Palmeiras x São Paulo: a grande final do Paulistão 2022
Menu & Busca
Palmeiras x São Paulo: a grande final do Paulistão 2022

Palmeiras x São Paulo: a grande final do Paulistão 2022

Home > Notícias > Esporte > Palmeiras x São Paulo: a grande final do Paulistão 2022

Repetindo a final do último campeonato paulista, Palmeiras e São Paulo começaram a disputar o título nesta quarta-feira (30), no Estádio Cícero Pompeu de Toledo, no Morumbi. Com as duas melhores campanhas da fase de grupos, mesmo com a derrota por 3×1, o Verdão ainda tem a chance de conquistar seu 24º título, enquanto o Tricolor tem a vantagem e pode conquistar seu 23º troféu, se igualando ao seu “vizinho de CT”.

A segunda partida da final acontece no Allianz Parque, mesmo com todas as “complicações” com a WTorre, devido ao show do Maroon 5 na Arena. O jogo decisivo acontece no próximo domingo, às 16h. Abel Ferreira, agora de contrato renovado, tem a chance de ganhar seu 5º título sob o comando do alviverde, enquanto isso, Rogério Ceni, maior jogador da história do São Paulo, pode conquistar seu primeiro troféu como treinador do Tricolor.

Palmeiras x São Paulo: final do Paulistão 2022 promete
Palmeiras x São Paulo: final do Paulistão 2022 promete. | Foto: Reprodução/Montagem.

A campanha do São Paulo

Com um começo muito conturbado, algumas pessoas já começavam a duvidar de uma possível classificação tricolor para a fase eliminatória, porém, quando Rogério Ceni encontrou seu “time ideal”, tudo mudou, o treinador colocou a equipe nos trilhos e terminou a fase de grupos com 23 pontos, com uma campanha de 7 vitórias, 2 empates e 3 derrotas, sendo 18 gols marcados e 10 gols sofridos.

Na fase de mata-mata, o São Paulo começou sua caminhada para a final contra o São Bernardo, e jogando no Morumbi, conseguiu uma vitória em que o placar foi muito elástico para o que aconteceu durante o jogo, com uma vitória por 4×1, com 3 gols marcados após os 35 minutos do segundo tempo, após sair perdendo no começo da etapa final.

Na semifinal, o São Paulo enfrentou o grande rival Corinthians, e só aos 42 minutos do primeiro tempo conseguiu abrir o placar, após uma boa troca de passes do lado esquerdo do campo, Rodrigo Nestor achou Wellington sozinho na área, e o lateral esquerdo colocou a bola no ângulo de Cássio. O segundo gol tricolor saiu aos 18 minutos da segunda etapa, quando Calleri rolou uma bola para entrada da área e Alisson empurrou a bola para dentro.

O gol corintiano saiu apenas no fim do jogo, quando Jô roubou a bola após vacilo de Jandrei e só empurrou para o fundo da rede. Os principais destaques do São Paulo na competição são: Jonathan Calleri, com 6 gols e 1 assistência, Rodrigo Nestor, um dos melhores jogadores da competição, com 2 gols e 4 assistências, e, por fim, o jovem volante Pablo Maia, com 1 gol e 1 assistência, mas com uma maturidade de gente grande.

A campanha do Palmeiras

Dono da melhor campanha da história do Paulistão desde que o formato com 16 equipes e 4 grupos foi implantado, o Palmeiras de Abel Ferreira mantém um ritmo intenso desde o começo da competição, visto que é o único time que chega na final de forma invicta desde a mudança no regulamento, que aconteceu em 2017. O Verdão terminou a fase de grupos com uma campanha de 9 vitórias e 3 empates, com 17 gols feitos e apenas 3 gols sofridos.

Nas quartas de final, o Palmeiras enfrentou a equipe do Ituano, e conseguiu uma vitória tranquila por 2×0, abrindo o placar com Raphael Veiga logo aos 3 minutos de jogo, e aumentou com Rony, aos 10 minutos da segunda etapa, se garantindo na semifinal do Paulistão pela nona vez seguida, conquistando apenas um título nesse meio tempo.

Já na semifinal, o Palmeiras enfrentou o Red Bull Bragantino, e novamente abriu o placar cedo, após uma jogada ensaiada no escanteio, Gustavo Scarpa cruzou, Gomez ajeitou para o meio da área e Murilo, zagueiro-artilheiro, marcou aos 2 minutos de jogo. Mas logo aos 18 minutos de jogo, o time de Bragança empatou aos 18 minutos com Leo Realpe.

E o 1×1 durou até os 40 minutos, quando após uma boa jogada de Dudu, Veiga e Rony, o camisa 7 empurrou a bola pra dentro e garantiu a 3ª final consecutiva para o Verdão.Os principais destaques do Palmeiras na competição são: Raphael Veiga, com 4 gols e 3 assistências, Rony, com 4 gols e 2 assistências, e o zagueiro Murilo, que marcou 3 gols na competição.

E aí torcedores: quem fica com o título do Paulistão, o Palmeiras de Abel Ferreira, ou o São Paulo de Rogério Ceni?

__________________________________________

Por Leonardo Pignatari – Fala! PUC-SP

Tags mais acessadas