'Vingança e Castigo’: Vá para o faroeste com Idris Elba e Regina King
Menu & Busca
‘Vingança e Castigo’: Vá para o faroeste com Idris Elba e Regina King

‘Vingança e Castigo’: Vá para o faroeste com Idris Elba e Regina King

Home > Entretenimento > Cinema e Séries > ‘Vingança e Castigo’: Vá para o faroeste com Idris Elba e Regina King

Apesar do cenário de faroeste, Vingança e Castigo (em inglês The Harder They Fall), chega na Netflix com grandes expectativas para o começo de Novembro. Dirigido e escrito por Jeymes Samuel, o filme também conta com um elenco já aclamado pelo público e o astro Jay-Z na produção do faroeste. 

Mas será que a obra é só isso? 

Desde o elenco até o enredo, ‘Vingança & Castigo’ chega na Netflix, nesta quarta-feira (3), e já é um potencial para o TOP 10 da plataforma de streaming.
Desde o elenco até o enredo, ‘Vingança & Castigo’ chega na Netflix, nesta quarta-feira (3), e já é um potencial para o TOP 10 da plataforma de streaming. | Foto: Reprodução.

Sobre o enredo de Vingança e Castigo

A estória se passa na perspectiva de Nat Love (Jonathan Majors), o qual passa por um trauma na infância ao ver seus pais serem friamente mortos na sua casa pelo criminoso Rufus Buck (Idris Elba), o mesmo que o deixou com uma cruz cicatrizada na testa. Porém, as mortes que acontecem são apenas o princípio para o enredo que se encharca cada vez mais de sangue. 

Logo, o Nat Love começa sua jornada de vingança para acabar com aqueles que fizeram a morte dos seus pais ser possível, tendo como último e mais difícil alvo o Buck, esse criminoso que consegue liberdade da prisão e passa a ser cassado novamente por aquele que o colocou no enquadramento, ou seja, o xerife Reeves (Delroy Lindo), logo, com a vontade implacável de matar de Nat e o “cumprimento” da lei, ambos se unem para acabar com o Rufus. 

Porém, a trama se torna mais interessante com os personagens como a Mary Fields (Zazie Beetz), essa que tem um romance mal resolvido e pouco aprofundado com o protagonista, Jim Beckwourth (RJ CYLER), responsável pela parte cômica do filme por querer ser o mais rápido quando trata-se de sacar uma arma, Bill Pickett (Edi Gathegi), o fiel amigo de Nat Love, e a Cuffee (Danielle Deadwyler), que é a segurança do bar da Mary e tem uma forte relação com a mesma. 

Assim, os fora da lei e o xerife se juntam em busca da figura diabolizada de Rufus Buck, permitindo boas cenas de ações, mortes surpreendentes e um filme de faroeste que até aqueles os quais não são familiarizados com o gênero podem aproveitar a adrenalina.

O filme conta com um elenco repleto de grandes nomes do cinema.
O filme conta com um elenco repleto de grandes nomes do cinema. | Foto: Reprodução.

Detalhes em Vingança e Castigo

Para entender melhor sobre a obra é preciso compreender alguns detalhes que o primeiro olhar pode não captar. Dessa forma, daqui por diante os spoilers serão mais que garantidos, então, confere os detalhes que foram primordiais para que o filme se tornasse uma grande produção. 

O que você pode não ter percebido no filme

Em primeira análise, é importante destacar a nomeação de Rufus Buck como o próprio diabo, o que torna o personagem cada vez mais distante e temido por todos. Porém, o xerife Reeves é o único que, primeiramente, se contrapõe a essa ideia, ajudando também a entender que o “vilão” formado ali é mais do que palpável, além da cena após a morte do grande criminoso em que a Mary pergunta “O diabo morreu?” e o Nat Love, após ter puxado o gatilho diversas vezes no corpo de Rufus, responde “Não sei”.

Idris Elba em Vingança e Castigo da Netflix.
Idris Elba em “Vingança e Castigo” da Netflix. | Foto: Reprodução.

Quando nos referimos ao vilão de Vingança e Castigo, quem provavelmente assistiu (ou talvez não) sabe que não há um personagem de vileza, a verdade é que após a saída de Rufus da prisão, a ação foi mais conduzida pela Trudy (Regina King) do que o próprio criminoso, conferindo um papel de destaque para aquela que conduzia e continua a gerenciar os que seguem o Buck. 

