Entenda como realmente funciona a inteligência artificial
Menu & Busca
O que é inteligência artificial?

O que é inteligência artificial?

Home > Notícias > Mercado > O que é inteligência artificial?

Pensar sobre o que é inteligência artificial pode ser um tanto quanto complexo, sabemos. Às vezes, nem nos damos conta que ela já está muito presente em nosso cotidiano. A Inteligência Artificial (AI, de artificial intelligence) é fruto do avanço tecnológico. A tecnologia de inteligência artificial é sobre fazer com que máquinas executem tarefas, antes reservadas às pessoas, por conta própria. 

Indo mais além, as inteligências artificiais permitem que sistemas simulem características similares à espécie humana. Ou seja, tomem decisões independentes, aprendam sobre diversos temas e percebam qual o caminho certo a seguir, julgando de maneira racional. Incrível, não é?

inteligencia artificial como funciona
A inteligência artificial impactou e alterou diversas funções de nosso cotidiano (Foto: Unsplash)

Inteligência artificial: antes x hoje

Antigamente, os computadores precisavam de três pilares para serem promovidos de computação simples à inteligência artificial. Tratavam-se de modelos de dados para classificar, processar e analisar de maneira  exemplar; grande acesso a uma quantidade de dados não processados e uma computação eficiente a um custo acessível.

Com a evolução desses pilares, a inteligência artificial se tornou mais acessível e possível por meio de big data, computação em nuvem e bons modelos de dados. Uma inteligência artificial aprende realmente como um ser humano: recebe, assimila e organiza os dados. Assim, consegue diferenciar objetos, pessoas, padrões e diversas outras reações. 

Inteligência artificial: campo de estudo

Você sabia que a IA é um campo de estudo acadêmico há boas décadas? Desde o início dessa instigante invenção, a inteligência artificial vem sendo estudada para estar sempre em constante evolução nos quesitos de perceber seu ambiente e funcionar da forma mais eficiente possível. Além disso, busca, a todo o tempo, desenvolver atividades humanas de maneira autônoma.

Como funciona a inteligência artificial?

Já vimos que ela busca simular características humanas. E essa simulação das condições do pensamento humano se tornou uma tarefa mais complexa do que se tinha planejado. O motivo é a dificuldade de compreender o funcionamento do cérebro humano.

Operações

A tecnologia é composta por códigos e programação que funcionam por meio de funções matemáticas, dados digitais e algoritmos inteligentes. Os valores dessas operações matemáticas não são aleatórios, todos tem um significado e uma função específica. A maneira como cada máquina interpreta os dados varia de acordo com sua finalidade. Com a diversidade de IA, já existem diversos códigos, dados e conhecimentos que facilitam o processo de aprendizado.

Dia a dia

Inteligências artificiais, como dito antes, estão muito presentes em nosso cotidiano. Como por exemplo em carros autônomos, atendimento hospitalar, nas redes sociais, no celular, na internet, jogos, robótica, aplicativos de reconhecimento de voz etc.

Cinema: inteligência artificial filme e a inteligência artificial

Não é só na nossa rotina! O tema da inteligência artificial também já ganhou diversos espaços nas telonas. Normalmente, é mais abordado em filmes de ficção científica, como Eu, Robô, de Alex Proyas; Exterminador do Futuro, de James Cameron; 2001: Uma Odisseia no Espaço, a obra-prima de Stanley Kubrick; Metropolis, do austríaco Fritz Lang e Matrix, de Joel Silver e escrito pelos irmãos Andy e Lana Wachowski.

Na maioria das histórias, ela é a vilã e uma ameaça aos humanos, mas isso é, como o gênero indica, ficção. Outro filme que ganhou bastante destaque por tratar desse tema foi AI: Inteligência Artificial, dirigido por Steven Spielberg; Her, um filme de 2013 dirigido por de Spike Jonze e Ex-Machina de 2015, escrito e dirigido por Alex Garland.

Inteligência artificial: vantagens para a empresa

Compreender o que é e aderir a uma inteligência artificial pode ser um grande diferencial para a empresa. Isso porque a IA torna o profissional mais produtivo, possibilitando que colaboradores que executam tarefas repetitivas usem esse tempo para inovar e criar ferramentas que somem à empresa.

Com a automatização dessas tarefas repetitivas, numerosas e burocráticas, há também uma otimização do trabalho, contribuindo na geração de oportunidades de negócios para a empresa.

O atendimento a um cliente pode ser uma atividade exaustiva e estressante. Uma das soluções com o uso da inteligência seria o chatbot (ou chatterbot). Ele é um software programado para simular uma conversa com uma ou mais pessoas pela Internet, usando uma linguagem natural e bem parecida com a de uma pessoa real.

A vantagem para uma boa CRM (Gestão de Relacionamento com o Cliente) é que a resposta dos chatbots é instantânea. Isso ajuda em muitos processos de vendas, consultas ou solução de dúvidas. 

Tipos de chatbot

Agora, há dois tipos de chatbots: um que segue um conjunto de regras e outro, que utiliza a inteligência artificial. O primeiro é programado para responder comandos com palavras-chave definidas, portanto, ele só irá responder o que foi registrado em seu vocabulário ou não irá responder.

No entanto, o segundo que usa a inteligência artificial é mais “inteligente”. Ele é programado para aprender enquanto interage com as pessoas, assimilando mais palavras e linguagens durante o diálogo. Esse tipo de chatbot consegue ser mais preciso e inteligente, conseguindo saber a intenção, linguagem, contexto e até mesmo o humor da pessoa.

Marketing e inteligência artificial

Para o marketing, isso pode contribuir no envolvimento com o cliente, ampliando a comunicação entre novos e antigos graças ao atendimento rápido disponível em plataformas de crm. Chatbots auxiliam nas estratégias de venda.

Acompanham todo o processo de pesquisa até o pós-venda do produto e coleta dados do perfil dos compradores, promovendo uma melhor perspectiva e ajudando na criação de outras campanhas de marketing. Isso contribui para uma otimização de processos e também para a manutenção do relacionamento com o cliente por meio de aplicativos de gestão.

Inteligência artificial: os dois lados

Com tantos filmes de ficção, não é difícil imaginar o caos que pode ser causado por essas máquinas de metal, com um enorme poder físico e de raciocínio, agindo de forma desvinculada à vontade humana. 

 Mas se por um lado conseguimos pensar em diversas consequências e eventos negativos que as inteligências artificiais podem causar, também conseguimos mensurar o quanto elas chegaram para somar.

Essa tecnologia ainda irá ganhar muita utilidade na medicina, podendo diminuir, assim, o número de óbitos. Também promete contribuir na descoberta/ exploração de outros planetas, resgates de bombeiros e operações de polícias, além de poder  contribuir com coisas que nem sabemos que estão por vir.

O futuro da inteligência artificial promete uma grande era de produtividade e muita inovação, na qual o ser humano será peça fundamental para velocidade e criação. Agora? Só nos resta aguardar… e estudar sobre o tema!

Magnet Customer

Para mais informações sobre esse e outros assuntos, entre em contato. A Magnet Customer cria relacionamento com clientes e gera negócios para a sua empresa, confira!

__________________________________
Por Letícia Gusman – Fala! Centro Universitário Belas Artes de São Paulo

Tags mais acessadas