Ajax - Entenda a nova geração do time holandês
Menu & Busca
Ajax – Entenda a nova geração do time holandês

Ajax – Entenda a nova geração do time holandês

Home > Notícias > Esporte > Ajax – Entenda a nova geração do time holandês

O Ajax, tradicional time holandês, deu início aos seus triunfos continentais na década de 70 com ninguém mais, ninguém menos que Johan Cruyff, lenda da Holanda e cria da base, sendo a referência dos troféus do tricampeonato da Liga dos Campeões, de 1971 até 1973.

Pouco mais de 10 anos após sua saída como jogador, Johan retornaria a Amsterdã, para ser treinador dos Filhos do Deuses, onde daria continuidade ao processo de utilização de jogadores formados no clube. 

Com o passar dos anos, o Ajax passou a estabelecer um método que se mantinha desde a mais jovem categoria da base do clube até a última, o que o consolidou como grande formador de jogadores.

O sistema aplicado ia desde a utilização da mesma formação tática dos times até os mesmos tipos de treinamento, a fim de se estabelecer uma consolidação do atleta naquele estilo, que viria a ser posto em prática no profissional. 

Johan Cruyff, nos tempos de jogador pelo Ajax, dando instruções aos seus companheiros.
Johan Cruyff dando instruções aos seus companheiros. | Foto: Reprodução.

Na temporada de 2018/2019, o Ajax retornou às semifinais da Liga dos Campeões depois de décadas e passou a chamar a atenção de todo o mundo com grandes apresentações lideradas por grandes talentos formados na base. Entre esses podemos citar André Onana, goleiro camaronês de 1,92m; Matthijs De Ligt, zagueiro holandês que despertou interesse de outros gigantes europeus e concretizou sua transferência para a Juventus, da Itália; Donny van de Beek, meia holandês que tem seu nome vinculado a times ingleses em toda janela de transferência; e Kasper Dolberg, atacante norueguês que, na atual temporada, se transferiu para o Nice, da França.

Essa atual geração dos Filhos dos Deuses rendeu ao Ajax respeito e resultados expressivos, como quando não foi derrotado pelo Bayern-ALE na fase de grupos; venceu o Real Madrid, no Santiago Bernabéu, por 4×1 pelas oitavas de final; e venceu a Juventus, em Turim, jogos que lembraram os tempos  de ouro do século XX.

Assim, a nova safra de atletas do clube mantém fresca, na memória dos amantes de futebol, a imagem de um time talentoso, forte e com uma base que revela grandes jogadores para os principais clubes das principais ligas da Europa.

Time do Ajax no duelo contra o Real Madrid, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões 2018/2019, no Santiago Bernabéu.
Ajax no duelo contra o Real Madrid pelas oitavas de final da Liga dos Campeões 2018/2019, no Santiago Bernabéu. | Foto: Reprodução.

______________________________________
Por Gabriel Neukranz – Fala! UFPE

Tags mais acessadas