Athletico Paranaense bicampeão da Copa Sul-Americana
Menu & Busca
Athletico Paranaense bicampeão da Copa Sul-Americana

Athletico Paranaense bicampeão da Copa Sul-Americana

Home > Notícias > Esporte > Athletico Paranaense bicampeão da Copa Sul-Americana

O time do Paraná bateu o RB Bragantino no último sábado (20), em Montevidéu

Thiago Heleno, do Athletico Paranaense, erguendo a taça da Sul-Americana.
Thiago Heleno, do Athletico Paranaense, erguendo a taça da Sul-Americana. | Foto: Franklin Freitas.

Depois de 3 anos, o Athletico Paranaense voltou a conquistar a Copa Sul-Americana, garantindo assim, uma vaga na fase de grupos da próxima Libertadores. Comandado por Alberto Valentim na grande final, o time bateu o também brasileiro Red Bull Bragantino, por 1×0.

Assim, o Furacão se tornou o primeiro brasileiro a conquistar a Sul-Americana duas vezes, a primeira sendo em 2018, contra o Independiente. Com um belo gol de Nikão no fim da primeira etapa, o time manteve o resultado no segundo tempo e conseguiu garantir o título. Além do gol na grande final, o camisa 11 também foi eleito o melhor jogador da competição, com 4 gols marcados e 4 assistências.

Nikão foi eleito o melhor jogador da competição.
Nikão foi eleito o melhor jogador da competição. | Foto: Reprodução.

Relembre a campanha do Athletico Paranaense na Copa Sul-Americana

Em sua estreia na competição, o time que era comandado por Paulo Autuori, venceu o Aucas, do Equador, pelo simples placar de 1×0, com um gol contra do atacante Francisco Fydriszewski. Na segunda partida, mais uma vitória pelo placar mínimo, agora contra o Metropolitanos, da Venezuela, com um gol marcado pelo centroavante Renato Kayzer.

Na terceira partida, veio a primeira derrota do Furacão na competição, jogando fora de casa, contra o Melgar, do Peru, perdendo a partida por 1×0. Já na quarta rodada, mais uma vitória pelo simples placar de 1×0, contra o Metropolitanos, com um gol de Vitinho, que já deixou o clube e foi para o Dynamo Kiev, da Ucrânia.

No penúltimo jogo, novamente uma vitória por 1×0, agora contra o Melgar, contabilizando a quarta vitória pelo mesmo placar na fase de grupos, agora, o solitário gol da partida foi feito por Renato Kayzer. E na última partida, finalmente uma vitória por 4×0, com gols de Christian, Abner Vinícius, Vitinho e Carlos Eduardo contra o Aucas.

Terans também foi muito importante para o Athletico Paranaense na competição.
Terans também foi muito importante para o Athletico Paranaense na competição. | Foto: Gustavo Oliveira.

Nas oitavas de final, agora sob o comando do português Antonio Oliveira, o time paranaense enfrentou o América de Cali, terceiro colocado do grupo do Galo na Libertadores. Na partida de ida, o CAP venceu por 1×0, com mais um gol de Nikão, fora de casa. No jogo de volta, na Arena da Baixada, uma vitória por 4×1, com dois gols de Vitinho, um de Nikão e um de Canesin, se garantindo na próxima fase.

Nas quartas de final, o Furacão enfrentou a LDU, do Equador, que havia eliminado o Grêmio na fase anterior, e perdeu a primeira partida por 1×0, jogando fora de casa. Mas no jogo de volta, conseguiu reverter o placar e venceu por 4×2, com dois gols de Christian e dois gols de Bissoli, se classificando para a semifinal da Sula pela terceira vez em sua história.

Na semifinal, o Athletico enfrentou o Peñarol, que eliminou o Corinthians na fase de grupos, e ex-time de Terans. Na primeira partida, o CAP ganhou por 2×1, jogando fora de casa, com gols de Pedro Rocha, e um do próprio jogador uruguaio. Já no jogo de volta, mais uma vitória, agora por 2×0, com gols de Nikão e Pedro Rocha.

Parabéns ao Athletico Paranaense pelo segundo título continental conquistado e, com toda certeza, o Furacão já tem seu nome entre os grandes do futebol brasileiro. Agora, o time paranaense foca nas rodadas finais do Brasileirão, para tentar escapar do rebaixamento, e também na grande final da Copa do Brasil, onde enfrenta o Atlético Mineiro nos dias 12 e 15 de Dezembro.

__________________________________________________

Por Leonardo Pignatari – Fala! PUC-SP

Tags mais acessadas