Confira as 10 melhores adaptações das obras de Jane Austen para o cinema
Menu & Busca
Confira as 10 melhores adaptações das obras de Jane Austen para o cinema

Confira as 10 melhores adaptações das obras de Jane Austen para o cinema

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > Confira as 10 melhores adaptações das obras de Jane Austen para o cinema

Não é novidade para ninguém que os romances de Jane Austen revolucionaram a literatura e são apreciados até os dias de hoje. A escritora inglesa pertencia a uma família da nobreza agrária e o cenário no qual estava inserida inspirou suas narrativas, que são focadas no romance e casamentos da época.

A perspicácia da autora, que se mostrava a frente do seu tempo, inspira debates até hoje e faz com suas obras sejam atemporais. Por isso, muitos de seus livros já foram adaptados no cinema.

A seguir, confira as 10 melhores adaptações cinematográficas dos romances de Jane Austen.

jane austen - adaptação - filmes
Conheça as melhores adaptações das obras de Jane Austen. | Foto: Montagem/Reprodução.

10 melhores adaptações cinematográficas das obras de Jane Austen

1) Orgulho e Preconceito (2005) é um dos livros mais famosos de Jane Austen

Orgulho e Preconceito (2005) é um filme britano-americano que foi baseado na obra de mesmo nome de Jane Austen. O enredo foca na história de 5 irmãs oriundas de uma família da nobreza rural que precisam lidar com embates comuns no contexto em que estão inseridas, como romance, casamento, preconceito e moralidade.

O filme foi indicado a quatro categorias no Oscar. Vale lembrar que essa não foi a primeira adaptação da obra Orgulho e Preconceito. O livro foi adaptado em 1940, sendo o primeiro filme inspirado em uma obra da autora inglesa. No entanto, essa primeira versão seguiu à risca o enredo da obra original.

2) Persuasão (2007)

A obra de Jane Austen, Persuasão, também ganhou uma adaptação. O filme foi feito exclusivamente para ser transmitido na TV e conta a história de uma jovem da elite agrária, Annie Elliott, que se apaixona por um homem chamado Frederick Wentworth.

Por conta das condições financeiras do amado, a jovem é persuadida pela família a pôr um fim no romance. Anos depois, ele retorna à cidade e Annie precisa lidar com os sentimento que ainda nutre por Frederick.

Recentemente, a obra também foi adaptada pela Netflix e contou com a atuação de Dakota Johnson (Cinquenta Tons de Cinza).

3) Razão e Sensibilidade (1995)

Razão e Sensibilidade (1995) é um filme baseado no livro homônimo de Jane Austen. O enredo traz a história de uma viúva que vive com suas três filhas e passa por problemas financeiros após a maior parte da herança do marido falecido ter ficado com o filho mais velho, fruto de um outro casamento.

Diante das circunstâncias, as irmãs lidam de maneiras diferentes. Enquanto uma busca agir de forma racional, outra age de forma emocional.

4) Emma (2020) é um filme inspirado em um dos clássicos de Jane Austen

A adaptação da obra Emma traz a história de uma jovem rica e inteligente chamada Emma Woodhouse. A jovem não pensa em casar tão cedo e não quer sair de perto dos pais. No entanto, ela acredita no romance e vive querendo juntar casais, mas não percebe as consequências de suas atitudes.

5) As Patricinhas de Beverly Hills (1995) também tem traços de Jane Austen

Muita gente não sabe, mas o filme As Patricinhas de Beverly Hills tem inspirações na obra Emma, de Jane Austen. A personagem principal, Cheer, é um releitura de como seria Emma no século XX. As duas possuem características em comum, como o fato de terem perdido mãe, serem ricas e, principalmente, a necessidade de ajudar os outros, o que acaba trazendo alguns problemas para a vida das personagens e dos que estão a sua volta.

6) A Abadia de Northanger (2007)

A Abadia de Northanger (2007) é um filme inspirado na obra de mesmo nome de Jane Austen. O enredo traz a história de uma jovem chamada Catherine Morland que consegue a oportunidade de morar com a família Allen, em Bath. Com isso, a jovem sonha em viver grandes aventuras românticas. Mas logo Catherine começa a entender a influência de questões como classe e poder, e como elas se sobrepõem aos sentimentos.

7) Mansfield Park (1999)

Mansfield Park é mais um dos filmes inspirados nas obras de Jane Austen. A trama traz a história de Fanny Price, que vem de uma família pobre e com muitos filhos e, por isso, vai morar na casa de seus tios ricos.

Em um novo contexto, Fanny começa a lidar com questões complexas da adolescência, como as paixões e questões de classe.

8) Amor e Amizade (2016)

Amor e Amizade (2016) tem como contexto o século XVIII e acompanha a história de Lady Susan Vernon, que, recentemente, ficou viúva. Para fugir das fofocas sobre sua vida amorosa, ela se muda para a casa de seus cunhados. Ao chegar lá, ela decide que quer encontrar um novo amor para ela e para sua filha.

9) O Diário de Bridget Jones (2001)

O Diário de Bridget Jones (2001) é um filme inspirado na obra de Helen Fielding, que consiste em uma adaptação distante da obra Orgulho e Preconceito, de Jane Austen.

A trama acompanha Bridget Jones, uma mulher solteira de 32 anos que decide tomar as rédeas de sua própria vida. Para isso, ela começa a escrever um diário, que traz um ar erótico, além de opiniões sobre assuntos relacionados a sua vida.

10) Austenland (2013)

Austenland (2013) acompanha uma mulher de mais de 30 anos chamada Jane Hayes, que não consegue emplacar sua vida amorosa porque idolatra o personagem fictício Mr. Darcy, criado por Jane Austen na obra Orgulho e Preconceito.

Assim, nenhum homem parece estar à altura de seu ídolo. Mas, cansada, ela decide pegar um vôo para o Reino Unido e se hospedar em um resort focado em mulheres apaixonadas pelos romances da escritora inglesa.

_________________________________
Por Giovana Rodrigues – Redação Fala!

Tags mais acessadas