Cadastre-se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Quero me cadastrar!
Menu & Busca
Ônibus de SP aceitarão pagamento com cartão de crédito e débito

Ônibus de SP aceitarão pagamento com cartão de crédito e débito

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria de Mobilidade e Transportes e a São Paulo Transporte (SPTrans) anunciou nesta quinta-feira (12) o lançamento de um projeto-piloto que permitirá aos usuários pagarem com cartões de crédito e débito as passagens de ônibus na capital paulista, usando a tecnologia de aproximação NFC (Comunicação de Campo Próximo, na sigla em inglês).

A iniciativa envolve as bandeiras Mastercard, Elo e Visa. Nesta primeira fase, a tecnologia estará presente em cerca de 200 veículos municipais operando em 12 linhas.

VIAGENS DE ÔNIBUS: DICAS PARA UMA ÓTIMA EXPERIÊNCIA

NFC em ônibus em São Paulo
Ônibus de SP aceitarão cartões de débito e crédito. | Foto: Divulgação Mastercard.

O objetivo do projeto é facilitar a vida do passageiro que não precisará mais sacar dinheiro nem enfrentar fila para recarregar o bilhete único.

Como funciona?

Basta aproximar o cartão em um dos validadores sinalizados e o valor da passagem será debitado diretamente na fatura (para cartões de crédito) ou na conta corrente (para cartões de débito), sem custo adicional ou taxas.

Será cobrada a tarifa atual de R$ 4,30. Não haverá integração tarifária: se o passageiro pegar outro ônibus, terá que pagar mais R$ 4,30; o mesmo vale para metrô e trem. O Bilhete Único seguirá existindo.

O sistema é compatível com as carteiras digitais Apple Pay, Google Pay e Samsung Pay. São aceitos cartões emitidos no Brasil ou no exterior; dessa forma, os 2 milhões de turistas estrangeiros que visitam São Paulo a cada ano poderão utilizar seus cartões para pagar a tarifa de ônibus.

Não precisa de senha no pagamento com cartão

Os cartões contactless permitem realizar pagamentos de até R$ 50 sem digitar senha, no máximo 5 vezes ao dia; por isso, o validador do ônibus nem possui um teclado para a senha.

No caso do celular, você terá que desbloquear o aparelho via digital ou Face ID para liberar o Apple Pay, Samsung Pay ou Google Pay.

O projeto-piloto vai durar por três meses ou até atingir o limite de 500 mil transações.

“Talvez, no futuro, isso se torne a principal forma de uso aqui em São Paulo”.

disse o prefeito Bruno Covas.

Conheça as 12 linhas que aceitarão os cartões de débito e crédito a partir de sábado (14):

  • 2590/10 — Pq. D. Pedro II/União de Vl. Nova
  • 4031/10 — Metrô Tamanduateí/Pq. Sta. Madalena
  • 6030/10 — Term. Sto. Amaro/UNISA – Campus 1
  • 917M/10 — Metrô Ana Rosa/Morro Grande
  • 2002/10 — Term. Bandeira/Ter. Pq. D. Pedro II
  • 715M/10 — Lgo. da Pólvora/Jd. Maria Luiza
  • 908T/10 — Butantã/Pq. D. Pedro II
  • 9300/10 — Ter. Pq. D. Pedro II/Ter. Casa Verde
  • 9500/10 — Pça. Do Correio/Term. Cachoeirinha
  • 5129/10 — Term. Guarapiranga/Jd. Miriam
  • 807M/10 — Shop. Morumbi/Term. Campo Limpo
  • 675R/10 — Metrô Jabaquara/Grajaú

Para facilitar a identificação dos ônibus que possuem os terminais de NFC, serão colados adesivos nas portas com o símbolo do pagamento por aproximação.

Pagamento com aproximação
Símbolo do pagamento NFC (Near Field Communication).

PREFEITURA DE SÃO PAULO APREENDE MAIS DE 500 PATINETES

0 Comentários

Tags mais acessadas