ver muito bem que não só “azar”, e sim o time todo está jogando mal. Não tem comunicação, não tem opção de jogo.

Nos vídeos dos treinos do clube, está todo mundo sorrindo, como estivesse tudo bem, mas isso é uma outra realidade. O Time do Povo está prestes a cair no campeonato, é para os jogadores estarem com raiva e consertarem tudo o que há de errado.

Cazares
Cazares. | Foto: Reprodução. 

Notas dos jogadores

  • Cassio – nota 6: Defendeu bolas fortes do atacantes do Atlético e, se não fosse pelo Cassio, seria derrota de goleada.
  • Michel Macedo – Nota 4: Substituiu o Fagner nesta rodada, mas demonstrou um jogo fraco e levou cartão amarelo; fez o básico. 
  • Danilo Avelar – Nota 5: Não jogou, porém, não jogou mal. Tirou algumas bolas da área, mas arriscou muito com carrinhos perigosos dentro da área.
  • Gil – nota 5: Protegeu bem a área, mas não apareceu muito no jogo, já que o adversário estava jogando no erro do Avelar.
  • Lucas Piton – nota 5: Bem abaixo do esperado, não deu segurança nas bolas marcadas.
  • Cantillo – Nota 6: O Colombiano jogou bem, tentando acionar Jo no meio ou mesmo o Luan, mas não conseguiu. Tentou o bastante.
  • Camacho – Nota 4: Não foi bem, entrou no lugar do Cantillo que estava jogando relativamente bem e acredito que foi uma alternativa desnecessária.
  • Roni – Nota 4: 3 jogos com a camisa do Corinthians como profissional, mas tem muito que aprender e não apareceu muito na partida, mas levou cartão.
  • Ramiro – Nota 5: Foi melhor que Roni, fazendo tabela com o Luan na área, mas não foi efetivo.
  • Otero – Nota 5,5: É o único que chuta, mas, nesta partida, foi sua pior atuação. Nada deu certo, porém alguns chutes são perigosos, teve um lance cara a cara com o goleiro, mas desperdiçou a chance na sua maior qualidade.
  • Mantuan – Nota 4: Entrou bem no final, não deu para ver nota baixa, mas não mereceu.
  • Luan – Nota 3 – Um jogador que estragou muitas jogadas, contra-ataques, muito fora de forma desde o começo do ano. Não tem como opinar sobre sua atuação.
  • Cazares – Nota 4: Fez sua estreia, mas pouco tocou na bola e visivelmente fora de jogo. Tem que treinar mais, mas pode ser uma peça muito importante.
  • Leo Natel – Nota 6,5: Jogou bem, melhor da partida entre os jogadores do Corinthians, arriscou, bons passes, boas jogadas, estava tentando chegar ao gol.
  • Jo – Nota 5: A bola não chega aos seus pés, mas é o centro das atenções que acaba atrapalhando o desenvolvimento do time.
  • Boselli – Nota 5: Tem que ser titular, arriscou muito mais que o Jo, procurou a bola. Mas, como seu companheiro, ela dificilmente chega aos seus pés. 
  • Coelho – Nota 5,5: Ele tenta, mas opções são poucas e que não fazem muito diferença.

________________________________
Por Fernando Sid – Fala! Mack

Tags mais acessadas