TV mais antiga de Pernambuco, a Jornal do Commercio, completa 60 anos
Menu & Busca
TV mais antiga de Pernambuco, a Jornal do Commercio, completa 60 anos

TV mais antiga de Pernambuco, a Jornal do Commercio, completa 60 anos

Home > Notícias > Urbano > TV mais antiga de Pernambuco, a Jornal do Commercio, completa 60 anos

18 de junho de 1960! Há exatamente 60 anos, nascia a TV Jornal do Commercio. A TV que seria referência televisiva para o estado de Pernambuco, por transmitir a cultura pernambucana de maneira única e impecável.

TV Jornal do Commercio 60 anos
TV Jornal do Commercio completa 60 anos. | Foto: Reprodução.

Trajetória da TV Jornal do Commercio

Inaugurada por Francisco Pessoa de Queiroz, a TV Jornal é o braço televisivo do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação, que dirige ainda a Rádio Jornal do Commercio (1948), o jornal impresso Jornal do Commercio (1919) e os portais NE10 e JC Online. Operando no canal 2, é a pioneira entre as TVs pernambucanas. Apesar da TV Rádio Clube ter estreitado oficialmente duas semanas antes, a TV Jornal já operava em testes fazia um tempo.

Logotipo da TV Jornal, em 1963
Logotipo da TV Jornal, em 1963. | Foto: Reprodução.

A TV Jornal tornou-se, em 1980, a TV mais antiga a funcionar em Pernambuco, após o Governo de João Baptista Figueiredo cassar as concessões da Rede Tupi de Televisão, onde, no pacote, também foi cassada a TV Rádio Clube, afiliada da Tupi.

Telejornal TV Jornal Agora, em 2005
Telejornal TV Jornal Agora, em 2005. | Foto: Reprodução.

Contém uma programação local forte e consolidada no jornalismo e entretenimento. Transmissões especiais de São João e, principalmente, de Carnaval, também são tradicionais da TV Jornal.

Na época carnavalesca, a emissora transmite a abertura do Carnaval no Recife, o desfile do maior bloco de rua do mundo, o Galo da Madrugada, os blocos nas ladeiras de Olinda e a festividade em outras cidades pelo interior, sempre soando seu tema musical de Carnaval que virou um marco durante o carnaval pernambucano: “O melhor carnaval, está na TV Jornal!”

A jornalista Graça Araújo, em 1998
A jornalista Graça Araújo, em 1998. | Foto: Reprodução.

No ramo do entretenimento, a TV Jornal, desde sua estreia, vem fazendo história. Durante a década de 1960, transmitiu novelas regionais, dando destaque para A Moça do Sobrado Grande, que ficou por nove meses no ar, sendo um grande sucesso em Pernambuco.

Programas de auditório também foram um marco desde 1960. O primeiro programa no estilo foi o Você Faz o Show, de Fernando Castelão. Outros programas também fizeram sucesso, como: Bossa 2, Programa Jota Ferreira, Cidade Encantada com tia Linda, entre outros.

Mas o programa Noite de Black tie, apresentado por Luis Geraldo, marcou época. No palco do programa, passaram artistas nacionais de peso, como Roberto Carlos, Elis Regina e Grande Otelo, além de políticos e personalidades estaduais e nacionais.

Programa de auditório Muito Mais, em 2004
Programa de auditório Muito Mais, em 2004. | Foto: Reprodução.

Nos anos 2000, foi a vez do Muito Mais, comandado por Denny Oliveira, levantar a audiência da Jornal. De 2004 à 2006, seu programa ficou consolidado no estado, liderou na audiência inúmeras vezes, mas saiu do ar devido a escândalos de abuso sexual de menores por parte do apresentador Denny Oliveira que, depois, foi condenado e desligado em definitivo da TV Jornal. Em 2007, o Muito Mais foi sucedido pelo Interativo, comandado por Danielle Monteiro que ficou até 2018.

Humorístico Papeiro da Cinderela, em 2011
Humorístico Papeiro da Cinderela, em 2011. | Foto: Reprodução.

No humor, a TV Jornal se destaca com o comediante Jason Wallace, que dá vida à personagem Cinderela, e com a turma de Flávio Barra.

Nos esportes, a TV Jornal começou a investir pesado, após a aquisição dos direitos de transmissão da Copa do Nordeste.

Telejornal TV Jornal Meio-Dia, em 2005
Telejornal TV Jornal Meio-Dia, em 2005. | Foto: Reprodução.

Mas o jornalismo, carro-chefe do Jornal do Commercio e da Rádio Jornal, também é prioridade na TV. Até os anos de 1990, a TV Jornal exibia versões locais dos telejornais das cabeças de rede que a TV Jornal fez parte.

Plantão da TV Jornal, em 2018
Plantão da TV Jornal, em 2018. | Foto: Reprodução.

Em 1992, isso começou a mudar, com os lançamentos do inicialmente Programa do Meio-Dia, renomeado tempos depois para TV Jornal Meio-Dia, e TV Jornal Notícias.

Âncoras do TV Jornal Meio-Dia, Rhaldney Santos e Graça Araújo, em 1998
Âncoras do TV Jornal Meio-Dia, Rhaldney Santos e Graça Araújo, em 1998. | Foto: Reprodução.

Rhaldney Santos e Graça Araújo foram a dupla de destaque do jornalismo. Com o passar do tempo, a TV Jornal investiria em programas de entrevista, como Momento 2, com Tony Almeida, Conversa na Madrugada e Ponto Final.

