O histórico título do Colón na Copa da Liga Argentina
Menu & Busca
O histórico título do Colón na Copa da Liga Argentina

O histórico título do Colón na Copa da Liga Argentina

Home > Notícias > Esporte > O histórico título do Colón na Copa da Liga Argentina

Após 116 anos de história, este foi o primeiro título nacional do clube Colón na elite do futebol argentino

Colón
Jogadores e comissão técnica do Colón comemorando o título da Copa da Liga Argentina. | Foto: Reprodução/Noticias Mercedinas.

Em partida disputada no Estádio del Bicentenario, na província de San Juan, o Colón venceu o Racing por 3×0 e conquistou a Copa da Liga Argentina de 2021. Esse foi o primeiro título de grande importância da equipe de Santa Fe, que só havia vencido anteriormente a Segunda Divisão do país em 1965. Antes da decisão, o Colón eliminou o Talleres e o Independiente no mata-mata, além de ter sido o líder do grupo A, com 25 pontos.

Eduardo Domínguez, o comandante do Colón

Eduardo Domínguez
Jovem treinador Eduardo Domínguez, comandante do campeão Colón. | Foto: Reprodução/É o Time do Povo.

Aos 42 anos de idade, Eduardo Domínguez viveu o seu primeiro título conquistado na Argentina como treinador. Antes, ele foi um zagueiro com mais de 15 anos de carreira. Conquistou um Torneio Clausura pelo Vélez Sarsfield, em 1998, e uma Copa Argentina pelo Huracán, em 2014. Além disso, também atuou em clubes como Racing, Independiente, Olimpo, All Boys, Atlético Rafaela, Independiente Medellín, da Colômbia, e Los Angeles Galaxy, dos Estados Unidos.

Sua carreira como técnico começou no Huracán, onde havia se aposentado como atleta. Lá, foi vice-campeão da Sul-Americana em 2015 e chegou às oitavas de final da Libertadores no ano seguinte. Depois, passou pelo Colón, onde ficou por duas temporadas, até chegar ao Nacional do Uruguai, equipe em que ele conquistou a Supercopa Uruguaia em 2019.

Elenco titular

futebol
O atacante Luis Miguel Rodríguez, ídolo histórico do Colón. | Foto: Reprodução/El Universo.

No gol, o uruguaio Leonardo Burián fez uma grande Copa da Liga Argentina, ficando nove jogos sem sofrer gols, com uma média de 3.1 defesas por partida. Aos 37 anos, ele conquistou o seu primeiro título no futebol argentino, onde atua desde 2017.

Nas laterais, Facundo Mura e Gonzalo Escobar foram essenciais na conquista do Colón. Mura, de 22 anos, assumiu a titularidade ao longo do torneio. Em uma de suas chegadas ao ataque, ele fez um belo cruzamento para o meio-campista Rodrigo Aliendro, que abriu o placar na decisão. Já Escobar, de 24 anos, se mostrou um grande defensor, tendo médias de 2.1 interceptações e 2.5 desarmes por partida.

A dupla de zaga campeã foi formada pelos argentinos Gonzalo Piovi e Facundo Garcés. O primeiro está emprestado pelo Racing até final de 2021 e mostrou muita segurança no decorrer dos jogos, não cometendo nenhum erro que causasse um gol ou um chute adversário. Garcés é um jovem revelado nas categorias de base do Colón e que rapidamente se colocou como titular, demonstrado muito talento e qualidade técnica.

Escalação titular do Colón
Escalação titular do Colón, campeão da Copa da Liga Argentina. | Foto: Lineup Builder.

O meio-campo armado por Eduardo Domínguez é composto por quatro jogadores. Mais atrás, Federico Lértora e Rodrigo Aliendro dão a saída de bola e chegam com muita eficiência no ataque. Pelas pontas, Christian Bernardi e Alexis Castro marcaram sete gols somados, sendo peças fundamentais na construção de jogadas ofensivas da equipe.

Logo à frente, o jovem Cristian Ferreira, emprestado pelo River Plate, é o braço-direito do craque Luis Miguel Rodríguez, ídolo do Colón. Aos 36 anos, “El Pulga”, como é conhecido, foi o artilheiro da Copa da Liga Argentina com oito gols marcados. O torneio pode marcar a despedida do atacante diante da torcida sabalera, que com certeza lembrará do atleta como um exemplo de luta, dedicação e muita qualidade técnica.


*Nós, do projeto Esporte em Pauta, estamos realizando uma parceria com o Fala!; se quiser ter acesso a mais conteúdos sobre os mais variados esportes, procure nossa página no Instagram (@esporte_em_pauta) e no Twitter (@EsportePauta).

_____________________________
Por Victor Fardin – Fala! PUC-SP

Tags mais acessadas