Acne: Conheça algumas dicas para evitar cicatrizes e marcas
Menu & Busca
Acne: Conheça algumas dicas para evitar cicatrizes e marcas

Acne: Conheça algumas dicas para evitar cicatrizes e marcas

Home > Lifestyle > Saúde > Acne: Conheça algumas dicas para evitar cicatrizes e marcas

A acne é uma condição que atinge grande parte da população, sem estar restrita à idade, tipo de pele, hábitos ou outros fatores. O ato de apertar e espremer cravos e espinhas pode levar ao aparecimento de marcas ou cicatrizes na pele. Esses pequenos furinhos podem estar localizados na testa, bochechas, lateral da face e no queixo, sendo uma situação bastante comum e que pode diminuir a autoestima da pessoa, principalmente dos jovens e adolescentes.

Independentemente do seu grau, a questão é que a acne, além de afetar a nossa imagem, ainda pode deixar marcas – das superficiais até as mais profundas – se não tiver o devido cuidado. Esse tipo de cicatriz não desaparece sozinho e, por isso, existem alguns tratamentos que devem ser indicados pelo dermatologista ou esteticista para ajudar a melhorar o aspecto da pele.

Como já sabemos, a acne pode deixar cicatrizes. E é sobre como prevenir-se delas que vamos falar.

Acne
Conheça algumas dicas para evitar cicatrizes e marcas de acne. | Foto: Reprodução.

Causas da acne

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, nem toda cicatriz de acne surge porque alguém resolveu “espremer” ou “cutucar” uma espinha ou pústula. Alguns tipos de inflamação ocorrem de forma profunda na pele, o que pode facilitar a formação de marcas e cicatrizes. Você já sabe que a acne é um tipo de inflamação, certo? O que muitas pessoas não sabem é que essa inflamação pode acontecer em uma camada mais profunda ou mais superficial da pele. Quando ela surge em uma camada superficial, o corpo tem mais facilidade para liberar o líquido formado como resultado dessa inflamação.

Em alguns casos, porém, esse processo ocorre em uma camada mais profunda da pele e o corpo tem mais dificuldade em liberar o pus formado durante o processo inflamatório. Esse pus contém enzimas que o corpo produziu para proteger-se da inflamação. Quando essas enzimas entram em contato com células saudáveis, ocorrem diversas lesões na área. A pele, então, começa a regenerar-se e é aí que surgem as marcas e cicatrizes. Mas como prevenir-se desse processo?

Como prevenir-se das marcas de acne

1. Previna a acne

Sim, parece uma etapa óbvia, mas se você apresenta espinhas, é recomendado que busque tratamento dermatológico. Dependendo do nível de acne, o tratamento pode incluir injeções de cortisona, remédios via oral, cremes e loções prescritas.

2. Reduza a inflamação

Muitas marcas ocorrem da inflamação acneica. Sendo assim, quanto menor a inflamação, menores as chances de desenvolver marcas e cicatrizes. Qualquer processo mais agressivo na pele – como esfoliação ou utilização de produtos que deixem a pele sensível – pode causar o efeito inverso e aumentar a inflamação. Uma das formas é usar água!

Você pode utilizar água mineral. Ela contém magnésio, um mineral que ajuda a diminuir a irritação da pele. Existem outros produtos dermocosméticos que ajudam, e muito, a diminuir a inflamação.

3. Não aperte, cutuque ou esprema nenhuma espinha

Ao tentar espremer uma espinha, é possível que você esteja liberando diversas substâncias no tecido cutâneo. E é exatamente isso que devemos evitar!

Se a aparência da espinha incomodar muito, você pode usar um dos diversos produtos no mercado que funcionam como maquiagem e também ajudam a tratar a acne.

4. Não tire a “casquinha”

A “casquinha”, que muitas vezes aparece logo após o processo inflamatório começar a diminuir, é uma proteção natural da pele. Retirá-la deixa seu corpo sujeito a diversas bactérias e sujeiras que podem aumentar a inflamação novamente. Aumentando a inflamação, aumentamos as chances de produzir marcas.

5. Use filtro solar

Apesar de existir um mito de que tomar sol “seca” as espinhas, a verdade é que os raios solares propiciam o surgimento e a piora de marcas e cicatrizes na pele. Esse é um conselho geral. Com espinha ou sem espinha, sempre use filtro solar.

Cosméticos que ajudam a atenuar as cicatrizes de acne e tratamentos

  • Géis ou cremes esfoliantes;
  • Máscaras faciais com efeito peeling;
  • Dermocosméticos contendo ácidos como: ácido glicólico, ácido salicílico, ácido dióico, LHA, sozinhos ou associados para uma ação potencializada;
  • Fórmulas clareadoras contendo ácido tranexâmico, ácido glicólico, ácido kójico e ácido fítico, quando houver cicatrizes escurecidas;
  • Dermocosméticos contendo Vitamina C.

Alguns dos tratamentos que podem ser indicados são aplicação de ácidos, microagulhamento, microdermoabrasão e laser. O tratamento escolhido varia de acordo com a idade da pessoa, tipo da pele, profundidade das marcas, disponibilidade de tempo e situação financeira da pessoa.

Como vimos, existem alguns cuidados que você pode ter no dia a dia para prevenir marcas e cicatrizes decorrentes da acne. Sempre procure acompanhamento médico para cuidar da pele e prevenir-se de maneira correta. Além disso, é cada vez maior o número de dermocosméticos produzidos especialmente para o tratamento da acne.

_____________________________
Por Sabrina Ferreira – Fala! Centro Universitário Brasileiro de Pernambuco – Recife

Tags mais acessadas