Além disso, a Trudy não é a única mulher negra que se ressalta no filme, pois o papel da Mary Fields e Cuffee foram essenciais para que a trama fluísse bem e mostrasse a igual ou, até mesmo, maior coragem que os homens no enredo. 

Somado a isso, o racismo também é uma pauta tratada no filme, principalmente quando Rufus força Nat Love a roubar um banco em Maysville, a cidade com apenas homens brancos. 

Assim, Nat e Cuffee vão para a cidade em busca do dinheiro imposto por Rufus e todo o cenário se destaca por ser totalmente branco, desde as pequenas casas no clima seco do Texas até os cabelos das velhas mulheres. Nesse sentido, a risada da atendente quando Cuffee diz que fará um saque no banco, os olhares desconfiados quando chegam na cidade e a esbranquiçada em qualquer cor são as referências ao desprezo e destratamento aos negros. 

O último detalhe para ser ressaltado é uma possível percepção do motivo da obra ser nomeada como Vingança e Castigo, a primeira palavra do título compreende-se como o desejo dos Buck’s, ou seja, o Rufus, ao se vingar pelas violências na infância cometidas pelo seu pai, e o Nat Love, quando atirou no homem que matou seus pais. O segundo termo refere-se ao castigo da vingança, ou seja, o ciclo vicioso que a sede de vingar-se causa no faroeste de RedWood City, a cidade em que Rufus conquistou e padeceu.

Jay-Z, Instagram, Vingança e Castigo: Qual a relação? 

Nesta terça-feira (2), Jay-Z, famoso rapper e compositor, que é conhecido por grandes hits como Empire State of Mind, e também por ser cônjuge da cantora Beyoncé, criou pela primeira vez sua conta no Instagram, atingindo mais de 1 milhão e meio de seguidores na sua conta. 

A maior parte das notícias sobre o rapper americano era de que o seu perfil na rede social era o único seguido por Beyoncé, porém, aparentemente, o objetivo do seu Instagram era a divulgação do filme Vingança e Castigo, o qual participa na produção junto a Lawrence Bender e James Lassiter, já que depois de pouco tempo excluiu sua conta. Além disso, o rapper é responsável pela trilha sonora com King Kong Riddim, junto a Jadakiss e Conway The Machine com participação de BackRoad Gee, e Guns Go Bang, com Kid Cudi.

O elenco e de onde você o conhece

Um dos grandes destaques do novo filme de faroeste da Netflix é o elenco carregado de atores, desde DC até a Marvel. Sim, apesar de algumas pontas soltas no filme, a atuação ajuda a entender o porquê esse filme pode ser um potencial para o TOP 10 da plataforma de streaming que conhecemos. 

O personagem principal da trama é interpretado por Jonathan Majors, esse que é conhecido como Aquele Que Permanece, na série Loki (Disney +), além disso, nessa obra contamos com a atuação de Zazie Beetz, como a Mary, que foi a Dominó em Deadpool 2 (Star +), e Edi Gathegi, de Bill, o qual interpretou o vampiro Laurent de Crepúsculo

Jonathan Majors, Nat Love no filme, participou de Loki, série do Disney+.
Jonathan Majors, Nat Love no filme, participou de Loki, série do Disney+. | Foto: Reprodução.

Outro artista já reconhecido nas telas é Idris Elba, o qual interpreta o personagem principal em Luther e também participa do filme O Esquadrão Suicida, já a atriz Regina King, como Trudy, já fez o papel de Angela Abar em Watchmen. Tem como não reconhecê-los?

Conclusão

Para você que não está acostumada(o) com tantas mortes em cena, talvez Vingança e Castigo não seja a melhor das opções, porém, o filme acerta ao trazer um final inesperado e a irrelevância da vingança no final da trama. 

A obra produzida também por Jay-Z pode ser um faroeste, mas tem muito mais para oferecer. Amor, ação, amizade e morte misturados em um enredo que contribui para o envolvimento do público e torna a obra bastante aprovada com 88% pela crítica do Rotten Tomatoes, site estadunidense de críticas cinematográficas, e um total de 93% de aceitação do público geral. Então, o que você está esperando para assistir Vingança e Castigo?

Ficha Técnica – Vingança e Castigo

Título Original: The Harder They Fall
Duração: 2h19min
Lançamento: 3 de novembro de 2021
Distribuidora: Netflix
Dirigido por: Jeymes Samuel
Classificação: 16 anos
Gênero: Faroeste, Ação, Drama
País de Origem: EUA

____________________________________________________

Por Amanda Marques – Fala! UFPE

Tags mais acessadas