Atlético-MG: 5 curiosidades sobre o clube
Menu & Busca
Atlético-MG: 5 curiosidades sobre o clube

Atlético-MG: 5 curiosidades sobre o clube

Home > Notícias > Esporte > Atlético-MG: 5 curiosidades sobre o clube

O Atlético-MG – mais conhecido como Galo, mascote oficial do time – foi fundado em 25 de março de 1908 por um grupo de estudantes. Desde sua criação, o clube acumula uma ampla gama de vitórias, se destacando como o maior campeão do Campeonato Mineiro, com um total de 46 troféus.

Após a vitória do Galo sobre o Flamengo, no dia 20 de fevereiro, durante a disputa pelo título do primeiro lugar da Supercopa do Brasil, o time ganhou ainda mais fama e reconhecimento dentro e fora do País.

Vamos conferir 5 curiosidades sobre esse timaço e saber mais sobre o clube que vem ganhando cada vez mais torcedores? Continue a leitura!

5 curiosidades sobre o Atlético-MG.
5 curiosidades sobre o Atlético-MG. | Foto: Reprodução/Instagram Atlético Mineiro.

Conheça 5 curiosidades sobre o Atlético-MG, o Galo

1. “Galo forte e vingador”

A frase acima, presente no hino do Atlético Mineiro, menciona uma das revanches mais espetaculares da história do futebol.

Após perder uma partida para o Granbery, de Juiz de Fora, em 1910, por 5×1, o Galo se incomodou com a repercussão negativa do evento e do resultado, então exigiu revanche.

Durante a nova partida, o Alvinegro ganhou de 7×0, deixou os adversários frustrados e recuperou sua fama de clube de excelência.

2. “EU ACREDITO”

O célebre grito de “Eu acredito”, eternizado no futebol brasileiro, surgiu na torcida atleticana depois de vitórias sobre os times internacionais Tijuana e Newell’s. 

A frase “Caiu no horto, tá morto” também nasceu na torcida do clube e permanece sendo icônica até os dias de hoje, principalmente por causa de seu uso durante as partidas que levaram às históricas eliminações do Corinthians e Flamengo na Copa do Brasil de 2014.

3. Dilma Rousseff: torcedora ferrenha

Dilma Rousseff foi a única presidente do Brasil a torcer pelo Atlético Mineiro. As demais figuras presidenciais jamais nutriram alguma paixão explícita pelo time.

4. Cocoricó

No ano de 1930, nas rinhas de Belo Horizonte, existiu um galo branco e preto fenomenal, que vencia todas as suas lutas.

Inspirado por essa história, surgiu o apelido mais famoso do Atlético Mineiro: Galo, alcunha que foi popularizada em meados de 1950, por causa do meio-campista Zé do Monte, que entrava em campo com um galo embaixo do braço em todas as partidas.

5. Anjo da Morte

Em 21 de março de 1909, o Atlético Mineiro venceu de 3×0 contra o Sport Club Futebol. Depois da derrota, o adversário pediu duas revanches e perdeu ambas.

As derrotas levaram os dirigentes do time Sport Club a encerrar o clube, fechando-o para sempre. Desde então, além de Galo, o Atlético-MG também detém a fama de “Anjo da Morte” em alguns lugares do Brasil, por “matar” um clube rival.

__________________________________________

Por Maísa Siena – Fala! Universidade Cruzeiro do Sul

Tags mais acessadas