Telejornal TV Jornal Meio-Dia, em 2006
Telejornal TV Jornal Meio-Dia, em 2006. | Foto: Reprodução.

Ao longo dos anos, noticiários entravam e saíam do ar na tela do canal 2, como TV Jornal Agora, TV Jornal Manhã, TV Jornal Seis e Meia, o próprio TV Jornal Notícias, TV Jornal Mais e o Notícias da Manhã Pernambuco.

A jornalista Graça Araújo, em 2006
A jornalista Graça Araújo, em 2006. | Foto: Reprodução.

Com o surgimento do Bronca Pesada, com Josiley Cardinot, em 2005, o jornalismo da TV Jornal investiu no jornalismo popular, com outros policialescos aparecendo e se consolidando na emissora. Em períodos eleitorais, debates são realizados nas dependências da TV.

A jornalista Graça Araújo, em 2005
A jornalista Graça Araújo, em 2005. | Foto: Reprodução.

Em toda a história da TV Jornal, Graça Araújo foi a jornalista que marcou a história do canal e do jornalismo de Pernambuco.

Sede da TV Jornal do Commercio, utilizada desde a estreia
Sede da TV Jornal do Commercio, utilizada desde a estreia. | Foto: Reprodução.

Desde a criação, há 60 anos, a TV Jornal se localiza na Rua Capitão Lima, no bairro de Santo Amaro, no centro do Recife, num prédio que foi criado exclusivamente para uma emissora de TV, sendo o primeiro prédio construído para tal finalidade no estado. Contém três grandes estúdios, um deles com um auditório de capacidade para 250 pessoas, além de conter camarins, sala de maquiagem – e continha uma boutique, restaurante e uma marcenaria que confeccionava estúdios de todos os programas da TV.

primeiro logotipo da TV Jornal
O primeiro logotipo da TV Jornal, em 1960. | Foto: Reprodução.

A TV Jornal do Commercio foi afiliada de várias redes de televisão brasileiras, como: Rede de Emissoras Unidas/TV Record (1960-1963); TV Excelsior (1963-1970); Rede Globo de Televisão (1970-1972); Rede de Emissoras Independentes/TV Record (1972-1979); Rede Bandeirantes de Televisão (1979-1985) e Rede Cultura de Televisão (1985-1987). Desde 1987 é afiliada ao Sistema Brasileiro de Televisão, o SBT.

Francisco Pessoa de Queiroz
O fundador da TV Jornal, Francisco Pessoa de Queiroz. | Foto: Reprodução.

Em 1970, o fundador Francisco Pessoa de Queiroz ausentou-se do comando do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação para assumir o cargo de Senador, deixando seu filho, Paulo Pessoa de Queiroz, o que acarretaria numa crise financeira e administrativa do grupo de empresas de comunicação do Jornal do Commercio, sucateando todos os veículos do grupo, extinguindo alguns, como o jornal impresso Diário da Noite, e ameaçando de falência o jornal, o rádio e a TV Jornal do Commercio.

A jornalista Lorena Barbier, em 2005
A jornalista Lorena Barbier, em 2005. | Foto: Reprodução.

Em 1987, a TV Jornal ficou 43 dias seguidos com barras coloridas na tela, pois uma grande greve de funcionários aconteceu.

Sistema Jornal do Commercio de Comunicação controla a TV Jornal
Sistema Jornal do Commercio de Comunicação controla a TV Jornal. | Foto: Reprodução.

Para por um final na crise sem acabar com o Sistema Jornal do Commercio, o grupo foi vendido ao empresário João Carlos Paes Mendonça, fundador da rede varejista Bompreço Supermercados do Nordeste. Com a aquisição do SJCC, Paes Mendonça passaria a reunir empresas suficientes para criar em 20 de setembro de 2006, o Grupo João Carlos Paes Mendonça, o Grupo JCPM, sediado no bairro do Pina, zona-sul do Recife, em frente à praia do Pina. O Grupo JCPM também dirige uma rede de shoppings centers no Recife (com o Shopping RioMar), em cidades do Nordeste e até no Rio de Janeiro.

O empresário João Carlos Paes Mendonça, proprietário da TV Jornal
O empresário João Carlos Paes Mendonça, proprietário da TV Jornal. | Foto: Reprodução.

Tal aquisição do sistema por Paes Mendonça revitalizou todos os veículos do grupo, incluindo a TV Jornal, que chega nesta data firme e forte, consolidada histórica, patrimonial e culturalmente falando em todo o estado.

Desde 2004 está presente, de maneira própria, no interior do estado de Pernambuco, com a TV Jornal Interior (antiga TV Jornal Caruaru), sediada na cidade conhecida como a ‘capital do forró’.

Telejornal TV Jornal Notícias, em 2010
Telejornal TV Jornal Notícias, em 2010. | Foto: Reprodução.

Seu slogan faz jus à fama e ao trabalho da TV Jornal: ‘Pernambuco em primeiro lugar’, por priorizar a cultura local, o cotidiano local, a política local, o pernambucano como localmente é conhecido. Parabéns à TV Jornal do Commercio! A pioneira de Pernambuco!

Logotipo da TV Jornal, em 2004
Logotipo da TV Jornal, em 2004. | Foto: Reprodução.

______________________________
Por Álvaro José – Fala! UFPE

Tags mais acessadas